Mercado fechará em 6 h 4 min
  • BOVESPA

    102.814,03
    +589,77 (+0,58%)
     
  • MERVAL

    38.390,84
    +233,89 (+0,61%)
     
  • MXX

    49.796,30
    +303,78 (+0,61%)
     
  • PETROLEO CRU

    68,07
    -1,88 (-2,69%)
     
  • OURO

    1.794,40
    +9,20 (+0,52%)
     
  • BTC-USD

    58.061,26
    +1.127,07 (+1,98%)
     
  • CMC Crypto 200

    1.474,54
    +45,61 (+3,19%)
     
  • S&P500

    4.655,27
    +60,65 (+1,32%)
     
  • DOW JONES

    35.135,94
    +236,60 (+0,68%)
     
  • FTSE

    7.057,20
    -52,75 (-0,74%)
     
  • HANG SENG

    23.475,26
    -376,98 (-1,58%)
     
  • NIKKEI

    27.821,76
    -462,16 (-1,63%)
     
  • NASDAQ

    16.306,00
    -84,75 (-0,52%)
     
  • BATS 1000 Index

    0,0000
    0,0000 (0,00%)
     
  • EURO/R$

    6,3548
    +0,0256 (+0,40%)
     

WhatsApp pode permitir acelerar mensagens de áudio encaminhadas

·1 min de leitura

O WhatsApp trabalha para que seja possível acelerar mensagens de áudio encaminhadas, descobriu o site WABetaInfo nesta segunda-feira (22). Disponível para todos desde maio, a função de ouvir áudios em velocidades mais altas do que a gravação original atualmente não funciona para gravações encaminhadas para outros chats.

Assim que liberado, o recurso funcionará de forma bem semelhante a atual: assim que uma mensagem de áudio encaminhada é iniciada (seja enviada, seja recebida), basta selecionar o ícone de áudio para variar as velocidades entre 1x, 1,5x ou 2x.

Áudios encaminhados poderão em breve ser acelerados, assim como os áudios normais (Imagem: Reprodução/WABetaInfo)
Áudios encaminhados poderão em breve ser acelerados, assim como os áudios normais (Imagem: Reprodução/WABetaInfo)

Acelerar mensagens de áudio encaminhadas para outras conversas foi uma das ausências que só os usuários que usam as duas funcionalidades notaram, mas não deixa de ser importante. No Telegram, principal rival do WhatsApp, o suporte mais amplo já está disponível há bastante tempo.

Atualmente, a função não está disponível nem para testadores, mas foi flagrada no código da versão de testes mais recente do mensageiro para iOS. Portanto, se não existe previsão nem para os usuários que usam a distribuição experimental, também não há para o público comum.

O WABetaInfo não entrou em detalhes quanto ao funcionamento do recurso, mas em um GIF compartilhado pelo site dá para ver o arquivo tocando mais rápido. Se a ferramenta já estiver em pleno funcionamento, não deve demorar até que os experimentadores do WhatsApp comecem a recebê-la por atualização automática — se você é um deles, fique ligado nas atualizações do mensageiro na Play Store e na App Store.

Fonte: Canaltech

Trending no Canaltech:

Nosso objetivo é criar um lugar seguro e atraente onde usuários possam se conectar uns com os outros baseados em interesses e paixões. Para melhorar a experiência de participantes da comunidade, estamos suspendendo temporariamente os comentários de artigos