LAME4.SA - Lojas Americanas S.A.

Sao Paolo - Sao Paolo Preço Adiado. Moeda em BRL.
16,32
+0,20 (+1,24%)
No fechamento: 5:07PM BRT
O gráfico de ações não é compatível com seu navegador atual
Fechamento anterior16,12
Abrir16,25
Preço de Compra16,29 x 0
Preço de Venda16,30 x 0
Variação do Dia16,14 - 16,44
Variação de 52 semanas14,23 - 21,32
Volume2.621.800
Estimativa Volume5.586.563
Capitalização de Mercado24,261B
Beta (3A, mensalmente)1,25
Índice P/L (últ. 12 mes.)85,45
LPA (últ. 12 mes.)N/A
Data da ReceitaN/A
Dividendo futuro e rendimento0,08 (0,47%)
Data do Ex-Dividendo2019-01-07
Meta estimada de 1 anoN/A
  • Folhapresshá 2 meses

    Tuítes de Trump ditam desempenho do mercado na semana

    SÃO PAULO, SP (FOLHAPRESS) - A cada tuíte do presidente americano Donald Trump sobre o acordo comercial com a China, as principais Bolsas globais têm reações imediatas. Após mensagens que ameaçavam a resolução do conflito que perdura desde 2018, os índices americanos tiveram a maior queda percentual desde janeiro. Na tarde desta sexta-feira (10), após nova rodada de negociações, Trump anunciou que as conversas continuam e o aumento de tarifas sobre importações chinesas pode ser removido. Os principais índices de Nova York inverteram o viés negativo e fecharam em alta. Sem novidades na tramitação da reforma da Previdência, o mercado brasileiro opera próximo do cenário externo. Nesta sexta, a Bolsa brasileira, que chegou a cair mais de 1% durante o pregão, amenizou perdas e recuou 0,58%. O dólar voltou a R$ 3,94. Na manhã desta sexta, Trump afirmou não ter pressa para para finalizar um acordo comercial com a China, depois que os EUA aumentaram as tarifas para 25% sobre US$ 200 bilhões em produtos do país asiático nesta sexta. Mas mesmo após Pequim ameaçar retaliação, os negociadores em Washington concordaram em permanecer para o segundo dia de negociações, aumentando as expectativas de que um acordo será alcançado. "Todo mundo sabe que os Estados Unidos e a China estão conversando e estão considerando as tarifas como moeda de troca. É tudo sobre alavancagem e quem supera quem. No final Trump vai fazer um acordo, mas nesse meio tempo temos que aguentar sua maneira de fazer isso. Nós teremos muita volatilidade até termos clareza", disse Andre Bakhos, diretor da New Vines Capital LLC. O mercado chinês se mantém confiante quanto a um acordo. As bolsas do país reagiram positivamente ao anúncio do banco central da China, nesta sexta, de que é totalmente capaz de lidar com as incertezas externas, já que possui muitas ferramentas de política monetária e ampla margem de manobra. Os comentários foram feitos pelo assessor da instituição horas depois de os EUA terem aumentado as tarifas sobre os produtos importados da China, o que pode desacelerar a economia chinesa em 0,3%. Em resposta, o banco central chinês se comprometeu a manter a liquidez razoavelmente ampla, ao mesmo tempo em que adotou uma política monetária "prudente" que não é nem muito frouxa nem muito apertada. Em comunicado, o Ministério do Comércio da China disse lamentar que vá ter de retaliar a decisão americana -embora não tenha especificado quais medidas tomará. O vice-primeiro-ministro chinês, Liu He, o representante de Comércio dos EUA, Robert Lighthizer, e o secretário do Tesouro, Steven Mnuchin, iniciaram dois dias de negociações na quinta (9) em Washington. Na tarde desta sexta, Trump passou uma mensagem positiva ao mercado e disse que as conversas foram francas e construtivas e que a relação entre ele e o presidente Xi continua "muito forte". O presidente também afirmou que as novas tarifas serão aplicadas, mas podem ser removidas conforme o rumo das negociações. As Bolsas americanas, que operavam em forte queda ao longo do dia, inverteram sinal ao fim do pregão e fecharam em alta. Dow Jones subiu 0,44% e S&P; 500, 0,37%. O índice Nasdaq permaneceu estável, em 0,08%.  Nesta sexta, a Uber teve o primeiro dia de negociações na Bolsa de Nova York. A companhia havia definido uma faixa de preços entre US$ 44 e US$ 50 por ação para seu IPO, para levantar chegar à Bolsa um valor de mercado de US$ 82,4 bilhões.  O objetivo, entretanto, não foi alcançado. Os papéis da empresa fecharam em queda de 7,62%, a R$ 41,57 e o valor de mercado da Uber ficou em US$ 69,7 bilhões.  No Brasil, o Ibovespa, maior índice acionário do país, arrefeceu queda e recuou 0,58%, a 94.257 pontos. O giro financeiro foi de R$ 13,285 bilhões, abaixo da média diária para o ano. Na semana, marcada por balanços das companhias, o índice acumula quase 1,82% de perdas, variando de 92 a 96 mil pontos. Petrobras e Vale, maiores companhias do índice, reportaram resultados negativos no início do ano. As ações da petroleira acumularam queda de 0,63% na semana, a R$ 26,68. A mineradora recuou 1,87%, a R$ 49,46. Apesar da variação, a precificação se mantém no mesmo patamar das últimas semanas. Investidores confiam na em uma melhora das companhias no segundo trimestre.  CVC e Suzano, todavia, tiveram fortes quedas após o balanço trimestral. A companhia de viagens reportou na véspera perdas na Argentina —nesta sexta, os papéis recuaram 8,58%. Já a Suzano desacelerou produção de celulose e teve queda na receita —as ações da companhia caíram 8,72%. A varejista B2W, controladora de Submarino e Lojas Americanas, cedeu 6,5%. No primeiro trimestre, a companhia teve prejuízo de R$ 139 milhões, resultado ainda pior que o mesmo período de 2018, quando a empresa teve R$ 117 milhões de prejuízo.  O dólar acompanhou a guinada positiva do exterior e fechou em queda de 0,22%, a R$ 3,9450. Na semana, a moeda americana se desvalorizou 0,13%. Este é o primeiro recuo após quatro semanas de altas. Na próxima semana, a comissão especial dará continuidade à discussão obre a reforma da Previdência, o que pode afetar o desempenho do mercado.

  • Lojas Americanas deve acelerar investimentos em 2019, planeja 224 novas lojas, diz CFO
    Reutershá 2 meses

    Lojas Americanas deve acelerar investimentos em 2019, planeja 224 novas lojas, diz CFO

    Por Gabriela Mello (Reuters) - A varejista Lojas Americanas deve acelerar os investimentos nos próximos trimestres para cumprir um plano de expansão previamente anunciado de dobrar o número de lojas entre 2015 e 2019, disse o diretor financeiro e de relações com investidores, Carlos Padilha, nesta sexta-feira. "Para atingir a meta de 800 novas lojas entre 2015 e 2019 temos que abrir 224 este ano", afirmou Padilha em entrevista à Reuters, acrescentando que ao menos 40 das inaugurações serão no formato conveniência. ...

  • Dia das Mães serve como gancho para golpes que roubam dados do cartão de crédito
    Canaltechhá 2 meses

    Dia das Mães serve como gancho para golpes que roubam dados do cartão de crédito

    O Dia das Mães está chegando e quem não gosta de aproveitar uma boa promoção? Sabendo disso, cibercriminosos estão inundando a internet com golpes de phishing, perfis falsos e links maliciosos que buscam enganar usuários, roubando dados pessoais e de cartão de crédito

  • BR Distribuidora recebe 5 propostas para lojas de conveniência, diz fonte
    Reutershá 2 meses

    BR Distribuidora recebe 5 propostas para lojas de conveniência, diz fonte

    Por Tatiana Bautzer e Gabriela Mello SÃO PAULO (Reuters) - A Petrobras Distribuidora, maior distribuidor de combustíveis do país, recebeu cinco ofertas de redes varejistas e investidores interessados numa parceria para operar lojas de conveniência em seus postos, disse nesta quinta-feira fonte com conhecimento do assunto. Entre os grupos que entregaram as propostas estão Lojas Americanas e os operadores de restaurantes International Meal Company e Sapore, disse a fonte. ...

  • BR Distribuidora espera propostas para operação de conveniências até 22/4, diz fonte
    Reutershá 3 meses

    BR Distribuidora espera propostas para operação de conveniências até 22/4, diz fonte

    SÃO PAULO (Reuters) - Varejistas interessados em uma parceria com a BR Distribuidora para operar lojas de conveniência em postos de combustíveis deverão entregar suas propostas até o dia 22 de abril, disse uma fonte com conhecimento do assunto na segunda-feira. A BR Distribuidora é a maior distribuidora de combustíveis do Brasil e entrou em contato com varejistas, como as Lojas Americanas e 7Eleven, para participarem do processo de operação das lojas, informou a Reuters em fevereiro. (Por Tatiana Bautzer)

  • Discussão sobre Previdência na CCJ gera cautela e Ibovespa fecha em queda
    Reutershá 3 meses

    Discussão sobre Previdência na CCJ gera cautela e Ibovespa fecha em queda

    SÃO PAULO (Reuters) - A bolsa paulista encerrou em queda nesta quarta-feira, com o Ibovespa tocando mínimas da sessão durante a tarde, em reação de cautela de agentes do mercado diante de discussões intensas sobre a reforma da Previdência em audiência pública na Comissão de Constituição e Justiça (CCJ) com o ministro da Economia, Paulo Guedes. Índice de referência do mercado acionário brasileiro, o Ibovespa caiu 0,94 por cento, a 94.491,48 pontos, de acordo com dados preliminares. O volume financeiro somou 13,94 bilhões de reais. ...

  • Bloomberghá 3 meses

    Fundo da XP Asset Management eleva aposta em estatais

    (Bloomberg) -- Um dos fundos brasileiros com melhor performance ao longo dos últimos anos, de acordo com dados da Bloomberg, aumentou a aposta em ações de Banco do Brasil e Cemig.

  • Folhapresshá 3 meses

    Números do mercado financeiro

    DÓLAR compra/venda Câmbio livre BC - R$ 3,8809 / R$ 3,8815 ** Câmbio livre mercado - R$ 3,901 / R$ 3,903 * Turismo - R$ 3,74 / R$ 4,06 (*) cotação média do mercado (**) cotação do Banco Central Variação do câmbio livre mercado no dia: 2,68% OURO BM&F; R$ 163,000 BOLSAS Bovespa (Ibovespa) Variação: -3,10% Pontos: 93.735 Volume financeiro: R$ 20,032 bilhões Maiores altas: Suzano Papel ON (1,19%), Kroton ON(0,37%), Telefonica Brasil (-0,13%) Maiores baixas: B2W Digital ON (-9,09%), Lojas Americanas PN (-8,10%), Natura ON (-7,78%) Dow Jones (Nova York): -1,77% Nasdaq (Nova York): -2,50% CAC 40 (Paris): -2,03% Dax 30 (Frankfurt): -1,61% Financial 100 (Londres): -2,01% Nikkei 225 (Tóquio): 0,09% Hang Seng (Hong Kong): 0,14% Shanghai Composite (Xangai): 0,09% Merval (Buenos Aires): -3,97% IPC (México): -2,22% ÍNDICES DE INFLAÇÃO IPCA/IBGE Fevereiro 2018: 0,32% Março 2018: 0,09% Abril 2018: 0,22% Maio 2018: 0,40% Junho 2018: 1,26% Julho 2018: 0,33% Agosto 2018: -0,09% Setembro 2018: 0,48% Outubro 2018: 0,45% Novembro 2018: -0,21% Dezembro 2018: 0,15% Janeiro 2019: 0,32% Fevereiro 2019: 0,43% INPC/IBGE Fevereiro 2018: 0,18% Março 2018: 0,07% Abril 2018: 0,21% Maio 2018: 0,43% Junho 2018: 1,43% Julho 2018: 0,25% Agosto 2018: 0,00% Setembro 2018: 0,30% Outubro 2018: 0,40% Novembro 2018: -0,25% Dezembro 2018: 0,14% Janeiro 2019: 0,36% Fevereiro 2019: 0,54% IPC/Fipe Fevereiro 2018: -0,42 Março 2018: 0,00% Abril 2018: -0,03% Maio 2018: 0,19% Junho 2018: 1,01% Julho 2018: 0,23% Agosto 2018: 0,41% Setembro 2018: 0,39% Outubro 2018: 0,48% Novembro 2018: 0,15% Dezembro 2018: 0,09% Janeiro 2019: 0,58% Fevereiro 2019: 0,54% IGP-M/FGV Fevereiro 2018: 0,07% Março 2018: 0,64% Abril 2018: 0,57% Maio 2018: 1,38% Junho 2018: 1,87% Julho 2018: 0,51% Agosto 2018: 0,70% Setembro 2018: 1,52% Outubro 2018: 0,89% Novembro 2018: -0,49% Dezembro 2018: -1,08% Janeiro 2019: 0,01% Fevereiro 2019: 0,88% IGP-DI/FGV Fevereiro 2018: 0,15% Março 2018: 0,56% Abril 2018: 0,93% Maio 2018: 1,64% Junho 2018: 1,48% Julho 2018: 0,44% Agosto 2018: 0,68% Setembro 2018: 1,79% Outubro 2018: 0,26% Novembro 2018: -1,14% Dezembro 2018: -0,45% Janeiro 2019: 0,07% Fevereiro 2019: 1,25% SALÁRIO MÍNIMO Janeiro 2019: R$ 998,00

  • Ibovespa fecha em queda de mais de 3% com exterior desfavorável e cenário político no radar
    Reutershá 3 meses

    Ibovespa fecha em queda de mais de 3% com exterior desfavorável e cenário político no radar

    SÃO PAULO (Reuters) - O principal índice da bolsa paulista caiu mais de 3 por cento nesta sexta-feira, diante do crescente temor de recessão global e de maior pessimismo com o andamento da reforma da Previdencia. O Ibovespa fechou em queda de 3,10 por cento, a 93.735,15 pontos, menor patamar de fechamento desde 11 de janeiro. Na semana o índice acumulou perda de 5,45 por cento. O giro financeiro da sessão somou 20 bilhões de reais. Para Jefferson Laatus, sócio fundador do Grupo Laatus, a cautela já vinha predominando e foi intensificada pelo cenário político. ...

  • Índice cai 2% com preocupações sobre Previdência e exterior negativo
    Reutershá 3 meses

    Índice cai 2% com preocupações sobre Previdência e exterior negativo

    Por Stefani Inouye SÃO PAULO (Reuters) - O Ibovespa operava em queda forte por cento nesta sexta-feira, com as incertezas sobre o andamento da reforma da Previdência se intensificando após a prisão do ex-presidente Michel Temer na véspera, enquanto as principais praças no exterior recuavam com o ressurgimento das preocupações sobre o crescimento econômico global. Às 11:58, o Ibovespa caía 2,09 por cento, a 94.707,11 pontos. No pior momento do pregão, o indicador chegou a perder 2,43 por cento. O volume financeiro somava 5,8 bilhões reais. ...

  • Ibovespa fecha com queda de 1,34% após prisão de Temer e preocupações com Previdência
    Reutershá 3 meses

    Ibovespa fecha com queda de 1,34% após prisão de Temer e preocupações com Previdência

    SÃO PAULO (Reuters) - O principal índice da bolsa paulista fechou no vermelho nesta quinta-feira, após a prisão do ex-presidente Michel Temer aumentar preocupações de que episódio dificulte ainda mais o andamento da reforma da Previdência. O Ibovespa encerrou com queda de 1,34 por cento, a 96.729,08 pontos, após atingir 95.456,28 pontos na mínima. O giro financeiro da sessão somou 17,9 bilhões de reais. Para o economista-chefe da Guide Investimentos, Victor Candido, o forte movimento do índice foi decorrente do noticiário doméstico. ...

  • Ibovespa recua com preocupação sobre Previdência após prisão de Temer
    Reutershá 3 meses

    Ibovespa recua com preocupação sobre Previdência após prisão de Temer

    Por Stefani Inouye SÃO PAULO (Reuters) - A bolsa paulista mostrava queda nesta quinta-feira, com exterior misto e cenário doméstico dominado por preocupações sobre a tramitação da reforma da Previdência após envio do texto sobre alteração da aposentadoria dos militares ao Congresso e prisão do ex-presidente Michel Temer. Às 12:04, o Ibovespa caía 1,36 por cento, a 96.705,03 pontos. O volume financeiro somava 5,79 bilhões de reais. Para o analista de investimento Felipe Silveira, da Coinvalores, o clima de cautela pautava o movimento nos mercados externo e doméstico. ...

  • Ibovespa recua com incertezas sobre Previdência e exterior misto
    Reutershá 3 meses

    Ibovespa recua com incertezas sobre Previdência e exterior misto

    Por Stefani Inouye SÃO PAULO (Reuters) - A bolsa paulista mostrava queda nesta quinta-feira, com exterior misto e cenário doméstico dominado por incertezas sobre a tramitação da reforma da Previdência após envio do texto sobre alteração a aposentadoria dos militares ao Congresso. Às 11:43, o Ibovespa caía 1,65 por cento, a 96.425,2 pontos. O volume financeiro somava 4,54 bilhões de reais. Para o analista de investimento Felipe Silveira, da Coinvalores, o clima de cautela pautava o movimento nos mercados externo e doméstico. ...

  • Lucro consolidado da Lojas Americanas cai 4,2% no 4ºtri; B2W tem prejuízo de R$67,7 mi
    Reutershá 3 meses

    Lucro consolidado da Lojas Americanas cai 4,2% no 4ºtri; B2W tem prejuízo de R$67,7 mi

    SÃO PAULO (Reuters) - A varejista Lojas Americanas teve queda de 4,2 por cento no lucro líquido consolidado do quarto trimestre, para 272,8 milhões de reais, enquanto a controlada de comércio eletrônico B2W amargou prejuízo de 67,7 milhões de reais, ainda pior que o resultado negativo de 34,9 milhões de reais apurado um ano antes. Já o desempenho operacional medido pelo lucro antes de juros, impostos, depreciação e amortização (Ebitda) ajustado da Lojas Americanas subiu 5,3 por cento entre outubro e dezembro, para 1,06 bilhão de reais, também em termos consolidados. ...

  • Ibovespa fecha no vermelho com ajuste à espera da Previdência; B2W recua
    Reutershá 4 meses

    Ibovespa fecha no vermelho com ajuste à espera da Previdência; B2W recua

    Por Paula Arend Laier SÃO PAULO (Reuters) - O Ibovespa fechou em leve queda nesta terça-feira, com B2W entre as maiores baixas após anúncio de investimentos da norte-americana PayPal no Mercado Livre, enquanto investidores permanecem na expectativa de novidades sobre a pauta de reformas do governo, em particular mudanças nas regras de aposentadorias. Índice de referência do mercado acionário brasileiro, o Ibovespa cedeu 0,2 por cento, a 97.828,03 pontos. O volume financeiro totalizou 12,88 bilhões de reais. O recuo acontece após o Ibovespa valorizar-se 2,79 por cento na segunda-feira, a 98. ...

  • Blockbuster encerra operações na Austrália e fica com apenas uma loja no mundo
    Canaltechhá 4 meses

    Blockbuster encerra operações na Austrália e fica com apenas uma loja no mundo

    Em abril, unidade localizada no estado americano do Oregon será a última da marca, que já foi a maior rede global de locadoras do mundo. Equívocos gerenciais e incapacidade de se adaptar às mudanças do mercado, entretanto, representaram o fim da empresa

  • Folhapresshá 4 meses

    Samsung lança linha Galaxy 10 no Brasil em 12 de março

    SÃO PAULO, SP (FOLHAPRESS) - A Samsung marcou para o dia 12 de março o evento de lançamento da linha Galaxy 10 no Brasil. Os últimos smartphones da marca sul-coreana foram anunciados no dia 20 de fevereiro em San Francisco, na Califórnia, e chegarão às lojas americanas no dia 8 de março.Integram a nova linha os celulares S10e, S10, S10+ e S10 5G, sendo US$ 750 (cerca de R$ 2.795) o aparelho mais barato nos Estados Unidos. Os valores de venda no Brasil ainda não foram confirmados, nem a chegada do aparelho adaptável a redes 5G. ...

  • Ibovespa cai 0,34% em dia volátil; giro atinge R$47 bi com exercício de futuros
    Reutershá 4 meses

    Ibovespa cai 0,34% em dia volátil; giro atinge R$47 bi com exercício de futuros

    SÃO PAULO (Reuters) - O Ibovespa fechou a volátil sessão desta quarta-feira em queda, puxado pelo fraco desempenho das ações de bancos, movimento que se sobrepôs à influência positiva de Petrobras e Vale. O vencimento de exercício dos contratos de opções sobre índice e de futuros ditou volatilidade e catapultou o giro financeiro. Índice de referência do mercado acionário brasileiro, o Ibovespa caiu 0,34 por cento, a 95.842,40 pontos. O volume financeiro da sessão somou 47,2 bilhões de reais. ...

  • Nテコmeros do mercado financeiro
    Folhapresshá 4 meses

    Nテコmeros do mercado financeiro

    Dテ鏑AR compra/vendaCテ「mbio livre BC - R$ 3,7290 / R$ 3,7296 **Cテ「mbio livre mercado - R$ 3,712 / R$ 3,714 *Turismo - R$ 3,69 / R$ 3,88 (*) cotaテァテ」o mテゥdia do mercado(**) cotaテァテ」o do Banco Central Variaテァテ」o do cテ「mbio livre mercadono dia: -1,30% OURO BM&FR$ 157,000 BOLSAS Bovespa (Ibovespa)Variaテァテ」o: 1,86% Pontos: 96. ...

  • Bolsa sobe 1,86% e dólar cai a R$ 3,71
    Agência Brasilhá 4 meses

    Bolsa sobe 1,86% e dólar cai a R$ 3,71

    O Ibovespa, principal indicador do desempenho das ações mais negociadas na B3, antiga BM&F Bovespa, encerrou o pregão desta terça-feira (12) em alta de 1,86%, aos 96.168 pontos. O recorde do índice, de 98.588 pontos, foi registrado no último dia 4. Em baixa de 1,3%, o dólar comercial fechou a terça-feira vendido a R$ 3,71 - Arquivo/Agência Brasil

  • Você já pode comprar cartões-presente da App Store e do iTunes no Brasil
    Canaltechhá 5 meses

    Você já pode comprar cartões-presente da App Store e do iTunes no Brasil

    A Apple já começou a vender no Brasil os desejados cartões-presente da App Store e também do iTunes, nos valores fixos de R$ 20, R$ 50 e R$ 100, ou uma versão que permite a inclusão de valores diferentes até R$ 200

  • Ibovespa fecha em alta e renova máxima ao fim de semana marcada por Vale e Fed
    Reutershá 5 meses

    Ibovespa fecha em alta e renova máxima ao fim de semana marcada por Vale e Fed

    Por Paula Arend Laier SÃO PAULO (Reuters) - O Ibovespa fechou em alta nesta sexta-feira, batendo nova máxima de fechamento em sessão sem tendência firme, encerrando uma semana marcada pelo tombo histórico das ações da Vale e perspectivas de pausa no processo de alta de juros nos EUA. Referência do mercado acionário brasileiro, o Ibovespa subiu 0,48 por cento, a 97.861,27 pontos, após oscilar da mínima de 96.990,33 pontos à máxima de 98.043,90 pontos. O giro financeiro da sessão somou 14 bilhões de reais. ...

  • ENTREVISTA-Serviços financeiros vão liderar Mercado Livre no Brasil a partir de 2019
    Reutershá 5 meses

    ENTREVISTA-Serviços financeiros vão liderar Mercado Livre no Brasil a partir de 2019

    Por Aluisio Alves SÃO PAULO (Reuters) - O Mercado Livre fará dos serviços financeiros seu carro-chefe de crescimento no Brasil a partir de 2019, à medida que multiplica a oferta de produtos próprios, como crédito, transferências de recursos e contas salário, disse o vice-presidente de operações da empresa, Stelleo Tolda. ...

  • Ibovespa segue exterior e cai 0,94% com temor sobre economia global
    Reutershá 5 meses

    Ibovespa segue exterior e cai 0,94% com temor sobre economia global

    Por Gabriela Mello SÃO PAULO (Reuters) - A bolsa paulista teve a segunda queda seguida nesta terça-feira, espelhando o sentimento de aversão a risco no exterior em meio a renovadas preocupações sobre o crescimento da economia global e o impasse comercial entre Estados Unidos e China. O Ibovespa caiu 0,94 por cento, a 95.103,38 pontos. Na mínima, o indicador perdeu 1,4 por cento, a 94.661,91 pontos. O giro financeiro da sessão somou 13,77 bilhões de reais. ...