Mercado fechará em 4 h 57 min
  • BOVESPA

    106.519,40
    +156,30 (+0,15%)
     
  • MERVAL

    38.390,84
    +233,89 (+0,61%)
     
  • MXX

    51.479,78
    -234,82 (-0,45%)
     
  • PETROLEO CRU

    82,40
    -0,26 (-0,31%)
     
  • OURO

    1.805,10
    +6,30 (+0,35%)
     
  • BTC-USD

    61.551,71
    +2.422,03 (+4,10%)
     
  • CMC Crypto 200

    1.483,36
    +63,98 (+4,51%)
     
  • S&P500

    4.580,43
    +28,75 (+0,63%)
     
  • DOW JONES

    35.667,07
    +176,38 (+0,50%)
     
  • FTSE

    7.236,76
    -16,51 (-0,23%)
     
  • HANG SENG

    25.555,73
    -73,01 (-0,28%)
     
  • NIKKEI

    28.820,09
    -278,15 (-0,96%)
     
  • NASDAQ

    15.659,25
    +72,00 (+0,46%)
     
  • BATS 1000 Index

    0,0000
    0,0000 (0,00%)
     
  • EURO/R$

    6,5236
    +0,0989 (+1,54%)
     

Wall St recua após dados da ADP alimentarem temores de redução de estímulo

·1 minuto de leitura
Placa de rua perto de Bolsa de NY

Por Shreyashi Sanyal e Devik Jain

(Reuters) - Os principais índices de Wall Street caíam nesta quarta-feira depois de dados mostrarem forte criação de vagas no setor privado dos Estados Unidos no mês passado alimentando as preocupações com uma redução do estímulo monetário mais cedo que o esperado diante dos crescentes temores com uma inflação mais elevada.

O Relatório Nacional de Emprego da ADP mostrou a abertura de 568 mil postos de trabalho no setor privado no mês passado, contra expectativa de analistas de 428 mil.[L1N2R20W6]

"Em suma, parece que o ganho no emprego vai se classificar como 'decente', que é o limiar que o chair do Fed, Jerome Powell, sugeriu para avançar com o anúncio de redução de estímulo na reunião do final de novembro", disse Paul Ashworth, economista-chefe da Capital Economics.

Os números foram divulgados antes do relatório de emprego mais abrangente do governo, na sexta-feira, que deve consolidar as justificativas para que o Federal Reserve desacelere as compras de ativos.

O rendimento do Treasury de 10 anos atingiu sua máxima desde junho mais cedo na sessão, pressionando ações de empresas mega-caps de crescimento como Apple Inc, Facebook, Microsoft Corp e Alphabet Inc, que perdiam entre 0,5% e 1,9% depois de forte recuperação na terça-feira.

Todos os 11 principais setores do S&P 500 eram negociados em baixa, com o financeiro e o industrial perdendo 1% cada.

Às 11:29 (horário de Brasília), o índice Dow Jones caía 0,71%, a 34.070 pontos, enquanto o S&P 500 perdia 0,830933%, a 4.310 pontos. O índice de tecnologia Nasdaq recuava 0,71%, a 14.332 pontos.

Nosso objetivo é criar um lugar seguro e atraente onde usuários possam se conectar uns com os outros baseados em interesses e paixões. Para melhorar a experiência de participantes da comunidade, estamos suspendendo temporariamente os comentários de artigos