TWTR - Twitter, Inc.

NYSE - NYSE Preço Adiado. Moeda em USD.
34,09
-0,13 (-0,38%)
No fechamento: 4:04PM EST

34,03 -0,06 (-0,18%)
Pós-fechamento: 7:08PM EST

O gráfico de ações não é compatível com seu navegador atual
Fechamento anterior34,22
Abrir34,08
Preço de Compra34,03 x 1200
Preço de Venda34,14 x 1200
Variação do Dia33,87 - 34,38
Variação de 52 semanas28,63 - 45,86
Volume13.085.401
Estimativa Volume16.720.724
Capitalização de Mercado26,466B
Beta (mensalmente por 5 anos)0,57
Índice P/L (últ. 12 mes.)16,61
LPA (últ. 12 mes.)2,05
Data da Receita05 de fev de 2020
Dividendo futuro e rendimentoN/A (N/A)
Data do Ex-DividendoN/A
Meta estimada de 1 ano33,98
  • Investigação jornalística denuncia que mulher mais rica da África roubou sua fortuna
    AFP

    Investigação jornalística denuncia que mulher mais rica da África roubou sua fortuna

    Uma equipe de investigação jornalística publicou documentos no domingo que mostrariam como a mulher mais rica da África, a angolana Isabel dos Santos, desviou centenas de milhões de dólares em dinheiro público para contas pessoais em paraísos fiscais.

  • PlayStation 5: protótipo revela visual semelhante ao da geração anterior
    Canaltech

    PlayStation 5: protótipo revela visual semelhante ao da geração anterior

    Um usuário do fórum 4chan postou imagens do que seria o design do futuro PlayStation 5. É possível ver que o corpo do console, caso confirmado, será bem parecido com o atual PlayStation 4 e sensivelmente menor do que o Xbox Series X

  • Davos comemora 50 anos à sombra de emergência climática e desordens mundiais
    AFP

    Davos comemora 50 anos à sombra de emergência climática e desordens mundiais

    À sombra dos Alpes, da emergência climática e das desordens no mundo: o Fórum de Davos começará sua 50ª edição na próxima terça-feira (21), com o presidente americano, Donald Trump, e a ativista ambiental Greta Thunberg.

  • ESCUTANDO HISTÓRIA #10: A Terceira Guerra Mundial, um medo histórico
    Originais do Yahoo

    ESCUTANDO HISTÓRIA #10: A Terceira Guerra Mundial, um medo histórico

    O Escutando História dessa semana relembra momentos da História recente em que o temor de uma guerra em escala global tomou conta do mundo

  • Senado dos EUA aprova acordo comercial com México e Canadá
    AFP

    Senado dos EUA aprova acordo comercial com México e Canadá

    O Senado dos Estados Unidos aprovou definitivamente, nesta quinta-feira, (16) o acordo comercial T-MEC com México e Canadá, em uma nova vitória para o presidente Donald Trump, que enfrenta um processo de impeachment.

  • EUA apoiarão Brasil para entrada na OCDE no lugar da Argentina
    Reuters

    EUA apoiarão Brasil para entrada na OCDE no lugar da Argentina

    A associação à OCDE é vista como um selo de aprovação que aumentaria a confiança dos investidores no governo e na economia do Brasil

  • Venezuela eleva salário mínimo em 66% para cerca de R$ 15 por mês
    Reuters

    Venezuela eleva salário mínimo em 66% para cerca de R$ 15 por mês

    O aumento de 66,66% está em vigor desde 1º de janeiro e se soma a um aumento de 33,33% no bônus de alimentação, a 200.000 bolívares

  • Uber anuncia deixará de operar na Colômbia após ser processada
    AFP

    Uber anuncia deixará de operar na Colômbia após ser processada

    A plataforma Uber anunciou nesta sexta-feira (10) que suspenderá suas atividades na Colômbia a partir de 1º de fevereiro, após responder a um processo por concorrência desleal e operação irregular.

  • T-MEC avança no Senado dos EUA mas ratificação pode demorar
    AFP

    T-MEC avança no Senado dos EUA mas ratificação pode demorar

    Uma comissão do Senado americano aprovou nesta terça-feira (7) o tratado de livre-comércio com o Canadá e o México (USMCA, na sigla em inglês, e T-MEC, na sigla em espanhol), mas sua ratificação pode demorar.

  • Facebook, Netflix e Subway Surfers, os aplicativos líderes da década
    AFP

    Facebook, Netflix e Subway Surfers, os aplicativos líderes da década

    Facebook, Netflix e Subway Surfers foram os aplicativos móveis líderes da década de 2010, segundo a empresa americana de análises do mercado móvel App Annie.

  • Spotify anuncia que não terá propaganda política no começo de 2020
    AFP

    Spotify anuncia que não terá propaganda política no começo de 2020

    A gigante da música online Spotify anunciou que vai proibir, a partir do começo de 2020, a propaganda política, na mais recente medida adotada por uma empresa digital no combate à desinformação, com vistas às eleições presidenciais dos Estados Unidos.

  • Seca leva hidrelétricas a menor nível desde 2014, mas analistas descartam racionamento
    Reuters

    Seca leva hidrelétricas a menor nível desde 2014, mas analistas descartam racionamento

    Hidrelétricas do Sudeste do Brasil, que concentram os maiores reservatórios, estão com o menor nível de armazenamento desde 2014, em meio a chuvas bastante abaixo

  • Tribunal Constitucional da Turquia declara ilegal bloqueio do Wikipedia
    AFP

    Tribunal Constitucional da Turquia declara ilegal bloqueio do Wikipedia

    O Tribunal Constitucional da Turquia declarou nesta quinta-feira que o bloqueio pelo governo do site Wikipedia constitui "uma violação à liberdade de expressão", informou a imprensa turca.

  • UE e Rússia criticam sanções dos Estados Unidos contra gasoduto
    AFP

    UE e Rússia criticam sanções dos Estados Unidos contra gasoduto

    A União Europeia (UE), com a Alemanha à frente, e a Rússia criticaram neste sábado as sanções americanas contra o gasoduto Nord Stream 2, projeto de Moscou e do bloco europeu que está no centro de uma batalha econômica e geopolítica entre Washington e Bruxelas.

  • AFP

    Senado argentino debate emergência econômica de Fernández

    A maioria peronista e seus aliados no Senado argentino caminhavam para converter em lei, nesta sexta-feira, o projeto de emergência econômica apresentado pelo presidente Alberto Fernández, dez dias após assumir o controle de um país em "virtual default".

  • Bolsonaro diz que Trump recuou em retomada de tarifa sobre o aço do Brasil
    Folhapress

    Bolsonaro diz que Trump recuou em retomada de tarifa sobre o aço do Brasil

    O presidente Jair Bolsonaro (sem partido) disse que foi informado pelo presidente dos Estados Unidos, Donald Trump, que o país não irá mais retomar as tarifas sobre o aço e o alumínio do Brasil. Em live nas redes sociais, o brasileiro disse que recebeu um telefonema nesta sexta-feira (20) do norte-americano e que ele se comprometeu a não sobretaxar as importações dos dois produtos minerais. Também por meio de redes sociais, Trump se manifestou sobre o telefonema: "Acabei de ter uma ótima conversa ao telefone com o presidente do Brasil, Jair Bolsonaro. Discutimos vários assuntos, incluindo comércio. A relação entre EUA e Brasil nunca esteve tão forte", escreveu o presidente americano. Desde que o presidente americano anunciou que iria impor novas taxas aos produtos brasileiros, a embaixada do Brasil em Washington entrou em contato com a Casa Branca e o Congresso para tentar entender a razão da medida e revertê-la. O principal argumento da embaixada, que confirmou nesta sexta a desistência de Trump em seguir com a ideia das tarifas, era de que o aço que chega do Brasil aos EUA serve de insumo para empresas americanas e iria, dessa forma, encarecer o produto para os próprios consumidores do país. No início deste mês, em seu perfil no Twitter, Trump disse que iria repor as tarifas diante da desvalorização cambial do real em relação ao dólar, o que estava prejudicando a agricultura norte-americana. "Ele [Trump] se convenceu dos meus argumentos e decidiu dizer a nós todos brasileiros que o nosso aço e o nosso alumínio não serão sobretaxados. Repito, não serão sobretaxados", disse Bolsonaro. Segundo o presidente, o contato telefônico durou cerca de 15 minutos e foi cordial e respeitoso. Ele ressaltou que, com o recuo dos Estados Unidos, as relações entre os dois países continua sendo "a melhor possível". "Os americanos são um grande parceiro nosso e temos muita coisa em comum. A amizade pessoal, a simpatia que tenho para com ele e ele para comigo continuam mais fortalecidas ainda", afirmou. Bolsonaro ressaltou ainda que, desde que conheceu pessoalmente Trump, durante as prévias norte-americanas, passou a ser fã dele e seu seguidor. "Eu estive por três vezes com ele. Tudo o que nós tratamos foi no mais absoluto interesse para o bem dos nossos povos", afirmou. Em março de 2018, Trump estabeleceu tarifas de 25% sobre o aço e 10% sobre o alumínio importados ao país, um dos maiores compradores mundiais desses insumos. À época, o governo brasileiro disse que as tarifas estabelecidas eram injustificadas, mas que permanecia aberto para encontrar uma solução.  Já em agosto do mesmo ano, o governo norte-americano voltou atrás e anunciou um alívio nas cotas de importação acima dos percentuais livres de sobretaxas.

  • Twitter bloqueia operação de manipulação liderada por sauditas
    AFP

    Twitter bloqueia operação de manipulação liderada por sauditas

    O Twitter anunciou, nesta sexta-feira (20), que suspendeu quase 6.000 contas ligadas a um esforço de manipulação e desinformação orquestrado pela Arábia Saudita.

  • China e EUA anunciam 'fase um' do acordo comercial
    AFP

    China e EUA anunciam 'fase um' do acordo comercial

    Estados Unidos e China anunciaram nesta sexta-feira (13) ter alcançado a "fase um" de um acordo comercial, marcando uma trégua na guerra comercial entre os dois países que já dura 20 meses e debilitou a economia mundial.

  • EUA, México e Canadá estão perto de acordo sobre USMCA
    AFP

    EUA, México e Canadá estão perto de acordo sobre USMCA

    Estados Unidos, México e Canadá concordaram em adotar mudanças sobre a implementação do novo tratado comercial norte-americano (USMCA, na sigla em inglês), o que pode permitir a aprovação total do acordo firmado no ano passado para substituir o Nafta - informou a Fox Business nesta segunda-feira (9).

  • Trump pede ao Banco Mundial que não empreste dinheiro à China
    AFP

    Trump pede ao Banco Mundial que não empreste dinheiro à China

    O presidente dos Estados Unidos, Donald Trump, censurou na sexta-feira à noite o Banco Mundial por seus empréstimos à China.

  • Anvisa aprova venda de remédios à base de maconha
    AFP

    Anvisa aprova venda de remédios à base de maconha

    A Agência Nacional de Vigilância Sanitária (Anvisa) aprovou nesta terça-feira (3) a fabricação de "produtos à base de maconha" e sua comercialização em farmácias, com fins medicinais e sob prescrição profissional.

  • Trump sofre nova derrota judicial na batalha pela divulgação de suas finanças
    AFP

    Trump sofre nova derrota judicial na batalha pela divulgação de suas finanças

    Um tribunal federal de apelação confirmou na terça-feira (3) que dois bancos devem submeter ao Congresso documentos financeiros sobre Donald Trump, uma nova decisão desfavorável ao presidente dos Estados Unidos que será finalmente decidida pela Suprema Corte.

  • Bolsonaro ainda não procurou Trump, diz chanceler brasileiro
    Folhapress

    Bolsonaro ainda não procurou Trump, diz chanceler brasileiro

    O chanceler confirmou que, até o momento, a informação que o governo brasileiro tem é aquela que foi postada no Twitter pelo presidente americano

  • Bolsonaro espera que Trump entenda posição do Brasil sobre aço
    AFP

    Bolsonaro espera que Trump entenda posição do Brasil sobre aço

    O presidente Jair Bolsonaro descartou nesta segunda-feira (2) que o anúncio da imposição de tarifas americanas às importações de aço e alumínio do Brasil seja uma medida de "retaliação", e se disse "quase convencido" de que seu aliado Donald Trump ouvirá suas reivindicações.

  • EUA anuncia tarifas sobre aço e alumínio de Brasil e Argentina
    AFP

    EUA anuncia tarifas sobre aço e alumínio de Brasil e Argentina

    O presidente dos Estados Unidos, Donald Trump, anunciou nesta segunda-feira (2) o restabelecimento imediato das tarifas sobre o aço e o alumínio do Brasil e da Argentina, alegando políticas cambiais injustas por parte de ambos os países.