Mercado fechado

Wall Street bate novo recorde com progresso em negociações comerciais

Por Arjun Panchadar

Por Arjun Panchadar

(Reuters) - Os principais índices de Wall Street atingiam novos recordes nesta quinta-feira, reagindo a sinais de progresso nas relações comerciais EUA-China e a outro lote de resultados trimestrais favoráveis.

Pela manhã o Dow Jones Industrial Average subia 232,96 pontos, ou 0,85%, o S&P 500 avançava 18,53 pontos, ou 0,60%, e o Nasdaq Composite ganhava 65,95 pontos, ou 0,78%.

O índice S&P 500 está no caminho para registrar sua quinta semana consecutiva de ganhos, enquanto a Nasdaq deve subir pela sexta semana consecutiva.

A China disse nesta quinta-feira que concordou com os Estados Unidos em remover tarifas em fases, enquanto a Agência de Notícias Xinhua disse que Pequim também está considerando remover restrições às importações de aves.

"Isso está alimentando o otimismo de que um acordo comercial será solidificado em algum momento", disse Andre Bakhos, diretor da New Vines Capital LLC em Bernardsville, Nova Jersey.

"Remove um véu de incerteza e dá ao mercado uma luz verde para um caminho de risco".

Oito dos 11 principais setores da S&P 500 estavam subindo, com o aumento dos preços do petróleo gerando um ganho de 1,2% no setor de energia e levando-o ao topo do índice.

O setor de tecnologia proporcionou o maior impulso ao índice S&P 500, sob o impacto de um salto de 7,5% nas ações da Qualcomm depois que a fabricante de chips previu lucro no trimestre atual acima das estimativas dos analistas.

Quase três quartos das 383 empresas S&P 500 que reportaram resultados até agora superaram as expectativas de lucro, de acordo com dados da Refinitiv.