Mercado fechado
  • BOVESPA

    111.439,37
    -2.354,91 (-2,07%)
     
  • MERVAL

    38.390,84
    +233,89 (+0,61%)
     
  • MXX

    51.307,71
    -884,62 (-1,69%)
     
  • PETROLEO CRU

    71,96
    -0,65 (-0,90%)
     
  • OURO

    1.753,90
    -2,80 (-0,16%)
     
  • BTC-USD

    48.370,11
    +995,95 (+2,10%)
     
  • CMC Crypto 200

    1.193,48
    -32,05 (-2,62%)
     
  • S&P500

    4.432,99
    -40,76 (-0,91%)
     
  • DOW JONES

    34.584,88
    -166,44 (-0,48%)
     
  • FTSE

    6.963,64
    -63,84 (-0,91%)
     
  • HANG SENG

    24.920,76
    +252,91 (+1,03%)
     
  • NIKKEI

    30.500,05
    +176,71 (+0,58%)
     
  • NASDAQ

    15.282,75
    -226,75 (-1,46%)
     
  • BATS 1000 Index

    0,0000
    0,0000 (0,00%)
     
  • EURO/R$

    6,1994
    +0,0146 (+0,24%)
     

YouTube corta pela metade número de inscritos necessários para postagens nas comunidades

·2 minuto de leitura
YouTube corta pela metade número de inscritos necessários para postagens nas comunidades
YouTube corta pela metade número de inscritos necessários para postagens nas comunidades

O recurso de comunidades do YouTube permite a postagem de fotos e textos em uma aba separada do seu canal. No entanto, para usar isso eram necessários pelos menos mil inscritos. O número agora foi cortado pela metade e com 500 assinantes já vai ser possível usar o modelo de publicações a partir do próximo dia 12 de outubro.

A principal função das comunidades é ser mais uma forma de interação entre o público e o criador. Geralmente é usada para avisar sobre vídeos ou fazer enquetes de temas. O recurso foi projetado para substituir a guia Discussão, que será oficialmente removido de todos os canais no mesmo 12 de outubro, disse o YouTube na quinta-feira.

Este conteúdo não está disponível devido às suas preferências de privacidade.
Para vê-los, atualize suas configurações aqui.

Comunidades no YouTube

Além disso, o YouTube disse que planeja trazer as comunidades também para criadores com menos de 500 inscritos: “trabalhando para trazer postagens da comunidade para você no futuro”, disse a nota.

Ainda segundo a empresa, criadores que alcançarem os 500 seguidores podem ainda ter que aguardar cerca de uma semana até que a função seja liberada.

Leia mais:

“No ano passado, trabalhamos em estreita colaboração com os criadores para melhorar a experiência das postagens das comunidades, adicionando novos recursos, como métricas de postagens no YouTube Analytics, postagens com várias imagens no Android (iOS e desktop em breve) e programação de postagens. Esperamos que ainda mais criadores possam usá-los”, completou ainda a empresa.

Já assistiu aos nossos novos vídeos no YouTube? Inscreva-se no nosso canal!

Nosso objetivo é criar um lugar seguro e atraente onde usuários possam se conectar uns com os outros baseados em interesses e paixões. Para melhorar a experiência de participantes da comunidade, estamos suspendendo temporariamente os comentários de artigos