Mercado fechado
  • BOVESPA

    113.282,67
    -781,69 (-0,69%)
     
  • MERVAL

    38.390,84
    +233,89 (+0,61%)
     
  • MXX

    51.105,71
    -358,56 (-0,70%)
     
  • PETROLEO CRU

    73,95
    +0,65 (+0,89%)
     
  • OURO

    1.750,60
    +0,80 (+0,05%)
     
  • BTC-USD

    42.464,52
    -277,85 (-0,65%)
     
  • CMC Crypto 200

    1.067,20
    -35,86 (-3,25%)
     
  • S&P500

    4.455,48
    +6,50 (+0,15%)
     
  • DOW JONES

    34.798,00
    +33,18 (+0,10%)
     
  • FTSE

    7.051,48
    -26,87 (-0,38%)
     
  • HANG SENG

    24.192,16
    -318,82 (-1,30%)
     
  • NIKKEI

    30.248,81
    +609,41 (+2,06%)
     
  • NASDAQ

    15.319,00
    +15,50 (+0,10%)
     
  • BATS 1000 Index

    0,0000
    0,0000 (0,00%)
     
  • EURO/R$

    6,2556
    +0,0306 (+0,49%)
     

ZigPay, focada na gestão de bares e restaurantes, levanta aporte de R$ 40 mi

·2 minuto de leitura

O ZigPay, startup focada em oferecer uma solução de gestão e pagamentos a casas noturnas, bares, restaurantes e eventos, captou R$ 40 milhões em uma recente rodada de financiamento, anunciou a empresa nesta segunda-feira (30). A rodada teve participação de empresários como Edgard e Diogo Corona, donos da rede de academias SmartFit, e Ricardo Goldfarb, executivo das Lojas Marisa.

Criada em 2016, a fintech tem como diferencial transportar para o celular toda a experiência de pagamentos de um bar ou casa noturna, no esquema cashless (pagar sem dinheiro em espécie). Com o app (iOS | Android) dá para o cliente ver a hora que entrou e saiu, o cardápio, o que pediu ao longo da noite e paga por lá também, usando NFC e QR codes de forma pré-paga, com comanda virtual, ou pós, escaneando o código na saída.

O sistema assim reduz a chance de filas ao deixar o local, pois o cliente não precisa passar pelo caixa ou falar com o garçom para ir embora. Em números, a ZigPay fala em aumento médio de 40% no consumo e uma redução média de 30% no custo operacional.

Atualmente a ZigPay atende a 106 estabelecimentos e 106 mil pessoas e se sustenta com um percentual recebido pelas transações. O dinheiro do aporte será usado para desenvolver soluções e novos produtos, além de expandir nacionalmente e internacionalmente — dez novos escritórios devem ser abertos ainda neste ano.

A fintech disse ao site Pequenas Empresas Grandes Negócios que costuma atender bares e eventos de grande porte, mas os pequenos negócios são os mais impactados positivamente. "Os pequenos empreendedores têm poucas ferramentas de gestão dos seus estabelecimentos. Trouxemos uma ferramenta que ajuda a entender a frequência e os hábitos de consumo do cliente e quais são os melhores caixas, garçons e pratos. Também é possível gerir brindes e programas de fidelidade.", explica Carlos Lino, CEO da ZigPay, ao site.

Fonte: Canaltech

Trending no Canaltech:

Nosso objetivo é criar um lugar seguro e atraente onde usuários possam se conectar uns com os outros baseados em interesses e paixões. Para melhorar a experiência de participantes da comunidade, estamos suspendendo temporariamente os comentários de artigos