Mercado fechado
  • BOVESPA

    116.230,12
    +95,66 (+0,08%)
     
  • MERVAL

    38.390,84
    +233,89 (+0,61%)
     
  • MXX

    46.046,58
    +616,83 (+1,36%)
     
  • PETROLEO CRU

    86,35
    +2,72 (+3,25%)
     
  • OURO

    1.734,50
    +32,50 (+1,91%)
     
  • BTC-USD

    20.350,61
    +770,77 (+3,94%)
     
  • CMC Crypto 200

    460,91
    +15,47 (+3,47%)
     
  • S&P500

    3.790,93
    +112,50 (+3,06%)
     
  • DOW JONES

    30.316,32
    +825,43 (+2,80%)
     
  • FTSE

    7.086,46
    +177,70 (+2,57%)
     
  • HANG SENG

    17.079,51
    -143,32 (-0,83%)
     
  • NIKKEI

    26.992,21
    +776,42 (+2,96%)
     
  • NASDAQ

    11.646,00
    +360,25 (+3,19%)
     
  • BATS 1000 Index

    0,0000
    0,0000 (0,00%)
     
  • EURO/R$

    5,1693
    +0,0954 (+1,88%)
     

Waller, do Fed, diz querer alta "significativa" dos juros na próxima reunião

FOTO DE ARQUIVO: O exterior do Marriner S. Eccles Federal Reserve Board Building é visto em Washington, D.C., EUA, 14 de junho de 2022. REUTERS/Sarah Silbiger

WASHINGTON (Reuters) - O diretor do Federal Reserve Chris Waller disse nesta sexta-feira que apoia um "aumento significativo" na taxa de juros do Federal Reserve quando autoridades do banco central dos Estados Unidos se reunirem em 20 e 21 de setembro.

"Com base no que sei hoje, apoio um aumento significativo (dos juros) em nossa próxima reunião... para trazer a taxa de juros de referência para uma configuração que claramente restrinja a demanda", afirmou Waller em comentários preparados para o Instituto de Estudos Avançados na Áustria.

(Por Howard Schneider)