Mercado fechará em 6 h 37 min
  • BOVESPA

    106.363,10
    -56,43 (-0,05%)
     
  • MERVAL

    38.390,84
    +233,89 (+0,61%)
     
  • MXX

    51.714,60
    -491,99 (-0,94%)
     
  • PETROLEO CRU

    81,66
    -1,00 (-1,21%)
     
  • OURO

    1.803,80
    +5,00 (+0,28%)
     
  • BTC-USD

    61.105,14
    +2.251,66 (+3,83%)
     
  • CMC Crypto 200

    1.472,01
    -2,32 (-0,16%)
     
  • S&P500

    4.551,68
    -23,11 (-0,51%)
     
  • DOW JONES

    35.490,69
    -266,19 (-0,74%)
     
  • FTSE

    7.235,11
    -18,16 (-0,25%)
     
  • HANG SENG

    25.555,73
    -73,01 (-0,28%)
     
  • NIKKEI

    28.820,09
    -278,15 (-0,96%)
     
  • NASDAQ

    15.669,75
    +82,50 (+0,53%)
     
  • BATS 1000 Index

    0,0000
    0,0000 (0,00%)
     
  • EURO/R$

    6,4906
    +0,0659 (+1,03%)
     

Xiaomi lança novas Smart TVs acessíveis com suporte a Dolby Atmos

·2 minuto de leitura

A Xiaomi apresentou nesta quarta-feira (22) dois novos modelos de TVs acessíveis com recursos smart e outros atrativos comuns somente em dispositivos mais caros. Os dois produtos trazem design e especificações semelhantes, com mudanças apenas no tamanho e na resolução da tela — enquanto a TV mais básica traz tela HD (1366 x 768 pixels) de 32 polegadas, a maior tem display Full HD (1920 x 1080 pixels) de 43 polegadas.

Televisões trazem várias opções de conectividade (Imagem: Divulgação/Xiaomi)
Televisões trazem várias opções de conectividade (Imagem: Divulgação/Xiaomi)

Ambos os modelos trazem taxa de atualização de 60 Hz, assim como suporte para o Vivid Picture Engine da Xiaomi, que promete imagens com saturação aprimorada, assim como melhor contraste e profundidade de cor.

As televisões se destacam pela sua conectividade: além do suporte para Wi-Fi dual-band de 2,4 ou 5 GHz — algo raro para produtos desse patamar —, elas rodam a PatchWall 4, que é a interface para TVs da Xiaomi em cima do Android TV 11 e traz mais de 75 canais de forma gratuita e nativa. Há também Chromecast integrado para transmissão de conteúdos via smartphone ou outros dispositivos móveis, assim como integrações para Google Assistente e Miracast.

Em relação à qualidade de áudio, as televisões trazem dois speakers de 10 W com suporte para DTS-HD, DTS Virtual: X, Dolby Audio e som surround Dolby 5.1. Além disso, é possível reproduzir conteúdos com Dolby Atmos por meio da entrada ARC.

As TVs trazem um processador com quatro núcleos Cortex-A35 e GPU Mali G31 MP2, além de 1 GB de RAM e 8 GB de armazenamento interno, suficiente para alguns aplicativos, filmes ou séries. As portas de conectividade são as mesmas para os dois produtos, incluindo entrada para cabo coaxial, duas HDMI, LAN, AV, 3,5 mm para fones de ouvido ou cabo auxiliar e mais duas USB-A 2.0. Os dispositivos ainda trazem suporte para Bluetooth 5.0, e o controle remoto tem botões de atalho para Netflix e Prime Video.

Preços e disponibilidade

Os dois modelos foram lançados para o mercado indiano, e começarão a ser vendidos a partir do início do Great Indian Festival, uma ação de promoções da Amazon local esperada para o dia 6 de outubro. As Smart TVs também serão vendidas no site oficial da Xiaomi e outras varejistas, com o preço sugerido de 15.999 rúpias (cerca de R$ 1.145 em conversão direta) para a TV de 32 polegadas e 25.999 rúpias (R$ 1.861) para o produto de 43 polegadas.

Fonte: Canaltech

Trending no Canaltech:

Nosso objetivo é criar um lugar seguro e atraente onde usuários possam se conectar uns com os outros baseados em interesses e paixões. Para melhorar a experiência de participantes da comunidade, estamos suspendendo temporariamente os comentários de artigos