Mercado fechado
  • BOVESPA

    99.605,54
    -1.411,46 (-1,40%)
     
  • MERVAL

    38.390,84
    +233,89 (+0,61%)
     
  • MXX

    38.001,31
    -244,59 (-0,64%)
     
  • PETROLEO CRU

    38,89
    -0,68 (-1,72%)
     
  • OURO

    1.907,60
    -4,30 (-0,22%)
     
  • BTC-USD

    13.716,95
    +28,88 (+0,21%)
     
  • CMC Crypto 200

    271,45
    +10,16 (+3,89%)
     
  • S&P500

    3.390,68
    -10,29 (-0,30%)
     
  • DOW JONES

    27.463,19
    -222,21 (-0,80%)
     
  • FTSE

    5.728,99
    -63,02 (-1,09%)
     
  • HANG SENG

    24.787,19
    -131,61 (-0,53%)
     
  • NIKKEI

    23.381,55
    -112,75 (-0,48%)
     
  • NASDAQ

    11.533,75
    -54,25 (-0,47%)
     
  • BATS 1000 Index

    0,0000
    0,0000 (0,00%)
     
  • EURO/R$

    6,6820
    +0,0415 (+0,62%)
     

Wall St salta na abertura com choque sobre decisão de Trump para estímulos perdendo força

·1 minuto de leitura

(Reuters) - Os principais índices de Wall Street saltavam cerca de 1% logo após a abertura desta quarta-feira, recuperando as perdas da sessão anterior provocadas pelo anúncio abrupto do presidente norte-americano, Donald Trump, sobre a suspensão das negociações de estímulos fiscais, enquanto a Levi Strauss atingiu uma máxima em quatro meses após registrar lucro trimestral surpresa.

Às 10:44 (horário de Brasília), o índice Dow Jones subia 1,27%, a 28.126 pontos, enquanto o S&P 500 subia 1,21, para 3.401 pontos. O índice de tecnologia Nasdaq avançava 1,30%, para 11.299,292 pontos.