Mercado fechará em 6 horas 1 minuto

Wall St sobe com apostas em estímulo à medida que recuperação do mercado de trabalho esfria

Por Devik Jain e Sagarika Jaisinghani
·1 minuto de leitura
Bolsa de Nova York
Bolsa de Nova York

Por Devik Jain e Sagarika Jaisinghani

(Reuters) - Os principais índices de Wall Street subiam no primeiro dia do quarto trimestre nesta quinta-feira, com investidores apostando em mais estímulos fiscais depois de dados mostrarem que a recuperação no mercado de trabalho norte-americano estava desacelerando.

O número de norte-americanos que entraram com pedidos de auxílio-desemprego caiu para 837 mil na semana encerrada em 26 de setembro, mas as solicitações podem aumentar novamente nas próximas semanas à medida que as empresas cortam mais empregos para enfrentar a recessão.

Seis dos 11 principais setores do S&P eram negociados em alta, depois que o governo Trump propôs aos democratas da Câmara um novo projeto de estímulo no valor de mais de 1,5 trilhão de dólares, incluindo uma extensão de 20 bilhões de dólares em ajuda para o combalido setor aéreo.

As ações de American Airlines Group, Delta Air Lines, United Airlines Holdings e JetBlue Airways Corp ganhavam entre 0,1% e 1,0%.

"Hoje é tudo sobre o estímulo ser aprovado ou não", disse Kim Forrest, diretor de investimentos da Bokeh Capital Partners.

Às 11:50 (horário de Brasília), o índice Dow Jones subia 0,32%, a 27.872 pontos, enquanto o S&P 500 ganhava 0,54267%, a 3.381 pontos. O índice de tecnologia Nasdaq avançava 0,89%, a 11.267 pontos.