Mercado fechado
  • BOVESPA

    130.207,96
    +766,93 (+0,59%)
     
  • MERVAL

    38.390,84
    +233,89 (+0,61%)
     
  • MXX

    51.029,54
    -256,92 (-0,50%)
     
  • PETROLEO CRU

    71,26
    +0,38 (+0,54%)
     
  • OURO

    1.868,20
    +2,30 (+0,12%)
     
  • BTC-USD

    40.491,41
    +1.362,88 (+3,48%)
     
  • CMC Crypto 200

    1.014,93
    +46,09 (+4,76%)
     
  • S&P500

    4.255,15
    +7,71 (+0,18%)
     
  • DOW JONES

    34.393,75
    -85,85 (-0,25%)
     
  • FTSE

    7.146,68
    +12,62 (+0,18%)
     
  • HANG SENG

    28.842,13
    +103,23 (+0,36%)
     
  • NIKKEI

    29.389,47
    +227,67 (+0,78%)
     
  • NASDAQ

    14.149,75
    +25,00 (+0,18%)
     
  • BATS 1000 Index

    0,0000
    0,0000 (0,00%)
     
  • EURO/R$

    6,1437
    +0,0122 (+0,20%)
     

Weibo suspende contas de influencers de criptomoedas

·1 minuto de leitura
Contas que desapareceram na rede social Weibo tinham em comum o grande número de seguidores e a discussão ativa sobre os assuntos bitcoin
Contas que desapareceram na rede social Weibo tinham em comum o grande número de seguidores e a discussão ativa sobre os assuntos bitcoin

A rede social Weibo, conhecida como “Twitter chinês”, suspendeu no último sábado (5) diversas contas de influencers de criptomoedas.

Usuários da própria rede chegaram a postar que aproximadamente 25 contas de influenciadores e sites que tratavam do assunto, como o Blockbeats e o 8BTC, ficaram inacessíveis repentinamente. Os influencers que tentaram acessar a plataforma alegaram que seus nomes de usuário deixaram de existir.

Leia também:

As contas que desapareceram tinham em comum o grande número de seguidores e a discussão ativa sobre os assuntos bitcoin, projetos cripto e finanças descentralizadas, o que fez os usuários desconfiarem de censura por parte do governo chinês.

Um dos influenciadores mais conhecidos da China sobre o assunto, SuperBTC, confirmou no Twitter que teve a conta suspensa e pediu que o seguissem naquela outra rede social.

“Weibo, o Twitter chinês, suspendeu contas de diversos influenciadores de crypto, incluindo a minha conta. Fique à vontade para me seguir aqui. Pelo menos o Twitter é mais favorável à critpo”, escreveu.

Não foi a primeira vez que a Weibo suspendeu contas que tratam do assunto criptomoedas. A rede também não esclareceu os motivos das suspensões.