Mercado fechado
  • BOVESPA

    125.052,78
    -1.094,22 (-0,87%)
     
  • MERVAL

    38.390,84
    +233,89 (+0,61%)
     
  • MXX

    50.268,45
    +27,95 (+0,06%)
     
  • PETROLEO CRU

    71,97
    -0,10 (-0,14%)
     
  • OURO

    1.799,00
    -2,80 (-0,16%)
     
  • BTC-USD

    38.899,88
    +4.918,46 (+14,47%)
     
  • CMC Crypto 200

    919,19
    +125,45 (+15,81%)
     
  • S&P500

    4.411,79
    +44,31 (+1,01%)
     
  • DOW JONES

    35.061,55
    +238,15 (+0,68%)
     
  • FTSE

    7.027,58
    +59,28 (+0,85%)
     
  • HANG SENG

    27.321,98
    -401,82 (-1,45%)
     
  • NIKKEI

    27.949,43
    +401,43 (+1,46%)
     
  • NASDAQ

    15.096,75
    -1,25 (-0,01%)
     
  • BATS 1000 Index

    0,0000
    0,0000 (0,00%)
     
  • EURO/R$

    6,1187
    -0,0029 (-0,05%)
     

Windows 10 recebe correção para bug que reduzia performance em games

·1 minuto de leitura

A Microsoft liberou nesta terça-feira (22) uma atualização para o Windows 10 que corrige os problemas de desempenho, principalmente em games, que vinham sendo enfrentados por alguns usuários desde a última semana. Problemas como quedas na taxa de quadros por segundo, pequenos travamentos e falhas no carregamento estavam entre as questões apontadas pelos jogadores, principalmente em títulos mais exigentes.

Esta é apenas uma das questões abordadas pela atualização KB5003690, já disponível aos usuários que realizaram o grande update de maio de 2021. Ela é opcional e, segundo a companhia, ainda está em fase de testes, mas foi liberada antecipadamente aos usuários de sistemas em dia como forma de mitigar as questões relacionadas a performance, que se tornaram um dos principais alertas para que as pessoas deixassem o download para depois.

A correção também acompanha outras relacionadas à barra de tarefas, que ganhou, com a atualização de maio de 2021, o botão de Notícias e Interesses, além de uma cota de problemas próprios. Desde o update, os relatos se misturam entre botões de Pesquisa e da Cortana desaparecidos, um funcionamento errático do menu Iniciar ou a impossibilidade de desativar o indicador de clima e temperatura, todas questões também abordadas agora.

De acordo com a Microsoft, os usuários que não estiverem enfrentando tais problemas podem pular o update KB5003690, até que suas implementações estejam finalmente testadas e façam parte de atualizações obrigatórias futuras do Windows 10. Isso deve acontecer em meados de julho, de acordo com a companhia, enquanto todos os outros já podem realizar o download e verificar se a instalação resolve ou, pelo menos, minimiza os problemas de funcionamento.

Fonte: Canaltech

Trending no Canaltech:

Nosso objetivo é criar um lugar seguro e atraente onde usuários possam se conectar uns com os outros baseados em interesses e paixões. Para melhorar a experiência de participantes da comunidade, estamos suspendendo temporariamente os comentários de artigos