Mercado fechado

WhatsApp lança no Brasil recurso para pagamento digital

O WhatsApp, de propriedade do Facebook, integrará pagamentos digitais ao serviço de mensagens móveis, a partir do Brasil

A empresa americana Facebook lançou nesta segunda-feira (15) uma função de pagamento digital para o serviço de mensagens do WhatsApp, começando no Brasil, mas com vistas à expansão em todo o mundo.

Os usuários do WhatsApp no Brasil agora poderão usar o serviço de mensagens móveis criptografado para enviar dinheiro ou fazer compras, informou o Facebook em um post no blog da empresa.

A gigante das mídias sociais lançou seu portfólio do Facebook Pay em novembro, começando com os Estados Unidos na plataforma principal e o Messenger, seu outro serviço de mensagens.

Mas é a primeira vez que o WhatsApp, adquirido pelo Facebook em 2014, pode ser usado para pagar empresas ou indivíduos.

Os usuários poderão enviar dinheiro ou fazer uma compra em uma empresa local sem sair do bate-papo, informou a empresa.

"Os pagamentos pelo WhatsApp podem ser feitos gradualmente para contatos em todo o Brasil a partir de hoje e esperamos transferir o serviço para todos à medida que avançamos", segundo a companhia.

Enviar dinheiro ou efetuar pagamentos é uma opção gratuita para os usuários do WhatsApp, mas as empresas receberão uma taxa de processamento, como as cobradas pelas transações com cartão de crédito, de acordo com o serviço de mensagens.

O Facebook vê potencial de longo prazo para ganhar dinheiro criando sites de aplicativos de mídia social e de mensagens para que as empresas se envolvam em conversas e transações online com os clientes.

"Os mais de 10 milhões de pequenas e microempresas são o coração das comunidades no Brasil", afirmou o WhatsApp.

Os pagamentos digitais no WhatsApp serão vinculados aos cartões de crédito ou débito Visa ou Mastercard emitidos por determinados bancos, e as transações exigirão códigos de identificação especiais de seis dígitos ou verificação de impressão digital.

Os pagamentos feitos pelo Facebook Pay são processados por empresas associadas, como o PayPal nos Estados Unidos ou a Cielo no caso do WhatsApp no Brasil.

O Facebook pretende disponibilizar esse serviço gradualmente em toda a sua família de aplicativos, incluindo o Instagram e em outros países.

O WhatsApp é criptografado de ponta a ponta e é o aplicativo de mensagens móvel mais popular do mundo, com mais de 1,5 bilhão de usuários mensais, de acordo com o rastreador de mercado Statistica.