Mercado fechado
  • BOVESPA

    120.348,80
    -3.132,20 (-2,54%)
     
  • MERVAL

    38.390,84
    +233,89 (+0,61%)
     
  • MXX

    45.892,28
    -178,62 (-0,39%)
     
  • PETROLEO CRU

    52,04
    -0,32 (-0,61%)
     
  • OURO

    1.827,70
    -2,20 (-0,12%)
     
  • BTC-USD

    36.181,87
    +1.181,20 (+3,37%)
     
  • CMC Crypto 200

    701,93
    -33,21 (-4,52%)
     
  • S&P500

    3.768,25
    -27,29 (-0,72%)
     
  • DOW JONES

    30.814,26
    -177,24 (-0,57%)
     
  • FTSE

    6.735,71
    -66,25 (-0,97%)
     
  • HANG SENG

    28.573,86
    +76,96 (+0,27%)
     
  • NIKKEI

    28.519,18
    -179,12 (-0,62%)
     
  • NASDAQ

    12.759,00
    -43,25 (-0,34%)
     
  • BATS 1000 Index

    0,0000
    0,0000 (0,00%)
     
  • EURO/R$

    6,3926
    +0,0791 (+1,25%)
     

Wall Street avança com expectativas de recuperação

Chuck Mikolajczak
·2 minuto de leitura
Bolsa de Nova York

Por Chuck Mikolajczak

NOVA YORK (Reuters) - Os índices acionários dos Estados Unidos fecharam em alta nesta quarta-feira, com investidores antecipando um panorama econômico melhor em 2021, na esteira de programas de vacinação contra a Covid-19 e expectativas de ainda mais suporte fiscal.

As expectativas de curto prazo de um estímulo mais alto diminuíram depois que o líder da maioria no Senado, Mitch McConnell, bloqueou uma votação rápida para apoiar o pedido do presidente Donald Trump de aumentar os cheques de alívio do Covid-19 de 600 dólares para 2.000 dólares. McConnell apresentou um projeto de lei que vinculava o aumento do valor à remoção de proteções para empresas de mídia social e um estudo sobre segurança eleitoral.

"É melhor do que nada, mas há muita política envolvida. O mercado está antecipando algo, seja 600 ou 2.000 dólares, parte disso já está precificado", disse Matthew Keator, sócio-gerente do Grupo Keator, uma empresa de gestão de fortunas em Lenox, Massachusetts.

O otimismo em relação ao lançamento da vacina aumentou depois que o Reino Unido aprovou o uso emergencial do imunizante da AstraZeneca em conjunto com a Universidade de Oxford, que começará a ser administrado na segunda-feira.

O Dow Jones terminou a sessão com ganho de 0,24%, a 30.409,56 pontos, enquanto o S&P 500 avançou 0,13%, a 3.732,04 pontos, e o Nasdaq Composite subiu 0,15%, a 12.870 pontos.

O S&P 500 sobe 15,5% no ano, que ainda possui mais uma sessão, depois que trilhões de dólares em estímulos fiscais e monetários, além do progresso no desenvolvimento de vacinas ajudaram o índice de referência a recuperar quase 67% de sua mínima de fechamento em 23 de março.

O índice de tecnologia Nasdaq, que foi o primeiro entre os principais índices de Wall Street a voltar a operar no positivo este ano, também deve apresentar seu melhor desempenho anual desde 2009, com a maioria dos ganhos liderados por ações do grupo de empresas conhecidas como FAANG - Apple, Facebook, Amazon, Netflix e Alphabet.

Apesar dos ganhos modestos, oito dos 11 principais setores de S&P foram maiores, com energia e materiais tendo o melhor desempenho.

(Reportagem adicional de Stephen Culp)