Mercado fechado
  • BOVESPA

    113.750,22
    +1.458,62 (+1,30%)
     
  • MERVAL

    38.390,84
    +233,89 (+0,61%)
     
  • MXX

    43.646,03
    -288,18 (-0,66%)
     
  • PETROLEO CRU

    46,09
    +0,45 (+0,99%)
     
  • OURO

    1.842,00
    +0,90 (+0,05%)
     
  • BTC-USD

    19.081,25
    +32,96 (+0,17%)
     
  • CMC Crypto 200

    365,19
    -14,05 (-3,71%)
     
  • S&P500

    3.699,12
    +32,40 (+0,88%)
     
  • DOW JONES

    30.218,26
    +248,74 (+0,83%)
     
  • FTSE

    6.550,23
    +59,96 (+0,92%)
     
  • HANG SENG

    26.835,92
    +107,42 (+0,40%)
     
  • NIKKEI

    26.751,24
    -58,13 (-0,22%)
     
  • NASDAQ

    12.509,25
    +47,00 (+0,38%)
     
  • BATS 1000 Index

    0,0000
    0,0000 (0,00%)
     
  • EURO/R$

    6,2497
    +0,0137 (+0,22%)
     

Xiaomi lança carregador compatível com iPhone 12 por menos de R$ 30

Felipe Junqueira
·1 minuto de leitura

Enquanto a Apple remove o carregador da caixa do iPhone com a justificativa de reduzir o consumo de plástico, outras empresas enxergam uma oportunidade de negócio. É o caso da Xiaomi, que acaba de lançar um carregador USB-C compatível com o iPhone 12 e vários outros celulares Android.

Chamado Mi 20W Type-C, o carregador tem potência de até 20 watts e pode ser usado com o cabo que vem na caixa do iPhone 12. Também é compatível com outras gerações de celulares da Apple, bem como o Xiaomi Mi 10, Samsung Galaxy S10 e outros dispositivos Android e diversos, como o Nintendo Switch. E tem preço bem mais atraente que o carregador oficial da Apple: cerca de US$ 5, ou aproximadamente R$ 30.

Segundo a Xiaomi, o carregador tem um dispositivo de detecção de alta precisão para identificar a capacidade de recarga, além de proteção contra sobretensão e sobrecarga, contra curto-circuito e superaquecimento. Em outras palavras, o mínimo que se espera de um carregador original, que respeita a capacidade de tensão do dispositivo conectado e evita problemas.

Não há nenhuma informação oficial sobre o lançamento do Mi 20W Type-C no ocidente, mas é de se esperar que o acessório chegue ao máximo de lojas oficiais da Xiaomi ao redor do mundo, visto que pode conquistar usuários de todas as marcas a preço bem interessante.

Fonte: Canaltech

Trending no Canaltech: