Mercado abrirá em 2 h 6 min

Dificuldade em conseguir emprego no Canadá levou brasileira a empreender no país

Desde que fundou a Dream2B, em 2015, Regina Noppe já levou mais de 50 startups brasileiras para aceleração no Canadá. Mas, antes de criar a venture builder, a empreendedora diz ter enfrentado dificuldades quando se mudou para o país em 2005. Mesmo com experiência em multinacionais e com cargo executivo, ela encontrou resistência para se colocar no mercado de trabalho, o que acabou por guiá-la ao empreendedorismo. “Foi um trabalho, realmente, de formiguinha. Desde o início, foi desafiador fazer parcerias e ter que ‘evangelizar’ o ecossistema e os empreendedores”, afirma Regina.