Mercado fechará em 2 h 26 min
  • BOVESPA

    113.280,16
    +1.007,15 (+0,90%)
     
  • MERVAL

    38.390,84
    +233,89 (+0,61%)
     
  • MXX

    54.582,70
    +61,27 (+0,11%)
     
  • PETROLEO CRU

    78,85
    +0,95 (+1,22%)
     
  • OURO

    1.942,20
    +3,00 (+0,15%)
     
  • BTC-USD

    23.146,79
    -46,25 (-0,20%)
     
  • CMC Crypto 200

    525,27
    +6,48 (+1,25%)
     
  • S&P500

    4.045,06
    +27,29 (+0,68%)
     
  • DOW JONES

    33.825,50
    +108,41 (+0,32%)
     
  • FTSE

    7.773,43
    -11,44 (-0,15%)
     
  • HANG SENG

    21.842,33
    -227,40 (-1,03%)
     
  • NIKKEI

    27.327,11
    -106,29 (-0,39%)
     
  • NASDAQ

    12.076,75
    +108,75 (+0,91%)
     
  • BATS 1000 Index

    0,0000
    0,0000 (0,00%)
     
  • EURO/R$

    5,5309
    -0,0161 (-0,29%)
     

Xiaomi 13 tem tela mais brilhante entre celulares Android

O Xiaomi 13 quebrou o recorde de celular com tela mais brilhante entre os dispositivos Android. O feito foi publicado nas redes sociais do CEO da Xiaomi Lei Jun, que destacou a claridade máxima de 1.900 nits.

Linha Xiaomi 13 tem tela Samsung E6 (Imagem: Weibo)
Linha Xiaomi 13 tem tela Samsung E6 (Imagem: Weibo)

Para efeito de comparação, o recorde anterior era do Galaxy S22 Ultra, que alcançou 1.750 nits. Já entre os dispositivos com iOS, o iPhone 14 Pro Max chega a 2.000 nits, marca até então alcançada apenas por uma tela apresentada pela Samsung durante a CES 2023 — que até então não se sabe se estará no Galaxy S23 Ultra.

Este limite máximo é alcançado em alguns pontos específicos da tela, mas em geral a claridade costuma ser um pouco mais baixa. O Xiaomi 13 tem brilho global de 1.200 nits, com uma economia de energia próxima a 22% em comparação com gerações anteriores, segundo a marca.

O smartphone foi anunciado com o novo display AMOLED E6 da Samsung, que conta com as tecnologias de substrato mais atualizadas da marca. Esta geração é cerca de 900 nits mais clara que o E5, e 1.100 nits mais brilhante que o E4.

Modelos devem ganhar versões globais em breve (Imagem: Divulgação/Xiaomi)
Modelos devem ganhar versões globais em breve (Imagem: Divulgação/Xiaomi)

O display do Xiaomi 13 tem bordas quase simétricas, em que as laterais e parte superior possuem 1,61 mm de espessura. Apenas a seção inferior é um pouco mais grossa, com 1,81 mm.

Além disso, este painel tem um pequeno recorte para a câmera frontal, que fica centralizada na parte superior do display. Com isso, o smartphone tem uma proporção de 93,3% de tela em relação à totalidade da seção dianteira.

Com uma bateria de 4.500 mAh, o Xiaomi 13 chegou a cerca de 1,37 dia de carga em uso típico, de acordo com os testes divulgados. Enquanto isso, o iPhone 14 Pro ficou com 1,28 dia.

Xiaomi 13 ainda não ganhou versão global

A linha Xiaomi 13 foi anunciada ao mercado chinês em dezembro do ano passado, mas ainda não ganhou uma versão global. As informações mais recentes apontam que ela pode ser apresentada durante a Mobile World Congress (MWC) 2023, marcada para o final de fevereiro.

Além da versão padrão do dispositivo, a linha ainda deve contar com os modelos Xiaomi 13 Pro e Xiaomi 13 Ultra, este último cujas especificações já foram citadas em rumores prévios.

Fonte: Canaltech

Trending no Canaltech: