Mercado fechado
  • BOVESPA

    98.672,26
    +591,91 (+0,60%)
     
  • MERVAL

    38.390,84
    +233,89 (+0,61%)
     
  • MXX

    47.741,50
    +1.083,62 (+2,32%)
     
  • PETROLEO CRU

    107,06
    +2,79 (+2,68%)
     
  • OURO

    1.828,10
    -1,70 (-0,09%)
     
  • BTC-USD

    21.389,91
    -27,75 (-0,13%)
     
  • CMC Crypto 200

    462,12
    +8,22 (+1,81%)
     
  • S&P500

    3.911,74
    +116,01 (+3,06%)
     
  • DOW JONES

    31.500,68
    +823,32 (+2,68%)
     
  • FTSE

    7.208,81
    +188,36 (+2,68%)
     
  • HANG SENG

    21.719,06
    +445,19 (+2,09%)
     
  • NIKKEI

    26.491,97
    +320,72 (+1,23%)
     
  • NASDAQ

    12.132,75
    +395,25 (+3,37%)
     
  • BATS 1000 Index

    0,0000
    0,0000 (0,00%)
     
  • EURO/R$

    5,5524
    +0,0407 (+0,74%)
     

Yellen enfrenta inquirição no Congresso dos EUA sobre previsão "errada" de inflação

Janet Yellen, secretária do Tesouro dos EUA, em audiência na Câmara dos deputados dos EUA no Capitólio, em Washington

Por Andrea Shalal e Trevor Hunnicutt e David Lawder

WASHINGTON (Reuters) - A secretária do Tesouro dos Estados Unidos, Janet Yellen, enfrentará no Congresso nesta semana uma série de perguntas difíceis sobre como o governo de Joe Biden tem lidado com a economia dos EUA, depois de admitir que estava "errada" sobre a trajetória de inflação.

Yellen testemunhará diante do Comitê de Finanças do Senado na terça-feira e ao Comitê de Meios e Recursos da Câmara dos Deputados, na quarta-feira. Isso coloca à prova uma das conselheiras mais experientes, mas talvez das menos políticas, de Biden, enquanto parlamentares republicanos martelam o presidente norte-americano com perguntas sobre a alta dos preços --a mais forte em 40 anos.

Os republicanos do Congresso planejam interrogar Yellen sobre sua previsão equivocada e o papel que o plano de resgate de 1,9 trilhão de dólares apoiado por Biden teve na elevação dos preços, disseram assessores à Reuters.

Eles também gostariam de ouvi-la abandonar o plano fundamental do presidente de aumentar impostos sobre as empresas dos EUA e buscar mais financiamento federal, o que alimentaria ainda mais a inflação, disse o deputado Kevin Brady, principal republicano do Comitê de Meios e Recursos.

Embora Yellen não tenha planos e não esteja sob pressão para se aposentar, discussões sobre quem pode substituí-la se espalharam pelo governo nos últimos meses, com a secretária de Comércio Gina Raimondo e o ex-coordenador de Covid-19 da Casa Branca Jeff Zients no topo da lista de possíveis sucessores.

No Capitólio, Yellen planeja repetir o mantra da Casa Branca de que a inflação é "a maior prioridade do governo", disse uma autoridade do Tesouro dos EUA, e que "a força incomparável da recuperação dos Estados Unidos permite que nosso país enfrente desafios globais como a inflação e o ataque da Rússia à Ucrânia a partir de uma posição de força".

Nosso objetivo é criar um lugar seguro e atraente onde usuários possam se conectar uns com os outros baseados em interesses e paixões. Para melhorar a experiência de participantes da comunidade, estamos suspendendo temporariamente os comentários de artigos