Mercado fechado
  • BOVESPA

    108.976,70
    -2.854,30 (-2,55%)
     
  • MERVAL

    38.390,84
    +233,89 (+0,61%)
     
  • MXX

    51.668,64
    -310,36 (-0,60%)
     
  • PETROLEO CRU

    75,67
    -0,61 (-0,80%)
     
  • OURO

    1.750,80
    -3,20 (-0,18%)
     
  • BTC-USD

    16.463,91
    -8,92 (-0,05%)
     
  • CMC Crypto 200

    386,93
    +4,27 (+1,12%)
     
  • S&P500

    4.026,12
    -1,14 (-0,03%)
     
  • DOW JONES

    34.347,03
    +152,93 (+0,45%)
     
  • FTSE

    7.486,67
    +20,07 (+0,27%)
     
  • HANG SENG

    17.573,58
    -87,32 (-0,49%)
     
  • NIKKEI

    28.171,92
    -111,11 (-0,39%)
     
  • NASDAQ

    11.698,00
    -84,75 (-0,72%)
     
  • BATS 1000 Index

    0,0000
    0,0000 (0,00%)
     
  • EURO/R$

    5,6174
    -0,0070 (-0,12%)
     

Yellen se reunirá com presidente do BC chinês na cúpula do G20 em Bali

Secretária do Tesouro dos EUA, Janet Yellen

Por David Lawder

NOVA DÉLHI (Reuters) - A secretária do Tesouro dos Estados Unidos, Janet Yellen, disse à Reuters nesta sexta-feira que planeja se reunir com o presidente do banco central da China, Yi Gang, durante a Cúpula do G20 em Bali para discutir as condições econômicas globais e a situação do mercado imobiliário chinês.

Yellen comentou sobre os planos para sua primeira reunião bilateral presencial com uma alta autoridade econômica chinesa desde que assumiu como secretária do Tesouro em uma entrevista à Reuters em Nova Délhi. A reunião coincidirá com o encontro planejado do presidente Joe Biden na segunda-feira com o líder chinês Xi Jinping, mas o horário exato da reunião de Yellen ainda não foi definido.

"Espero me encontrar com o presidente do banco central Yi Gang e conversar com ele sobre uma série de questões, mas particularmente a situação econômica global", disse Yellen. "Estarei interessada em aprender mais sobre o setor imobiliário na China e tentarei atualizá-lo sobre o que está acontecendo nos Estados Unidos.

Yellen também disse que conversará com Yi sobre os países de baixa renda que estão enfrentando dificuldades de endividamento. A secretária do Tesouro dos EUA tem pressionado a China a fazer mais para reestruturar a dívida bilateral que vários países em desenvolvimento devem ao país, inclusive por meio do modelo de reestruturação comum do G20.

(Reportagem de David Lawder)