Mercado fechado
  • BOVESPA

    106.296,18
    -1.438,83 (-1,34%)
     
  • MERVAL

    38.390,84
    +233,89 (+0,61%)
     
  • MXX

    51.889,66
    -130,39 (-0,25%)
     
  • PETROLEO CRU

    83,98
    +1,48 (+1,79%)
     
  • OURO

    1.793,10
    +11,20 (+0,63%)
     
  • BTC-USD

    61.130,74
    -1.649,50 (-2,63%)
     
  • CMC Crypto 200

    1.453,34
    -49,69 (-3,31%)
     
  • S&P500

    4.544,90
    -4,88 (-0,11%)
     
  • DOW JONES

    35.677,02
    +73,94 (+0,21%)
     
  • FTSE

    7.204,55
    +14,25 (+0,20%)
     
  • HANG SENG

    26.126,93
    +109,40 (+0,42%)
     
  • NIKKEI

    28.804,85
    +96,27 (+0,34%)
     
  • NASDAQ

    15.324,00
    -154,75 (-1,00%)
     
  • BATS 1000 Index

    0,0000
    0,0000 (0,00%)
     
  • EURO/R$

    6,5808
    -0,0002 (-0,00%)
     

Xiaomi pode renomear linha CC e lançar novo celular com até 12 GB de RAM

·2 minuto de leitura

A Xiaomi pretende fazer mais uma mudança na nomenclatura de seus dispositivos. Dessa vez, a linha Mi CC poderá ser renomeada para Civi, e chegar à China como uma versão do Xiaomi 11 Lite NE 5G, apresentado recentemente ao mercado global.

Uma captura de tela divulgada pelo perfil @stufflistings no Twitter mostra que o novo aparelho já estaria com suas peças pulbicitárias prontas, ou seja, que a Xiaomi está pronta para fazer o anúncio oficial do dispositivo. Além disso, ele também já teria passado por testes na 3C — uma agência regulamentadora chinesa —, que revelou diverentes versões com carregamento de 33 W, 55 W ou até 67 W.

Banner do Xiaomi Civi vazou em site chinês (Imagem: Twitter/@stufflistings)
Banner do Xiaomi Civi vazou em site chinês (Imagem: Twitter/@stufflistings)

A série Xiaomi CC foi lançada com o objetivo de trazer um visual e características voltadas para os consumidores mais jovens. Porém, a linha foi relativamente esquecida pela marca chinesa, já que não recebe atualizações desde 2019, quando foram apresentados os modelos Mi CC9e, Mi CC9 e Mi CC9 Pro. Ou seja, nunca existiu um Mi CC10 de forma oficial, e possivelmente também não existirá um CC11, por conta da mudança de nome promovida pela companhia.

Em relação a outras especificações do novo smartphone, é provavel que ele herde a maioria dos componentes do Xiaomi 11 Lite NE 5G, como o processador Snapdragon 778G 5G, além de vir com 6, 8 ou 12 GB de memória RAM e 128, 256 ou 512 GB de armazenamento interno. O conjunto de câmeras traseiras possui sensor principal de 64 MP, com uma ultrawide de 8 MP e uma telemacro de 5 MP — porém, não se descarta uma lente periscópica com zoom óptico de 5x e sensor de 64 MP. Na frente, a câmera para selfies deverá ter 20 MP.

Xiaomi 11 Lite NE 5G deverá servir como base para o Civi (Imagem: Divulgação/Xiaomi)
Xiaomi 11 Lite NE 5G deverá servir como base para o Civi (Imagem: Divulgação/Xiaomi)

O design do dispositivo deverá ser bastante similar a outros aparelhos da linha Xiaomi 11, em que o módulo para as câmeras traseiras possui cantos arredondados, e também comporta o flash LED. O sensor de impressões digitais ficará na parte lateral, a tela poderá ter taxa de atualização de 90 Hz e a bateria deverá ter em torno de 4.250 mAh.

De acordo com a captura de tela, o novo smartphone poderá ser lançado em evento marcado para o dia 27 de setembro, na China. A marca também anunciou uma outra exposição na Índia no dia 29 de setembro, em que poderá apresentar o mesmo smartphone, mas possivelmente com um novo nome. Também é possível que o Xiaomi Civi não tenha relação com o antigo Mi CC, mas todas as informações só serão confirmadas na data especificada pela marca chinesa.

Fonte: Canaltech

Trending no Canaltech:

Nosso objetivo é criar um lugar seguro e atraente onde usuários possam se conectar uns com os outros baseados em interesses e paixões. Para melhorar a experiência de participantes da comunidade, estamos suspendendo temporariamente os comentários de artigos