Mercado fechado

YouTube em breve deve permitir compra de produtos diretamente nos vídeos

Ramon de Souza
·1 minuto de leitura

Se uma reportagem publicada recentemente pelo Bloomberg estiver repassando informações verdadeiras, você poderá usar o YouTube para fazer compras em um futuro próximo. Segundo o veículo, a plataforma estaria planejando estrear, em breve, um recurso de “shopping”, que permitiria ao internauta adquirir um produto citado no vídeo sem ter que abandonar o serviço do Google.

Procurada pelo jornal, a companhia confirmou que está trabalhando em um sistema de “tags” para que criadores de conteúdo possam linkar produtos com maior facilidade (sem a necessidade daquela clássica frase “o link de compra está na descrição”), mas não ofereceu maiores detalhes a respeito de uma possível feature que flerte com um sistema de e-commerce mais robusto.

Embora estejamos falando de um rumor, a ideia faz bastante sentido. No YouTube, o dinheiro já gira em torno de reviews de produtos, links de afiliados e anúncios publicitários — se o Google ficar com uma comissão por cada transação realizada dentro da plataforma, ela pode ganhar mais uma forma de monetização e ainda por cima reduzir a sua dependência às redes de anúncios programáticos.

Ademais, outras redes sociais já apostam em recursos similares. O Instagram, por exemplo, foi um dos pioneiros a fazer essa mesclagem de influência social com e-commerce — já existe até mesmo uma categoria específica na qual é possível pesquisar por produtos à venda na própria plataforma.

Fonte: Canaltech

Trending no Canaltech: