Mercado fechado

Aumenta pressão pela retomada do auxílio emergencial e governo deve pagar mais 3 parcelas de R$ 200

Apesar da resistência inicial do governo de Jair Bolsonaro, a pressão no Congresso e na sociedade civil pela prorrogação do auxílio emergencial levou a uma mudança no discurso do presidente e da equipe econômica.