VALE5.SA - Vale S.A.

Sao Paolo - Sao Paolo Preço Adiado. Moeda em BRL.
30,62
+0,30 (+0,99%)
No fechamento: 6:06PM BRST
O gráfico de ações não é compatível com seu navegador atual
Fechamento anterior30,32
Abrir30,35
Preço de Compra30,07 x 0
Preço de Venda31,00 x 0
Variação do Dia30,07 - 30,89
Variação de 52 semanas21,61 - 35,20
Volume1.672.400
Estimativa Volume4.130.652
Capitalização de Mercado172,91B
BetaN/A
Índice P/L (últ. 12 mes.)13,88
LPA (últ. 12 mes.)N/A
Data da ReceitaN/A
Dividendo futuro e rendimentoN/A (N/A)
Data do ex-dividendoN/A
Meta estimada de 1 anoN/A
  • Reutershá 7 horas

    Vale convoca assembleia de acionistas para 21 de dezembro

    RIO DE JANEIRO (Reuters) - A mineradora brasileira Vale convocou nesta sexta-feira uma assembleia geral extraordinária (AGE) de acionistas para 21 de dezembro, quando deverão deliberar sobre proposta de migração da companhia para o Novo Mercado, o mais alto nível de governança da bolsa paulista B3. Segundo o edital de convocação, também estão previstas deliberações para mudanças no estatuto social da empresa, necessárias para a migração. O presidente da Vale, Fabio Schvartsman, disse recentemente que a empresa deve estar listada no Novo Mercado a partir de 22 de dezembro. (Por Marta Nogueira)

  • Reutershá 8 horas

    Vale vende ativos de fertilizantes em Cubatão à Yara por US$255 mi

    RIO DE JANEIRO (Reuters) - A Vale celebrou um acordo para a venda à norueguesa Yara de sua subsidiária integral Vale Cubatão Fertilizantes, que opera os ativos de nitrogenados e fosfatados em Cubatão (SP), por 255 milhões de dólares, informaram ambas as empresas nesta sexta-feira. O montante acordado será pago em dinheiro com recursos próprios da Yara mediante a conclusão da transação, prevista para o segundo semestre de 2018. ...

  • Reutershá 8 horas

    EXCLUSIVO-Vale adia venda de fatia em mina de níquel de Nova Caledônia, dizem fontes

    Por Tatiana Bautzer e Nicole Mordant NEW YORK/VANCOUVER (Reuters) - A mineradora brasileira Vale decidiu adiar o processo de venda de participação em uma mina de níquel na Nova Caledônia, após considerar as propostas iniciais pelo ativo muito baixas, disseram à Reuters duas fontes com conhecimento direto do assunto. A maior produtora de minério de ferro do mundo pode atrasar o processo em até um ano. A empresa prevê uma recuperação dos preços do níquel, segundo as fontes, que pediram anonimato porque não estão autorizadas a abordar o assunto. ...

  • Reutershá 8 horas

    Vale adia venda de fatia em mina de níquel de Nova Caledônia, dizem fontes

    Por Tatiana Bautzer e Nicole Mordant NEW YORK/VANCOUVER (Reuters) - A mineradora brasileira Vale decidiu adiar o processo de venda de participação em uma mina de níquel na Nova Caledônia, após considerar as propostas iniciais pelo ativo muito baixas, disseram à Reuters duas fontes com conhecimento direto do assunto. A maior produtora de minério de ferro do mundo pode atrasar o processo em até um ano. A empresa prevê uma recuperação dos preços do níquel, segundo as fontes, que pediram anonimato porque não estão autorizadas a abordar o assunto. ...

  • Reutershá 9 horas

    Vale fecha acordo para venda de unidade em Cubatão à Yara por US$255 mi

    RIO DE JANEIRO (Reuters) - A Vale celebrou um acordo de 255 milhões de dólares de compra de cotas com a norueguesa Yara para a venda de sua subsidiária integral Vale Cubatão Fertilizantes, que opera os ativos de nitrogenados e fosfatados em Cubatão (SP), informaram ambas as empresas nesta sexta-feira. O montante acordado será pago em dinheiro mediante a conclusão da transação contemplada pelo acordo de compra, prevista para o segundo semestre de 2018. A operação ainda está sujeita à aprovação das autoridades competentes. ...

  • Reutershá 10 horas

    MPF pode pedir retorno de ação de R$155 bi contra a Samarco caso não haja acordo

    Por Marta Nogueira RIO DE JANEIRO (Reuters) - O Ministério Público Federal poderá pedir à Justiça o retorno da tramitação de ação de 155 bilhões de reais contra a mineradora Samarco, caso ambas as partes não cheguem a um acordo em cinco meses sobre o modelo de governança que rege as ações de reparação a favor dos atingidos pelo rompimento de uma barragem da empresa em 2015. ...

  • Reutersontem

    Ibovespa sobe 2,28% na volta do feriado, puxado por exterior e balanços

    SÃO PAULO (Reuters) - O principal índice da Bovespa subiu mais de 2 por cento nesta quinta-feira, superando os 72 mil pontos, recuperação motivada pelo maior apetite por risco dos investidores no exterior, além de ajustes ao movimento das ADRs e balanços positivos. O Ibovespa avançou 2,38 por cento, a 72.511 pontos. Na máxima, o indicador chegou a subir 2,92 por cento. Em 2017, a alta acumulada é de pouco mais de 20 por cento. "(O humor) melhorou lá fora e aqui nos recuperamos em cima disso", afirmou Wagner Salaverry, diretor de renda variável da Quantitas. ...

  • Reutersanteontem

    Na volta do feriado, Bovespa sobe mais de 1% com maior apetite por risco no exterior

    Por Gabriela Mello SÃO PAULO (Reuters) - O principal índice acionário da B3 subia mais de 1 por cento nesta quinta-feira, sustentando-se nos ganhos de blue chips na volta do feriado e acompanhando a melhora do humor nos mercados internacionais, enquanto investidores assimilavam os números dos últimos balanços da temporada e monitoravam as articulações em Brasília para o avanço de reformas. Às 12:23, o Ibovespa subia 1,55 por cento, a 71.924 pontos. O giro financeiro somava 1,9 bilhão de reais. ...

  • Reutersanteontem

    Vale vai cortar investimentos em segmentos de baixo retorno, diz CEO Schvartsman

    Por Tatiana Bautzer NOVA YORK (Reuters) - A Vale vai interromper novos investimentos em segmentos de baixo retorno, como seu negócio de níquel, disse o presidente-executivo da mineradora nesta quarta-feira. Fabio Schvarstman afirmou a investidores em uma conferência em Nova York que espera que os preços do níquel se recuperem a médio prazo, à medida que a demanda pelo metal avança, graças à demanda dos produtores de baterias. ...

  • Reutershá 9 dias

    Vale diz que recebeu propostas por projeto de níquel Nova Caledônia

    Por Alexandra Alper RIO DE JANEIRO (Reuters) - A mineradora brasileira Vale disse nesta quarta-feira que recebeu ofertas para investimentos em seu projeto de níquel de Nova Caledônia, em um momento em que a companhia reavalia seus negócios em níquel. "Nós recebemos propostas de interessados. O processo continua", disse uma porta-voz da Vale em comunicado, sem dar mais detalhes. A Vale disse em setembro que estava procurando parceiros para a mina, localizada em uma ilha no Pacífico. A mineradora disse anteriormente que estava revisando seu negócio de níquel em meio a preços baixos para o metal. ...

  • InfoMoneyhá 10 dias

    Carteira InfoMoney traz Vale e mais 3 novas ações para novembro; veja lista

    Thiago Salomão explicará detalhadamente a Carteira Recomendada InfoMoney, ao vivo, às 14h45 na InfoMoney TV 

  • Reutershá 11 dias

    Ibovespa sobe 0,53% com menos aversão a risco no exterior

    Por Flavia Bohone SÃO PAULO (Reuters) - O principal índice da bolsa paulista subiu nesta segunda-feira, amparado no cenário de menor aversão a risco no exterior após registrar a maior queda semanal desde maio, enquanto a cautela com o cenário político local limitou o ímpeto dos negócios. O Ibovespa fechou em alta de 0,53 por cento, a 74.310 pontos. O giro financeiro somou 9,22 bilhões de reais. ...

  • Reutershá 12 dias

    ANTT nega pedido da Vale para ajustar metas de produção na Estrada de Ferro Carajás

    SÃO PAULO (Reuters) - A diretoria colegiada da Agência Nacional de Transportes Terrestres (ANTT) decidiu indeferir um pedido da mineradora Vale para ajustar metas de produção para a Estrada de Ferro Carajás - EFC no ano de 2017, segundo publicação do órgão regulador no Diário Oficial da União desta segunda-feira. De acordo com a resolução da ANTT, ficam mantidas as metas de produção definidas anteriormente para Carajás. A publicação da ANTT não detalha qual era o pleito da Vale para as metas. (Por Luciano Costa)

  • Reutershá 16 dias

    Ibovespa fecha em baixa com cautela por política local e antes de decisão sobre comando do Fed

    Por Flavia Bohone SÃO PAULO (Reuters) - O principal índice da bolsa paulista fechou no vermelho nesta quarta-feira, perdendo fôlego após os ganhos vistos mais cedo, com investidores adotando cautela antes do feriado local e diante de incertezas com a política interna. O movimento também foi permeado pela expectativa em torno do anúncio do novo líder do Federal Reserve, banco central dos Estados Unidos, a ser anunciado pelo presidente norte-americano, Donald Trump, na quinta-feira. O Ibovespa fechou o primeiro pregão de novembro em queda de 0,65 por cento, a 73.823 pontos. ...

  • Privatização da Eletrobras não é operação de salvamento, diz ministro do Planejamento
    Reutershá 17 dias

    Privatização da Eletrobras não é operação de salvamento, diz ministro do Planejamento

    BRASÍLIA (Reuters) - O ministro do Planejamento, Dyogo Oliveira, defendeu nesta quarta-feira que a privatização da Eletrobras não consiste numa "operação de salvamento" pelo governo, mas sim numa forma de transformar a empresa numa companhia brasileira "com capacidade para ser grande investidor internacional". Falando na Comissão Mista de Orçamento (CMO) do Congresso Nacional, Oliveira reiterou que a União não vai vender suas ações na Eletrobras. "A Eletrobras pode ser uma grande do mundo, pode ser uma Vale. A Vale depois que foi privatizada é uma das maiores do mundo", afirmou. ...

  • Reutershá 17 dias

    Ibovespa sobe com menor aversão a risco no exterior; Vale é destaque positivo

    SÃO PAULO (Reuters) - O principal índice da bolsa paulista operava no azul nesta quarta-feira, com o cenário externo de menos aversão a ativos de risco ajudando na tentativa por recuperação do índice após duas quedas seguidas, em sessão que tinha as ações da Vale entre as principais influências positivas. Às 11:19, o Ibovespa subia 0,44 por cento, a 74.637 pontos. O giro financeiro era de 1,65 bilhão de reais. ...

  • Reutershá 17 dias

    Ibovespa recua 0,66% e zera ganhos de outubro

    Por Flavia Bohone SÃO PAULO (Reuters) - O principal índice da bolsa paulista recuou nesta terça-feira, com investidores preferindo cautela ante preocupações com o avanço da agenda de reformas ajudando também a tirar ímpeto no mês, que terminou apenas estável, após ter renovado recordes. As atenções no pregão também se voltaram para o noticiário corporativo. Cielo teve forte alta e liderou a ponta positiva após resultado trimestral, enquanto Itaú Unibanco ficou entre as maiores pressões negativas. O Ibovespa fechou caiu 0,66 por cento, a 74. ...

  • Lucro da Vale sobe quase 4 vezes; empresa projeta aumento de produção em 2018
    Reutershá 22 dias

    Lucro da Vale sobe quase 4 vezes; empresa projeta aumento de produção em 2018

    Por Marta Nogueira e Roberto Samora SÃO PAULO/RIO DE JANEIRO (Reuters) - A mineradora Vale teve lucro líquido no terceiro trimestre quase quatro vezes superior ao registrado no mesmo período de 2016, devido a melhorias na realização de preços de minério de ferro, e prevê elevar a produção da commodity em 2018, com expectativa de mercado firme. O lucro líquido entre julho e setembro foi de 7,14 bilhões de reais no terceiro trimestre, ou 2,23 bilhões de dólares, levemente abaixo do consenso de estimativas compiladas pela Thomson Reuters, de 2,439 bilhões de dólares. ...

  • Reutershá 23 dias

    CEO da Vale prevê "bom" 4º tri, em linha com os resultados do ano

    SÃO PAULO/RIO DE JANEIRO (Reuters) - Os resultados da mineradora Vale só não foram melhores no terceiro trimestre porque os preços de minério de ferro se enfraqueceram ao final do período, e a companhia espera um "bom" quarto trimestre também, disse nesta quinta-feira o presidente-executivo da empresa, Fabio Schvartsman, em teleconferência com analistas. "Tendo em vista os esforços que a companhia está fazendo, obviamente o quarto trimestre é um trimestre sazonalmente mais fraco do que o terceiro, principalmente em termos de preço. ...

  • Lucro da Vale sobe quase 4 vezes no 3º tri, mas fica abaixo do esperado
    Reutershá 23 dias

    Lucro da Vale sobe quase 4 vezes no 3º tri, mas fica abaixo do esperado

    Por Roberto Samora SÃO PAULO (Reuters) - A mineradora Vale teve lucro líquido de 7,14 bilhões de reais no terceiro trimestre, quase quatro vezes superior ao registrado no mesmo período de 2016, devido a melhorias na realização de preços, levando a empresa a dizer nessa quinta-feira que está a caminho de acelerar a redução do endividamento líquido. ...

  • Lucro líquido da Vale sobe quase 4 vezes no 3º tri e soma R$7,14 bi
    Reutershá 23 dias

    Lucro líquido da Vale sobe quase 4 vezes no 3º tri e soma R$7,14 bi

    SÃO PAULO (Reuters) - A mineradora Vale teve lucro líquido de 7,14 bilhões de reais no terceiro trimestre, quase quatro vezes superior ao registrado no mesmo período de 2016, devido a melhorias na realização de preços, levando a empresa a dizer nessa quinta-feira que está a caminho de acelerar a redução do endividamento líquido. O lucro antes de juros, impostos, depreciação e amortização (Ebitda) ajustado somou 13,25 bilhões de reais no período, alta de 37,5 por cento ante o mesmo trimestre do ano passado, com aumento nas vendas de seu principal produto. ...

  • Reutershá 24 dias

    Bovespa sobe e recupera os 76 mil pontos, amparado em ganhos da Vale

    Por Flavia Bohone SÃO PAULO (Reuters) - O principal índice da bolsa paulista subiu nesta terça-feira, recuperando o patamar dos 76 mil pontos perdido na véspera, com o movimento de recuperação amparado nos ganhos da Vale , que avançou diante de expectativa positiva pelo resultado trimestral da mineradora. O Ibovespa fechou em alta de 1,24 por cento, a 76.350 pontos. O giro financeiro somou 8,57 bilhões de reais. ...

  • Reutershá 25 dias

    Bovespa sobe e volta aos 76 mil pontos; Fibria é destaque positivo

    SÃO PAULO (Reuters) - O principal índice da bolsa paulista operava no azul nesta terça-feira, buscando se manter no patamar de 76 mil pontos perdido na véspera, em sessão que tinha as ações da Fibria entre as maiores altas, após a produtora de celulose divulgar seu resultado para o terceiro trimestre. Às 11:46, o Ibovespa subia 0,79 por cento, a 76.009 pontos. O giro financeiro era de 1,76 bilhão de reais. ...

  • Reutershá 29 dias

    Ibovespa recua 0,4%; Vale sobe e alivia pressão

    SÃO PAULO (Reuters) - O principal índice da bolsa paulista fechou em baixa nesta quinta-feira, diante de um cenário externo menos favorável a ativos de risco, embora tenha se afastado das mínimas após as ações da Vale reverterem para cima. O Ibovespa caiu 0,4 por cento, a 76.283 pontos, após cair 1,6 por cento na mínima. O giro financeiro do pregão somou 7,16 bilhões de reais, abaixo da média diária para o mês até a véspera, de 11,4 bilhões de reais. A leve melhora em Wall Street também aliviou o Ibovespa. ...

  • Reutershá 29 dias

    Índice recua com menor apetite a risco, mas se afasta das mínimas após alta da Vale

    SÃO PAULO (Reuters) - O principal índice da bolsa paulista fechou em baixa nesta quinta-feira, diante de um cenário externo menos favorável a ativos de risco, embora tenha se afastado das mínimas após as ações da Vale reverterem para fecharem em alta. Com base em dados preliminares, o Ibovespa caiu 0,52 por cento, a 76.190 pontos. O giro financeiro era de 6,5 bilhões de reais. (Por Flavia Bohone)