ITUB3.SA - Itaú Unibanco Holding S.A.

Sao Paolo - Sao Paolo Preço Adiado. Moeda em BRL.
40,65
+1,35 (+3,44%)
No fechamento: 5:00PM BRT
O gráfico de ações não é compatível com seu navegador atual
Fechamento anterior39,30
Abrir39,77
Preço de Compra39,00 x 0
Preço de Venda41,00 x 0
Variação do Dia39,77 - 40,77
Variação de 52 semanas32,57 - 45,81
Volume87.400
Estimativa Volume103.604
Capitalização de Mercado278,95B
Beta1,13
Índice P/L (últ. 12 mes.)10,97
LPA (últ. 12 mes.)3,71
Data da ReceitaN/A
Dividendo futuro e rendimento0,30 (0,80%)
Data do Ex-Dividendo2018-08-01
Meta estimada de 1 anoN/A
  • Reutershá 3 dias

    Ibovespa sobe no final com expectativas sobre disputa presidencial; Vale recua

    Por Paula Arend Laier SÃO PAULO (Reuters) - O Ibovespa reverteu as perdas no ajuste de fechamento e encerrou em alta nesta quinta-feira, guiado pela melhora da ações de bancos e da Petrobras, em meio a expectativas relacionadas a potenciais coligações para a corrida presidencial. O principal índice de ações da B3 subiu 0,16 por cento, a 77.486,84 pontos, mudando nos últimos minutos o sinal registrado na maior parte do pregão. O volume financeiro na bolsa somou 10,2 bilhões de reais. ...

  • InfoMoneyhá 3 dias

    As 13 ações preferidas dos melhores fundos de 2018

    Os gestores João Braga, da XP Gestão, Marcelo Cavalheiro, da Safari, e Fábio Spínola, da Apex, estão na edição especial do programa Papo com Gestor desta semana

  • Bovespa recua 1,5% com exterior negativo e política no radar
    Reutershá 3 dias

    Bovespa recua 1,5% com exterior negativo e política no radar

    SÃO PAULO (Reuters) - O tom negativo prevalecia na bolsa paulista na manhã desta quinta-feira, ditado pelo viés desfavorável no exterior, com as atenções no mercado brasileiro voltadas desdobramentos no cenário político, em meio à temporada de resultados. Às 11:13, o Ibovespa caía 1,5 por cento, a 76.205,51 pontos, com apenas quatro das 67 ações do índice operando em alta. O volume financeiro era de 1,9 bilhão de reais. ...

  • Ibovespa fecha em queda de 0,98% puxado por bancos após quatro altas
    Reutershá 4 dias

    Ibovespa fecha em queda de 0,98% puxado por bancos após quatro altas

    Por Paula Arend Laier SÃO PAULO (Reuters) - O Ibovespa fechou em queda nesta quarta-feira, após quatro altas seguidas, pressionado principalmente pelo declínio das ações de bancos e de Ambev, enquanto notícias corporativas sustentaram os papéis da Eletrobras e de WEG no terreno positivo O principal índice de ações da B3 caiu 0,98 por cento, a 77.362,63 pontos, após acumular alta de 5 por cento nos quatro pregões anteriores. O giro financeiro somou 11,36 bilhões de reais, em sessão marcada pelo vencimento dos contratos de opções sobre Ibovespa. ...

  • Bovespa tem leve queda após quatro dias de alta, de olho no exterior e noticiário corporativo
    Reutershá 4 dias

    Bovespa tem leve queda após quatro dias de alta, de olho no exterior e noticiário corporativo

    SÃO PAULO (Reuters) - A bolsa brasileira tinha leve queda na manhã dessa quarta-feira, não mostrado força para permanecer no território positivo após quatro altas seguidas, em meio a um quadro misto no exterior, enquanto o noticiário corporativo destacava positivamente Eletrobras após suspensão de liminar que impedia leilão de distribuidoras e WEG, que divulgou alta no lucro. Às 11:24, o Ibovespa caía 0,46 por cento, a 77.769,81 pontos. O volume financeiro somava 2,68 bilhões de reais. Na véspera, o principal índice de ações da B3 fechou em alta de 1,93 por cento, a 78. ...

  • Reutershá 4 dias

    Fusões e aquisições de empresas no Brasil devem desacelerar antes das eleições

    Por Tatiana Bautzer e Carolina Mandl SÃO PAULO (Reuters) - Executivos de bancos esperam que a geração de novos negócios com a compra e venda de empresas no Brasil encolha nos próximos meses, à medida que investidores evitam assumir riscos devido à volatilidade do mercado antes da eleição presidencial de outubro e dúvidas sobre a recuperação econômica. O volume financeiro de fusões e aquisições anunciadas no primeiro semestre caiu 26 por cento ante mesmo período de 2017, segundo dados da Thomson Reuters, para 26,3 bilhões de dólares. ...

  • Itaú Unibanco lança POP Credicard, adquirente para micronegócios
    Reutershá 5 dias

    Itaú Unibanco lança POP Credicard, adquirente para micronegócios

    Por Aluisio Alves SÃO PAULO (Reuters) - O Itaú Unibanco lançou nesta terça-feira a POP Credicard, adquirente de cartões de crédito com ênfase em microempreendedores e pequenas empresas, num contra-ataque a rivais como o PagSeguro, que cresceram rapidamente com ofertas como isenção de mensalidade e taxas menores a lojistas. O serviço, mais simplificado do que o oferecido pela marca master do Itaú Unibanco, a Rede, será vendida por 12 parcelas de 29,90 reais. ...

  • BRF contrata Itaú BBA, Bradesco BBI e Morgan Stanley para assessorar venda dos ativos
    Reutershá 6 dias

    BRF contrata Itaú BBA, Bradesco BBI e Morgan Stanley para assessorar venda dos ativos

    (Reuters) - A BRF informou nesta segunda-feira que contratou os bancos de investimento Itaú BBA e Bradesco BBI para assessorá-la na venda dos ativos localizados na Argentina e o banco Morgan Stanley, para os ativos na Europa e na Tailândia, dentro do plano de reestruturação operacional e financeira da companhia anunciado no final de junho. (Por Paula Arend Laier)

  • Ibovespa fecha em alta e acumula ganho de 2% na semana
    Reutershá 9 dias

    Ibovespa fecha em alta e acumula ganho de 2% na semana

    Por Paula Arend Laier SÃO PAULO (Reuters) - O Ibovespa fechou em alta nesta sexta-feira, ajudado pelo cenário externo relativamente tranquilo, com ações de empresas relacionadas a consumo entre as maiores altas, em meio à avaliação positiva dos dados de vendas do Grupo Pão de Açúcar no segundo trimestre, apesar do efeito da greve dos caminhoneiros. O principal índice de ações da bolsa paulista subiu 0,97 por cento, a 76.594,35 pontos. O volume financeiro somou 9,3 bilhões de reais, novamente abaixo da média do ano, de 11,7 bilhões de reais. ...

  • Bovespa oscila sem viés definido com mercado internacional e notícias corporativas no radar
    Reutershá 9 dias

    Bovespa oscila sem viés definido com mercado internacional e notícias corporativas no radar

    Por Paula Arend Laier SÃO PAULO (Reuters) - A bolsa paulista não mostrava uma tendência definida na manhã desta sexta-feira, em meio a um quadro misto no cenário financeiro internacional, com o noticiário corporativo doméstico também sob os holofotes. Às 11:39, o Ibovespa caía 0,28 por cento, a 75.643,28 pontos. O volume financeiro somava 2,15 bilhões de reais. No exterior, Wall Street mostrava os principais índices acionários com pequenas variações, em meio à repercussão de um conjunto misto de resultados de bancos. O S&P 500 tinha queda de 0,56 por cento. ...

  • Bovespa oscila sem viés definido com exterior negativo; Petrobras sobe
    Reutershá 11 dias

    Bovespa oscila sem viés definido com exterior negativo; Petrobras sobe

    Por Paula Arend Laier SÃO PAULO (Reuters) - A bolsa paulista não mostrava uma tendência definida na manhã desta quarta-feira, pressionada negativamente pelo viés negativo no exterior após os Estados Unidos anunciarem novas tarifas sobre produtos chineses, enquanto o avanço dos papéis da Petrobras contribuía positivamente para o Ibovespa. Às 11:46, o principal índice de ações da B3 caía 0,23 por cento, a 74.693 pontos. Na máxima até o momento, o Ibovespa subiu 0,22 por cento e no pior momento, caiu 0,87 por cento. O volume financeiro no pregão somava 2,2 bilhões de reais. ...

  • Novo preço aumentará interesse por privatização da Cesp, dizem analistas
    Reutershá 12 dias

    Novo preço aumentará interesse por privatização da Cesp, dizem analistas

    Por Luciano Costa SÃO PAULO (Reuters) - Um novo edital publicado para o leilão em que o governo de São Paulo buscará vender sua fatia na elétrica Cesp, agendado para 2 de outubro, traz mudanças de regras e uma redução no preço estabelecido para os papéis da companhia que deverão aumentar o apetite de investidores pelo negócio, segundo analistas. O governo paulista chegou a agendar a venda da Cesp no ano passado, mas suspendeu o processo em meio à falta de interesse pelo ativo. ...

  • Reutershá 19 dias

    Ibovespa avança com bancos privados em sessão com liquidez reduzida antes de feriado nos EUA

    Por Paula Arend Laier SÃO PAULO (Reuters) - O Ibovespa fechou em alta nesta terça-feira, em pregão com giro financeiro menor em razão da sessão mais curta em Nova York, com o avanço das ações dos bancos Bradesco e Itaú Unibanco e do grupo de ensino Kroton entre as maiores contribuições positivas. O índice de referência do mercado acionário brasileiro subiu 1,14 por cento, a 73.667 pontos. O volume financeiro somou apenas 8,184 bilhões de reais, abaixo da média diária do ano, de 11,9 bilhões de reais. Na máxima do dia, o Ibovespa subiu 2,3 por cento, superando os 74 mil pontos. ...

  • Índice avança puxado por bancos privados e Petrobras
    Reutershá 19 dias

    Índice avança puxado por bancos privados e Petrobras

    Por Paula Arend Laier SÃO PAULO (Reuters) - O Ibovespa ampliava a alta nesta terça-feira, tocando a máxima da sessão neste começo de tarde, puxado pelas ações dos bancos Bradesco e Itaú Unibanco e da petroleira Petrobras, em sessão de liquidez reduzida e poucas divulgações relevantes no cenário doméstico. Às 12:19, o Ibovespa subia 1,94 por cento, a 74.251 pontos, próximo da máxima da sessão. Apenas duas das 67 ações que compões o índice operavam no vermelho. O volume financeiro somava 2,75 bilhões de reais. ...

  • Ibovespa avança com exterior favorável
    Reutershá 19 dias

    Ibovespa avança com exterior favorável

    Por Paula Arend Laier SÃO PAULO (Reuters) - O principal índice de ações de B3 subia na manhã desta terça-feira, favorecido pelo viés benigno em praças acionárias na Europa e futuros em Wall Street, em dia com poucas divulgações relevantes no cenário doméstico. Às 11:05, o Ibovespa subia 0,71 por cento, a 73.356 pontos. O volume financeiro somava 1,18 bilhão de reais. "Sem muitas novidades no campo interno, a bolsa acaba seguindo o exterior e também os preços de commodities", afirmou o analista Vitor Suzaki, da corretora Lerosa. ...

  • Itaú Unibanco eleva participação em construtora Tenda para 10%
    Reutershá 20 dias

    Itaú Unibanco eleva participação em construtora Tenda para 10%

    SÃO PAULO (Reuters) - A Tenda informou nesta segunda-feira que o Itaú Unibanco elevou sua participação na construtora de imóveis residenciais econômicos para 10 por cento das ações, equivalente a 5,4 milhões de papéis. Segundo comunicado do Itaú Unibanco citado pela Tenda, a intenção do banco é "estritamente de investimento para os fundos/carteiras, não objetivando alterar a composição do controle acionário ou estrutura administrativa da companhia". A participação foi elevada para 10 por cento em 26 de junho. ...

  • Ibovespa anula perdas e fecha com leve alta ajudado por NY; BRF dispara 12%
    Reutershá 20 dias

    Ibovespa anula perdas e fecha com leve alta ajudado por NY; BRF dispara 12%

    Por Paula Arend Laier SÃO PAULO (Reuters) - A bolsa paulista começou o segundo semestre com o Ibovespa em leve alta, ajudado pela melhora de Wall Street e disparada das ações da BRF, que contrabalançaram a pressão negativa da queda dos papéis da Vale na esteira do recuo do preço do minério de ferro na China. No fechamento, o principal índice de ações da B3 acusou acréscimo de 0,11 por cento, a 72.839 pontos. No pior momento do dia, recuou 1,14 por cento, caindo abaixo de 72 mil pontos. O volume financeiro do pregão alcançou 6,67 bilhões de reais. ...

  • Índice recua com exterior negativo e continuidade de incertezas eleitorais
    Reutershá 20 dias

    Índice recua com exterior negativo e continuidade de incertezas eleitorais

    Por Paula Arend Laier SÃO PAULO (Reuters) - A bolsa paulista começava o segundo semestre com perdas, conforme permanecem dúvidas sobre o desfecho eleitoral no país e acompanhando o viés negativo em praças acionárias no exterior nesta segunda-feira, onde os negócios eram afetados pela manutenção de incertezas sobre o comércio global. Às 10:53, o Ibovespa caía 0,85 por cento, a 72.146 pontos. O volume financeiro na bolsa somava 974 milhões de reais. No primeiro semestre, o principal índice de ações da B3 acumulou queda de 4,76 por cento. Em dólar, a perda alcançou quase 19 por cento. ...

  • Ibovespa fecha em alta de 1% puxado por Petrobras e com menos aversão a risco no exterior
    Reutersmês passado

    Ibovespa fecha em alta de 1% puxado por Petrobras e com menos aversão a risco no exterior

    SÃO PAULO (Reuters) - O principal índice acionário da bolsa paulista fechou em alta nesta quarta-feira, amparado principalmente nos ganhos da Petrobras, diante da expectativa pela votação da cessão onerosa na Câmara dos Deputados. O Ibovespa fechou o dia em alta de 1,02 por cento, a 72.123 pontos. O giro financeiro era de 11,16 bilhões de reais. O movimento positivo contou ainda com a diminuição da aversão a risco no exterior, na esteira de menos preocupações sobre uma guerra comercial entre Estados Unidos e China. "A preocupação com esse assunto se dissipou um pouco... ...

  • Fitch vê rentabilidade de grandes bancos privados sob pressão nos próximos anos
    Reutersmês passado

    Fitch vê rentabilidade de grandes bancos privados sob pressão nos próximos anos

    SÃO PAULO (Reuters) - Os grandes bancos privados no Brasil, incluindo os líderes Itaú Unibanco e Bradesco, devem sofrer pressão sobre a rentabilidade nos próximos anos, diante do cenário de crescimento econômico ainda fraco do país, disse nesta quarta-feira uma diretora da agência de classificação de risco Fitch. ...

  • Ibovespa opera sem viés com menos aversão a risco no exterior e cautela sobre cenário local
    Reutersmês passado

    Ibovespa opera sem viés com menos aversão a risco no exterior e cautela sobre cenário local

    SÃO PAULO (Reuters) - O principal índice acionário da B3 operava sem viés definido nesta quarta-feira, perdendo o fôlego após o movimento de recuperação iniciado na véspera, apesar da diminuição da aversão a risco no exterior, enquanto a cautela com incertezas político-eleitorais locais seguia no radar. Às 12:09, o Ibovespa caía 0,24 por cento, a 71.223 pontos. O giro financeiro era de 4,4 bilhões de reais. ...

  • Ibovespa sobe mais de 2% puxado por forte alta de bancos
    Reutersmês passado

    Ibovespa sobe mais de 2% puxado por forte alta de bancos

    SÃO PAULO (Reuters) - O principal índice acionário da B3 avançou mais de 2 por cento nesta terça-feira, com o setor financeiro puxando o movimento de recuperação após as recentes perdas e descolando o mercado acionário local do exterior. O Ibovespa fechou em alta de 2,26 por cento, a 71.394 pontos. O giro financeiro somou 13,06 bilhões de reais. ...

  • Reutersmês passado

    Kroton fecha parceria com Cubo Itaú para apoio a startups de educação

    SÃO PAULO (Reuters) - A Kroton Educacional fechou parceria com o espaço de fomento de startups do Itaú Unibanco, o Cubo Itaú, para investir e apoiar empresas voltadas ao desenvolvimento de soluções para educação pública e privada no país. Como parte do acordo, o maior grupo de ensino superior do país patrocinará um andar inteiro da nova sede do Cubo, a ser inaugurada no início do segundo semestre, dedicado às chamadas edtechs. ...

  • Reutersmês passado

    Quod, bureau de crédito dos bancos, vai estrear com base de 100 milhões de pessoas

    Por Aluisio Alves SÃO PAULO (Reuters) - O Quod, bureau de crédito controlado pelos maiores bancos do Brasil, deve iniciar suas operações até o fim do ano com uma base estimada em cerca de 100 milhões de pessoas, o que deve lhe garantir uma vantagem em relação aos concorrentes, disseram executivos à Reuters. Controlado por Itaú Unibanco, Santander Brasil, Bradesco, Banco do Brasil e Caixa Econômica Federal, o Quod vai concorrer com gestoras de crédito como Serasa Experian, Boa Vista SCPC e SPC Brasil. ...

  • Gigantes de tecnologia podem ser concorrentes de sistema financeiro, diz presidente do Itaú
    Reutersmês passado

    Gigantes de tecnologia podem ser concorrentes de sistema financeiro, diz presidente do Itaú

    SÃO PAULO (Reuters) - Gigantes globais de tecnologia podem ser concorrentes do sistema financeiro, à medida que expandem a oferta de serviços e oferecem experiências positivas para usuários, disse nesta terça-feira o presidente-executivo do Itaú Unibanco, Cândido Bracher. Falando durante o Ciab, congresso anual de tecnologia do setor bancário, Bracher citou nomes como os da gigante de comércio on-line Amazon e do aplicativo de transportes Uber."Não é só pelo serviço, é também pela experiência que proporcionam", disse o executivo. "Temos que ficar atentos". ...