Mercado fechado
  • BOVESPA

    100.591,41
    -172,20 (-0,17%)
     
  • MERVAL

    38.390,84
    +233,89 (+0,61%)
     
  • MXX

    48.435,45
    +140,62 (+0,29%)
     
  • PETROLEO CRU

    111,84
    +2,27 (+2,07%)
     
  • OURO

    1.821,40
    -3,40 (-0,19%)
     
  • BTC-USD

    20.304,14
    -584,21 (-2,80%)
     
  • CMC Crypto 200

    441,05
    -9,01 (-2,00%)
     
  • S&P500

    3.821,55
    -78,56 (-2,01%)
     
  • DOW JONES

    30.946,99
    -491,27 (-1,56%)
     
  • FTSE

    7.323,41
    +65,09 (+0,90%)
     
  • HANG SENG

    22.418,97
    +189,45 (+0,85%)
     
  • NIKKEI

    27.049,47
    +178,20 (+0,66%)
     
  • NASDAQ

    11.680,50
    -360,00 (-2,99%)
     
  • BATS 1000 Index

    0,0000
    0,0000 (0,00%)
     
  • EURO/R$

    5,5414
    -0,0027 (-0,05%)
     

Xiaomi Band 7: versão global é enviada para clientes antes do anúncio oficial

Lançada em maio na China, a Xiaomi Band 7 parece estar bem perto de estrear no mercado global. Além de usuários que receberam acidentalmente a versão global da pulseira fitness, o modelo foi flagrado em documentos do órgão regulador de Singapura.

Embora a Xiaomi não tenha revelado a data para o lançamento oficial da Xiaomi Band 7 no mercado global, algumas versões internacionais do aparelho estão disponíveis há várias semanas na Polônia. Tal como, um revendedor global do AliExpress estaria enviando a variante internacional do dispositivo para alguns compradores.

Conforme os relatos de usuários no Reddit, alguns detalhes indicam que os modelos são, de fato, as versões globais da pulseira inteligente. Por exemplo, as caixas não possuem nenhum texto em chinês e os aparelhos têm suporte para múltiplos idiomas.

Usuários compartilham imagens da variante global da Xiaomi Band 7 em fóruns (Imagem: Reprodução/Reddit)
Usuários compartilham imagens da variante global da Xiaomi Band 7 em fóruns (Imagem: Reprodução/Reddit)

Aparentemente, ocorreu um erro nas remessas da Xiaomi Band 7 enviadas para alguns fornecedores e revendedores. Isso porque, na maior parte dos casos, os consumidores encomendaram a versão chinesa e receberam a edição global em casa.

Certificado reforça o lançamento global

Recentemente, a Xiaomi Band 7 foi flagrada no site da Infocomm Media Development Authority (IMDA) em Singapura. Segundo as informações, o registro no órgão regulador equivalente à Anatel foi realizado a pedido da própria Xiaomi.

O informante Mukul Sharma compartilhou a imagem da certificação da pulseira inteligente na agência asiática. Embora não cite o nome comercial do produto, o item listado traz o número de série M2130B1, o mesmo código usado para se referir ao vestível anteriormente.

Xiaomi Band 7 é listada no IMDA, órgão regulador de Singapura (Imagem: Twitter/Mukul Sharma)
Xiaomi Band 7 é listada no IMDA, órgão regulador de Singapura (Imagem: Twitter/Mukul Sharma)

Dessa forma, as recentes atualizações indicam que a Xiaomi Band 7 está muito próxima de chegar ao mercado global. Resta apenas aguardar que a marca revele a data oficial para o lançamento do dispositivo.

Sobre a Xiaomi Band 7

A Xiaomi Band 7 estreou com diversas melhorias em relação à geração anterior. Este ano, a pulseira inteligente tem uma tela AMOLED de 1,62 polegada com mais de 100 opções de watchfaces.

Para saúde, o modelo traz sensores que monitoram a frequência cardíaca, qualidade do sono, estresse e nível de oxigênio do sangue. A prova d’água e suportando mergulhos de até 50 metros (5 ATM), o acessório ainda oferece mais 120 modos de treinos.

Um dos destaques da Xiaomi Band 7 é a variante com NFC, permitindo fazer pagamentos e outras ações por aproximação. Ademais, a smartband tem uma bateria de 108 mAh que garante até 14 dias de uso.

A Xiaomi Band 7 já está disponível com desconto no grupo do Canaltech Ofertas, clique aqui para comprar antes que acabe.

Fonte: Canaltech

Trending no Canaltech:

Nosso objetivo é criar um lugar seguro e atraente onde usuários possam se conectar uns com os outros baseados em interesses e paixões. Para melhorar a experiência de participantes da comunidade, estamos suspendendo temporariamente os comentários de artigos