Mercado fechado
  • BOVESPA

    110.036,79
    +2.372,44 (+2,20%)
     
  • MERVAL

    38.390,84
    +233,89 (+0,61%)
     
  • MXX

    44.626,80
    -475,75 (-1,05%)
     
  • PETROLEO CRU

    79,74
    -1,49 (-1,83%)
     
  • OURO

    1.668,30
    -0,30 (-0,02%)
     
  • BTC-USD

    19.148,96
    -186,00 (-0,96%)
     
  • CMC Crypto 200

    443,49
    +0,06 (+0,01%)
     
  • S&P500

    3.585,62
    -54,85 (-1,51%)
     
  • DOW JONES

    28.725,51
    -500,10 (-1,71%)
     
  • FTSE

    6.893,81
    +12,22 (+0,18%)
     
  • HANG SENG

    17.222,83
    +56,96 (+0,33%)
     
  • NIKKEI

    25.937,21
    -484,84 (-1,83%)
     
  • NASDAQ

    11.058,25
    -170,00 (-1,51%)
     
  • BATS 1000 Index

    0,0000
    0,0000 (0,00%)
     
  • EURO/R$

    5,3079
    +0,0099 (+0,19%)
     

Warner desiste de realizar DC Fandome em 2022

O fã da DC não tem um dia de paz. As notícias ruins não param de chegar e, desta vez, para enterrar a pouca esperança que restava por novidades. A Warner Bros não vai realizar a edição de 2022 do DC Fandome, o até então tradicional evento dedicado não só ao seu universo cinematográfico, mas a tudo relacionado aos super-heróis em todas as mídias.

Segundo o site PopVerse, o próprio estúdio confirmou que a ideia é aproveitar o retorno dos eventos presenciais em todo o mundo, como a San Diego Comic-Con, para fazer seus anúncios, apresentar novidades e estar lado a lado com o público. Em outras palavras, nada daquele dia de apresentações e trailers como vimos nos últimos anos.

A última esperança por boas notícias vindas da DC acaba de cair (Imagem: Divulgação/Warner Bros)
A última esperança por boas notícias vindas da DC acaba de cair (Imagem: Divulgação/Warner Bros)

Em parte, é uma mudança que realmente faz sentido. A primeira edição do DC Fandome foi em 2020 e surgiu mesmo como uma forma de conectar a editora com seus fãs durante o período de isolamento forçado pela pandemia de covid-19. E, como a situação da doença não havia melhorado em 2021, ele ganhou uma segunda versão.

Só que, em 2022, a realidade já é bem diferente e muitas das convenções de quadrinhos e cultura pop já voltaram ao velho formato presencial de sempre. Assim, a justificativa da empresa faz sentido, destacando que o mais importante é estar ao lado do público com seus criadores ao invés da distância impessoal do formato remoto.

Para além do bom-mocismo

Ao mesmo tempo, porém, não dá para ser ingênuo e acreditar que a decisão é apenas altruísmo e carinho com o público. Ao longo das últimas semanas, não foram poucas as notícias sobre a reestruturação interna que a Warner vem encarando após a fusão com a Discovery e como isso afeta todo seu universo de super-heróis.

De acordo com a nova visão imposta pelo CEO da companhia, David Zaslav, a DC é um dos carros-chefes do estúdio e, por isso, todo conteúdo relacionado à marca deve fazer valer esse peso. Por isso, projetos menores, como Batgirl, foram cancelados, enquanto outros filmes teriam sido adiados para se adequarem a essa nova diretriz. Seria por essa razão, por exemplo, que Shazam: Fúria dos Deuses e Aquaman e o Reino Perdido foram recentemente adiados para 2023. Isso sem falar, é claro, da crise envolvendo Ezra Miller.

Além disso, outro motivo que pode explicar a não realização do DC Fandome em 2022 é a própria falta de novidades. Diante de todas essas mudanças de cronograma, realizar uma apresentação desse tamanho sem ter novidades concretas sobre seus projetos seria um grande tiro no pé, ainda mais com a Marvel prometendo trazer mais anúncios durante a D23 na próxima semana.

Fonte: Canaltech

Trending no Canaltech: