Mercado fechará em 50 mins
  • BOVESPA

    111.730,78
    +2.948,63 (+2,71%)
     
  • MERVAL

    38.390,84
    +233,89 (+0,61%)
     
  • MXX

    50.452,02
    -629,31 (-1,23%)
     
  • PETROLEO CRU

    78,12
    +0,88 (+1,14%)
     
  • OURO

    1.764,60
    +9,30 (+0,53%)
     
  • BTC-USD

    16.383,22
    +181,72 (+1,12%)
     
  • CMC Crypto 200

    386,98
    -1,75 (-0,45%)
     
  • S&P500

    3.950,25
    -13,69 (-0,35%)
     
  • DOW JONES

    33.776,97
    -72,49 (-0,21%)
     
  • FTSE

    7.512,00
    +37,98 (+0,51%)
     
  • HANG SENG

    18.204,68
    +906,74 (+5,24%)
     
  • NIKKEI

    28.027,84
    -134,99 (-0,48%)
     
  • NASDAQ

    11.536,75
    -79,50 (-0,68%)
     
  • BATS 1000 Index

    0,0000
    0,0000 (0,00%)
     
  • EURO/R$

    5,4680
    -0,0812 (-1,46%)
     

Tempestade obriga Nasa a adiar novamente lançamento de foguete à Lua

A Nasa anunciou nesta terça-feira (8) que adiou novamente o envio de sua missão não tripulada à Lua, desta vez devido à tempestade tropical Nicole, que se move em direção à costa leste da Flórida.

A tentativa de lançamento, inicialmente agendada para 14 de novembro, agora está planejada para 16 de novembro, disse Jim Free, um alto funcionário da agência espacial dos Estados Unidos, no Twitter.

A Nasa já havia abortado duas tentativas de lançamento para sua missão Artemis 1, no final de agosto e setembro.

"Ajustar nossa data de lançamento para o Artemis 1 prioriza a segurança dos funcionários e permite que nossa equipe atenda às necessidades de suas famílias e lares", escreveu Free, administrador associado da Nasa para desenvolvimento de sistemas de exploração.

Prevê-se que a tempestade, atualmente localizada sobre o oceano Atlântico, se tornará um furacão na quarta-feira perto das Bahamas, e que então alcançará a Flórida no final do dia ou na manhã de quinta-feira, de acordo com o Centro Nacional de Furacões (NHC), com sede em Miami.

Já foi emitido um alerta de furacão para a costa, onde fica o Centro Espacial Kennedy, de onde o foguete irá partir.

À medida que Nicole se fortalece, a Nasa "decidiu reagendar o lançamento da missão Artemis 1 para quarta-feira, 16 de novembro, aguardando condições seguras para os funcionários retornarem ao trabalho, bem como inspeções após a tempestade", disse a agência em comunicado nesta terça.

A janela de lançamento abre às 01h04 do horário local (03h04 no horário de Brasília) de 16 de novembro, com uma segunda data de segurança marcada para 19 de novembro.

Na segunda-feira, a Nasa anunciou que havia decidido, com base nas previsões disponíveis, deixar o foguete em sua plataforma de lançamento, onde foi colocado apenas alguns dias atrás.

O foguete SLS de 98 metros de altura teve que ser devolvido no final de setembro a suas instalações de montagem, a poucos quilômetros de distância, para ser protegido do furacão Ian.

O custo do foguete, que nunca decolou e cujo lançamento foi cancelado no último minuto duas vezes nos últimos meses devido a problemas técnicos, é estimado em vários bilhões de dólares.

A missão de teste Artemis 1, sem tripulação a bordo, marcará o primeiro voo do principal programa dos Estados Unidos de volta à Lua.

Em suas próximas etapas, o programa Artemis visa colocar a primeira mulher e a primeira pessoa negra na Lua, mas não antes de 2025.

A Nasa também quer estabelecer uma presença humana duradoura lá, o que incluiria a construção de uma estação espacial em órbita ao redor da Lua. Para a agência espacial, esse é um passo necessário para o planejamento da primeira viagem tripulada a Marte.

la/led/ag/ad/ic/mvv/am