Mercado fechará em 18 mins
  • BOVESPA

    112.146,28
    +256,40 (+0,23%)
     
  • MERVAL

    38.390,84
    +233,89 (+0,61%)
     
  • MXX

    52.449,23
    +306,23 (+0,59%)
     
  • PETROLEO CRU

    115,09
    +1,00 (+0,88%)
     
  • OURO

    1.857,80
    +3,90 (+0,21%)
     
  • BTC-USD

    28.535,16
    -888,01 (-3,02%)
     
  • CMC Crypto 200

    618,03
    -11,47 (-1,82%)
     
  • S&P500

    4.146,27
    +88,43 (+2,18%)
     
  • DOW JONES

    33.129,20
    +492,01 (+1,51%)
     
  • FTSE

    7.585,46
    +20,54 (+0,27%)
     
  • HANG SENG

    20.697,36
    +581,16 (+2,89%)
     
  • NIKKEI

    26.781,68
    +176,84 (+0,66%)
     
  • NASDAQ

    12.658,00
    +378,75 (+3,08%)
     
  • BATS 1000 Index

    0,0000
    0,0000 (0,00%)
     
  • EURO/R$

    5,0818
    -0,0362 (-0,71%)
     

WhatsApp lança reações com emojis e envio de arquivos de até 2 Gb

  • Opa!
    Algo deu errado.
    Tente novamente mais tarde.
Neste artigo:
  • Opa!
    Algo deu errado.
    Tente novamente mais tarde.
***ARQUIVO*** SÃO PAULO, SP, 17.09.2021 - O aplicativo Whatsapp. (Foto: Gabriel Cabral/Folhapress)
***ARQUIVO*** SÃO PAULO, SP, 17.09.2021 - O aplicativo Whatsapp. (Foto: Gabriel Cabral/Folhapress)

SÃO PAULO, SP (FOLHAPRESS) - O WhatsApp anunciou nesta quinta-feira (5) que a versão mais recente do aplicativo permite que o usuário reaja a mensagens com emojis.

O recurso, que está sendo disponibilizado aos poucos para usuários de Android e iOS, dispõe de seis opções por enquanto: joinha, coração, chorando de rir, surpreso, chorando e mãos em oração.

"Estamos felizes em anunciar que agora é possível usar as reações com emojis baixando a última versão do app. As reações são divertidas, rápidas e ajudam a reduzir o excesso de mensagens nos grupos. Vamos seguir melhorando esse recurso, adicionando cada vez mais expressões daqui para frente", disse a empresa em nota.

A funcionalidade já existia no Messenger, do Facebook, e no Telegram, principal concorrente do serviço de mensagens. Tanto o WhatsApp quanto o Facebook são controlados pela Meta.

O aplicativo também anunciou que agora será possível enviar arquivos de até 2 Gb por vez pela plataforma -antes, o limite era de 100 Mb.

Outra funcionalidade anunciada é a opção de criar grupos de até 512 pessoas, o que ainda não está disponível no Brasil. Segundo a Folha apurou, o WhatsApp quer lançar grupos que comportam até milhares de pessoas, mas, no país, só após as eleições.

"Com base exclusivamente em nossa estratégia de longo prazo para o Brasil, esta funcionalidade só será implementada após ser testada em outros mercados", informou a empresa.

Nosso objetivo é criar um lugar seguro e atraente onde usuários possam se conectar uns com os outros baseados em interesses e paixões. Para melhorar a experiência de participantes da comunidade, estamos suspendendo temporariamente os comentários de artigos