Mercado fechado

Youtuber faz o Project xCloud rodar em um Nintendo Switch

Rafael Arbulu

O Project xCloud, aplicação de cloud gaming que está sendo desenvolvida pela Microsoft, tem a ambição de levar todo o catálogo de jogos já lançados para os consoles Xbox para qualquer dispositivo. É um objetivo nobre, que a Microsoft já vem testando em diversas plataformas, até mesmo no iOS.

Um lugar onde o xCloud ainda não deu as caras foi o Nintendo Switch, o console portátil da japonesa. Pelo menos, não oficialmente, já que o canal Linus Tech Tips do YouTube publicou um vídeo em que mostra exatamente o conceito de “jogo pela nuvem” sendo aplicado ao aparelho de bolso da Big N.

Isso foi possível primeiramente ao fazer o Switch reconhecer o sistema operacional Android, ou, melhor dizendo, uma distribuição alternativa dele, chamada LineageOS. Isso porque o Switch se vale do mesmo processador Tegra que roda em vários smartphones Android.

O processo em si não foi muito detalhado pela equipe do canal, mas envolve um modelo antigo, mais específico, do Switch, além de um PC, um cabo USB-C, um cartão de memória SD de alta velocidade (onde o Android é instalado) e, obviamente, você ser membro do programa de testes beta do Project xCloud. A grosso modo, você estaria rodando o xCloud no Android, e o Android, no Switch.

O vídeo mostra o jogo Halo: The Master Chief Collection rodando no portátil da Nintendo, mas os narradores indicam no começo que o hack tem potencial para permitir rodar, pela nuvem, jogos de Xbox, PlayStation, Android e Nintendo, além de fazer o streaming de filmes e séries da Netflix.

Evidentemente, a prática é condenada tanto pela Microsoft como pela Nintendo: a primeira, por ainda não ter levado de forma oficial para o console portátil, e a segunda, bom, por ser a Nintendo e ela não gostar de ver o seu console hackeado. O aparelho em questão, exibido no vídeo, deve ter perdido todas as suas garantias no processo, e existe uma boa chance de “bricar” o console — termo utilizado pelo público gamer para se referir a um aparelho que ficou totalmente inoperante.

A ideia, ainda que não oficial, mostra, porém, uma conceitualização interessante: em seu funcionamento pleno, o Project xCloud exige o uso de um controle do Xbox One e um clipe para acoplá-lo ao seu smartphone, além de uma conexão bluetooth ativa a todo tempo. No caso deste hack para o Switch, a necessidade de um controle é eliminada, já que os games estão rodando com uso dos controles Joy Con do aparelho da Nintendo.

Fonte: Canaltech

Trending no Canaltech: