Mercado fechado
  • BOVESPA

    98.672,26
    +591,91 (+0,60%)
     
  • MERVAL

    38.390,84
    +233,89 (+0,61%)
     
  • MXX

    47.741,50
    +1.083,62 (+2,32%)
     
  • PETROLEO CRU

    107,06
    +2,79 (+2,68%)
     
  • OURO

    1.828,10
    -1,70 (-0,09%)
     
  • BTC-USD

    21.421,83
    -23,15 (-0,11%)
     
  • CMC Crypto 200

    462,12
    +8,22 (+1,81%)
     
  • S&P500

    3.911,74
    +116,01 (+3,06%)
     
  • DOW JONES

    31.500,68
    +823,32 (+2,68%)
     
  • FTSE

    7.208,81
    +188,36 (+2,68%)
     
  • HANG SENG

    21.719,06
    +445,19 (+2,09%)
     
  • NIKKEI

    26.491,97
    +320,72 (+1,23%)
     
  • NASDAQ

    12.132,75
    +395,25 (+3,37%)
     
  • BATS 1000 Index

    0,0000
    0,0000 (0,00%)
     
  • EURO/R$

    5,5524
    +0,0407 (+0,74%)
     

Xiaomi deve revelar quatro novos tablets este ano, incluindo um Redmi

Quatro novos tablets podem ser revelados pela Xiaomi nos próximos meses, sendo três da família Xiaomi Pad 6 e um suposto Redmi Pad. Aparentemente, ao menos um desses produtos deve ter suporte a redes 5G, enquanto os demais devem focar em um preço mais baixo como grande diferencial.

As informações vindas do portal MyDrivers dizem que a empresa deve ter quatro novas opções de tablets após seu retorno ao mercado em 2021 com o Xiaomi Pad 5, que inclusive foi lançado no Brasil. Uma delas supostamente seria voltada para o mercado de entrada, embora isso ainda não esteja confirmado.

Xiaomi Pad 5 traz suporte a caneta stylus e tem módulo de câmera inspirado no Mi 11 (Imagem: Reprodução/Xiaomi)
Xiaomi Pad 5 traz suporte a caneta stylus e tem módulo de câmera inspirado no Mi 11 (Imagem: Reprodução/Xiaomi)

Os modelos seriam identificados pelos códigos L81, L81A, L82 e L83. O primeiro deve ser o Xiaomi Pad 6 padrão, enquanto o segundo deve ser o Xiaomi Pad 6 Pro – o Xiaomi Pad 5 Pro ficou exclusivo da China no ano passado, e apenas o Pad 5 ganhou versão global. O terceiro tablet deve ser o Xiaomi Pad 6 Pro 5G, e o último deve ser o suposto Redmi Pad.

Rumores dizem que o Xiaomi Pad 6 deve trazer um processador MediaTek, e outros dois modelos da família devem contar com versões com chip Qualcomm e MediaTek, com chances de esses chipsets serem o Snapdragon 8 Plus Gen 1 e o Dimensity 9000. Entre as novidades esperadas, está o suporte a carregamento ainda mais rápido, saindo dos 67 W para 120 W, com um incremento também na capacidade da bateria.

Além disso, o tablet deve ganhar uma tela AMOLED com tecnologia LTPO e suporte para taxa de atualização variável de até 120 Hz. Também é esperado que a marca inclua melhorias na qualidade de som e nas câmeras. Ainda não existe uma data oficial para o lançamento da linha Xiaomi Pad 6, mas é esperado que eles sejam revelados em agosto.

Fonte: Canaltech

Trending no Canaltech:

Nosso objetivo é criar um lugar seguro e atraente onde usuários possam se conectar uns com os outros baseados em interesses e paixões. Para melhorar a experiência de participantes da comunidade, estamos suspendendo temporariamente os comentários de artigos