Mercado fechado
  • BOVESPA

    111.834,49
    -55,39 (-0,05%)
     
  • MERVAL

    38.390,84
    +233,89 (+0,61%)
     
  • MXX

    52.510,72
    +367,72 (+0,71%)
     
  • PETROLEO CRU

    115,13
    +1,04 (+0,91%)
     
  • OURO

    1.850,80
    +3,20 (+0,17%)
     
  • BTC-USD

    28.816,04
    -575,32 (-1,96%)
     
  • CMC Crypto 200

    624,54
    -4,96 (-0,79%)
     
  • S&P500

    4.158,24
    +100,40 (+2,47%)
     
  • DOW JONES

    33.213,02
    +575,83 (+1,76%)
     
  • FTSE

    7.585,46
    +20,54 (+0,27%)
     
  • HANG SENG

    20.697,36
    +581,16 (+2,89%)
     
  • NIKKEI

    26.781,68
    +176,84 (+0,66%)
     
  • NASDAQ

    12.646,75
    +367,50 (+2,99%)
     
  • BATS 1000 Index

    0,0000
    0,0000 (0,00%)
     
  • EURO/R$

    5,0840
    -0,0340 (-0,66%)
     

Wine começa aceitar bitcoin como pagamento por assinatura de vinho

  • Opa!
    Algo deu errado.
    Tente novamente mais tarde.
·2 min de leitura
Neste artigo:
  • Opa!
    Algo deu errado.
    Tente novamente mais tarde.
Wine passa aceitar pagamento em Bitcoin
Wine passa aceitar pagamento em Bitcoin

A Wine, um clube de assinatura de vinhos no Brasil, começa a aceitar o Bitcoin como meio de pagamento. Fundada em 2008, a Wine trabalha para atender aquelas pessoas apaixonadas por vinho, sendo considerada o maior clube de assinatura de vinhos do mundo, além de líder de importação.

Com presença também no México, a empresa atende seus clientes pelo seu site e aplicativo. No Brasil, 16 lojas físicas também ajudam clientes a procurar os produtos oferecidos pela empresa.

O foco da empresa é ter presença em vários meios de comunicação, ao passo que agora adere até a moeda nativa da internet em seu negócio.

Wine aceita Bitcoin como meio de pagamento

Na última terça-feira (19), a Wine passou a aceitar o Bitcoin como meio de pagamento pela compra de vinhos. Essa opção é fruto de uma parceria da empresa com uma fintech que possui um gateway de pagamentos em criptomoedas.

Para o Diretor de Tecnologia da Wine, Clayton Freire, essa nova opção de pagamento tem relação com uma mudança no comportamento dos consumidores, cada vez mais ligados às criptomoedas.

“Sabemos que os consumidores estão cada vez mais conectados e as criptomoedas já fazem parte do dia a dia de grande parte deles. Resolvemos investir nessa inovação para trazer uma experiência ainda mais completa para nossos sócios e clientes e também porque acreditamos que, em um futuro próximo, essa forma de pagamento será frequente”.

Quando o cliente quer pagar com bitcoin, ele deve escolher essa opção de pagamento e receberá um Código QR. Assim, similar ao processo de pagamentos com PIX, os clientes da Wine já podem fazer seus pagamentos de forma simples e ágil, com segurança.

Início no aplicativo, mas em breve pelo site

Com foco no omnichannel, a Wine acredita que a inclusão do bitcoin como meio de pagamento torna dá a empresa uma nova experiência de compra, completamente mais fácil.

“A Wine se tornou uma empresa verdadeiramente omnichannel, criando uma experiência de compra única, sem ruídos de comunicação e com o mínimo de fricção ao longo de todo processo de compra. Assim como os usuários podem usar o app para fazer compras na loja física e com a leitura do QR Code dos rótulos incluir os produtos no carrinho, eles farão com o pagamento via bitcoin. Basta selecionar os produtos, finalizar e pagar direto pelo celular de forma rápida e fácil”.

Segundo a empresa, em um comunicado enviado ao Livecoins, 7 em cada 10 compras nas lojas físicas da Wine são feitas pelo aplicativo da empresa. Dessa forma, o pagamento dos serviços com bitcoin começa no principal canal de atendimento, mas deve ser incorporado nos demais ainda em 2022.

Para comprar produtos da empresa, ou assinar seu clube de vinhos, é necessário ter mais de 18 anos.

Fonte: Livecoins

Nosso objetivo é criar um lugar seguro e atraente onde usuários possam se conectar uns com os outros baseados em interesses e paixões. Para melhorar a experiência de participantes da comunidade, estamos suspendendo temporariamente os comentários de artigos