Mercado fechado
  • BOVESPA

    121.880,82
    +1.174,91 (+0,97%)
     
  • MERVAL

    38.390,84
    +233,89 (+0,61%)
     
  • MXX

    49.219,26
    +389,95 (+0,80%)
     
  • PETROLEO CRU

    65,51
    +1,69 (+2,65%)
     
  • OURO

    1.844,00
    +20,00 (+1,10%)
     
  • BTC-USD

    47.689,54
    -2.964,01 (-5,85%)
     
  • CMC Crypto 200

    1.398,33
    +39,77 (+2,93%)
     
  • S&P500

    4.173,85
    +61,35 (+1,49%)
     
  • DOW JONES

    34.382,13
    +360,68 (+1,06%)
     
  • FTSE

    7.043,61
    +80,28 (+1,15%)
     
  • HANG SENG

    28.027,57
    +308,90 (+1,11%)
     
  • NIKKEI

    28.084,47
    +636,46 (+2,32%)
     
  • NASDAQ

    13.398,00
    +297,75 (+2,27%)
     
  • BATS 1000 Index

    0,0000
    0,0000 (0,00%)
     
  • EURO/R$

    6,4040
    -0,0085 (-0,13%)
     

Monique Alfradique se desculpa após dar emoji de pamonha a Caio: "Respeito todas as regiões do Brasil"

Comentarista convidada do Plantão BBB desta terça-feira (13), Monique Alfradique teve uma fala infeliz a respeito de Caio e foi questionada pela apresentadora Ana Clara.

Em uma brincadeira na qual ela deveria dar um emoji para cada participante, Monique escolheu uma pamonha para Caio: "Para o Caio eu vou dar pamonha, por essa coisa do interior que ele tem já". "Essa resposta do interior eu vou ignorar", rebateu Ana Clara, enquanto Monique sorria.

Leia também:

Pouco depois, o comentário repercutiu negativamente nas redes sociais, e Monique pediu desculpas por ter falado das origens de Caio. O brother é de Anápolis, em Goiás, e passou boa parte da vida trabalhando com plantio de soja e milho na fazenda do pai.

Em seus stories, Monique afirmou que reviu sua participação no programa e concorda que suas colocações foram infelizes. “Gente, eu participei do plantão BBB, recebi muitas mensagens e fui rever a minha participação no programa. Tive uma colocação equivocada, então eu venho aqui pedir desculpas pra vocês. Em nenhum momento eu quis ofender ninguém, nem o participante, nem nenhuma região. Pelo contrário, eu respeito todas as regiões do nosso Brasil e toda a nossa diversidade".