Mercado fechado
  • BOVESPA

    109.114,16
    -2.601,84 (-2,33%)
     
  • MERVAL

    38.390,84
    +233,89 (+0,61%)
     
  • MXX

    44.808,56
    -587,38 (-1,29%)
     
  • PETROLEO CRU

    76,60
    -0,11 (-0,14%)
     
  • OURO

    1.631,60
    -1,80 (-0,11%)
     
  • BTC-USD

    19.146,61
    +277,59 (+1,47%)
     
  • CMC Crypto 200

    438,96
    +5,86 (+1,35%)
     
  • S&P500

    3.655,04
    -38,19 (-1,03%)
     
  • DOW JONES

    29.260,81
    -329,60 (-1,11%)
     
  • FTSE

    7.020,95
    +2,35 (+0,03%)
     
  • HANG SENG

    17.855,14
    -78,13 (-0,44%)
     
  • NIKKEI

    26.431,55
    -722,28 (-2,66%)
     
  • NASDAQ

    11.318,00
    +1,75 (+0,02%)
     
  • BATS 1000 Index

    0,0000
    0,0000 (0,00%)
     
  • EURO/R$

    5,1666
    +0,0690 (+1,35%)
     

WhatsApp deixará de funcionar em iPhones mais velhos; veja lista

A plataforma perderá o suporte para o iOS 10 e o iOS 11 em breve (Getty Image)
A plataforma perderá o suporte para o iOS 10 e o iOS 11 em breve (Getty Image)
  • Os aparelhos vão deixando de oferecer suporte para os aplicativos mais recentes

  • iPhone 5 (2012) e o iPhone 5c (2013) estão entre os afetados pelo upgrade

  • O celular precisar rodar o iOS 12 para utilizar o WhatsApp

Os consumidores que comprar celulares da Apple sabem que não adianta só cuidar bem do aparelho. Em algum momento, ele vai ficar obsoleto. Apesar de ainda funcionar normalmente, os aparelhos vão deixando de oferecer suporte para os aplicativos mais recentes.

Esse é o caso do WhatsApp. A plataforma perderá o suporte para o iOS 10 e o iOS 11 em breve, de acorod com previsto desde maio deste ano.

Quem utiliza um smartphone que roda com alguma dessas versões do sistema, deixará de poder usar o aplicativo a partir do dia 24 de outubro deste ano.

A única maneira de contornar a incompatibilidade é atualizar o dispositivo para uma versão mais recente do SO. No entanto, modelos como o iPhone 5 (2012) e o iPhone 5c (2013) não são capazes de realizar o upgrade.

Dessa forma, passa a ser passa a ser um requisito do app que o celular possa rodar o iOS 12, lançado em 2020, ou versão mais recente no iPhone. Já no sistema do Google, é a versão do Android 4.1, de 2012.

O suporte acaba para que o mensageiro da Meta possa oferecer novas funções aos usuários. Eles precisam de uma tecnologia mais recente para estruturar edições e recursos mais tecnológicos.

Por isso, os clientes da Apple que ainda possuem modelos como o iPhone 5 e 5c serão notificados com mais recorrência ao longo dos próximos dias para que saibam que será necessário trocar de aparelho para continuar usando a plataforma.