Mercado fechado
  • BOVESPA

    111.685,46
    +145,66 (+0,13%)
     
  • MERVAL

    38.390,84
    +233,89 (+0,61%)
     
  • MXX

    46.285,97
    +603,78 (+1,32%)
     
  • PETROLEO CRU

    61,26
    +1,51 (+2,53%)
     
  • OURO

    1.714,20
    -19,40 (-1,12%)
     
  • BTC-USD

    50.592,53
    +2.782,32 (+5,82%)
     
  • CMC Crypto 200

    1.011,03
    +22,93 (+2,32%)
     
  • S&P500

    3.823,78
    -46,51 (-1,20%)
     
  • DOW JONES

    31.299,34
    -92,18 (-0,29%)
     
  • FTSE

    6.675,47
    +61,72 (+0,93%)
     
  • HANG SENG

    29.880,42
    +784,56 (+2,70%)
     
  • NIKKEI

    29.559,10
    +150,93 (+0,51%)
     
  • NASDAQ

    12.752,00
    -303,25 (-2,32%)
     
  • BATS 1000 Index

    0,0000
    0,0000 (0,00%)
     
  • EURO/R$

    6,7750
    -0,0871 (-1,27%)
     

WandaVision | Quem é Agatha Harkness e quais são seus poderes nas HQs da Marvel?

Claudio Yuge
·6 minuto de leitura

Atenção: esta matéria está cheia de spoilers de quadrinhos da Marvel Comics e da série WandaVision!

O último episódio de WandaVision, o sete, trouxe uma revelação há muito aguardada pelos fãs. Todo mundo imaginava que a “vizinha barulhenta” de Wanda e Visão, Agnes, seria uma versão da famosa bruxa Agatha Harkness dos quadrinhos. Os rumores de bastidores já adiantavam isso no ano passado e até o desenrolar da trama até aqui apontavam para isso. E eis que, no final do capítulo, a personagem interpretada por Kathryn Hahn revela seu nome completo e admite ser a responsável por manipular a realidade criada com a ajuda da Feiticeira Escarlate.

Embora o “plot twist” não tenha sido assim tão chocante para grande parte do público, alguns elementos envolvendo seus poderes e sua própria participação como aparente “vilã principal” geraram grandes perguntas. Agatha parece ter “dirigido” as criações de Wanda para se tornarem sitcoms durante as décadas. Mas ela também ajudou a criar essa realidade? Ela foi quem “fabricou” um Pietro da versão de Evan Peters? Estaria trabalhando sozinha ou alguém está controlando-a? E por que os gêmeos Billy e Tommy são tão importantes?

Imagem: Reprodução/Marvel Comics
Imagem: Reprodução/Marvel Comics

Afinal de contas, quem é exatamente Agatha Harkness? As respostas estão logo abaixo.

Quem é Agatha Harkness?

Sua primeira aparição aconteceu em Fantastic Four #94, de janeiro de 1970, pelas mãos da lendária dupla Stan Lee e Jack Kirby. Ela foi inicialmente apresentada como babá de Franklin Richards, o filho do casal Reed e Sue do Quarteto Fantástico. Ao longo das histórias, Harkness manifesta alguns poderes ao salvar Franklin, e, aos poucos, vamos sabendo mais sobre seu passado como bruxa; e a respeito de seu filho, Nicholas Scratch — guarde esse nome, será importante mais abaixo.

Nos quadrinhos, ela aparenta ser bem mais velha do que sua versão na TV. E, na verdade, é, porque há registros de ela ter vivido em uma época anterior ao naufrágio da Atlântida — o que significa milhares de anos no passado do Universo Marvel. Como conseguiu sobreviver por tanto tempo? Aí está a resposta pela qual ela tem motivações consideradas “dúbias” para a classificarmos definitivamente como uma aliada dos heróis: Harkness prolongou sua presença na Terra por meio de feitiçaria primitiva e magias muitas vezes influenciadas pelas trevas.

Imagem: Reprodução/Marvel Comics
Imagem: Reprodução/Marvel Comics

Sua história detalhada mais recente data dos anos 1700, em Salem, Massachusetts, no grupo que sofreu o Julgamento das Bruxas de Salem. O episódio é lembrado por Harkness como um evento histórico que, na verdade, serviu como “seleção natural” dos membros mais fortes de seu clã. Sua motivação gira em torno de manter o legado e criar novas comunidades de bruxas, custe o que custar.

No período da Guerra Civil Americana, ela esteve no comando de uma equipe chamada Filhas da Liberdade, que recebeu alto treinamento nas artes mágicas. Harkness continuou bastante ativa em sua missão nas décadas seguintes, e chegou a ser recrutada pelo exército norte-americano para ajudar a vencer os feiticeiros nazistas na Segunda Guerra Mundial.

O marido de Harkness, que em WandaVision é citado como um sempre ausente “Ralph”, não tem assim tanta relevância nos quadrinhos quanto seu filho, Nicholas Scracth. Falaremos mais sobre isso abaixo. Já sobre outros parentes, há muito mistério guardado no passado da personagem, que não chegou a ser assim tão explorada pela Marvel, diga-se de passagem. A última maior conexão publicada foi uma estranha ligação com a dinastia mágica francesa conhecida por Clã D’Arqness, que costuma usar suas reuniões para invocar demônios.

Imagem: Reprodução/Marvel Comics
Imagem: Reprodução/Marvel Comics

Sobre seus poderes, as descrições podem ser tão vagas quanto as de Wanda, que pode manipular a realidade a partir das “magias do caos”. Harkness consegue controlar incontáveis números de feitiços a partir dos mais variados tipos de bruxaria. E, ao que parece em WandaVision, Harkness estaria usando outra fonte poderosa juntamente com as energias usadas por Wanda.

Como Agatha Harkness conheceu a Feiticeira Escarlate?

Bem, como dita anteriormente, ela foi governanta de Franklin e, durante uma aventura do Quarteto Fantástico junto a Wanda e Visão, a trama abordava um grupo de entidade demoníacas, conhecido como Os Sete de Salem — isso aconteceu em Vision & Scarlet Witch Vol.2 #3, de 1985. Os vilões eram comandados por Nicholas Scratch, que conseguiu capturar e queimar Harkness em uma fogueira.

Sua forma astral sobreviveu e, ao ver o potencial mágico de Wanda Maximoff, Harkness usou a divindade do caos conhecida como Chthon para voltar à realidade e se tornar uma mentora para a Feiticeira Escarlate. Para derrotar os Sete de Salem, Wanda absorveu grande parte das energias de sua professora.

Imagem: Reprodução/Marvel Comics
Imagem: Reprodução/Marvel Comics

Posteriormente, Wanda seus novos poderes para criar os filhos William e Thomas, ou Billy e Tommy. Calma que fica ainda mais complicado: no final das contas, ficamos sabendo que ambos só puderam nascer porque a Feiticeira Escarlate usou um fragmento de alma do diabão Mephisto, que canalizou sua magia sombria através de Harkness.

A personagem ficou sumida por um bom tempo nos anos 1990 e só retornou em meados de 2000, quando participou da saga Dinastia M, mais uma vez como mentora de Wanda. E, mais recentemente, Harkness foi a narradora da série limitada Visão, de Tom King e Gabriel Walta, que serve como uma das inpirações para WandaVision — não à toa, ela tem um papel semelhante ao “dirigir” os ambientes sitcom vistos na série do Disney+.

Agatha Harkness no MCU

A versão do Universo Cinematográfico Marvel (MCU, na sigla em inglês) parece estar muito mais conectada ao perfil sombrio de Harkness, que se revela no capítulo sete de WandaVision como uma verdadeira vilã — e não apenas uma antagonista. Harkness seria a responsável por grande parte das mudanças na fictícia Westview e nutre um interesse crescente sobre Billy e Tommy.

O comercial que aparece nos tradicionais intervalos da atração abordou a palavra Nexus, que pode ser uma pista sobre o que realmente representa o porão de Harkness e as energias conectadas a um livro. Esse local pode estar conectado aos Nexus de Realidades da Marvel, uma espécie de “hub” para as várias Terras do Multiverso Marvel — as videiras têm um visual bastante semelhante à sua representação nos quadrinhos.

Imagem: Reprodução/Marvel Comics
Imagem: Reprodução/Marvel Comics

Já Nicholas Scratch chegou a ter uma referência no nome do coelho de Wanda, “Mr. Scratchy”. Vale destacar que, nos Estados Unidos, esse é o apelido folclórico para o diabo cristão. Alguns acreditam que Scratch estaria sendo manipulado para mudar de forma, de acordo com os planos de Harkness. Assim, ele poderia ser o “Pietro” que chegou no sexto episódio — embora muita gente também relacione esse Mercúrio com o próprio Mephisto. E o bichinho Scratchy também poderia ser uma versão de Ebony, sua gata preta de estimação que pode ser transformar em uma pantera negra e outras formas.

Bem, isso tudo deve ser explicado muito em breve, pois WandaVision está chegando ao fim e os últimos episódios, que vão ao ar nas próximas sextas-feiras, prometem muita ação e respostas, além de conexões com o próprio MCU. Continue acompanhando conosco, que, no final, vamos avaliar como isso tudo foi apresentado e o que pode vir por aí.

Fonte: Canaltech

Trending no Canaltech: