Mercado fechará em 3 hs
  • BOVESPA

    110.395,56
    +1.907,68 (+1,76%)
     
  • MERVAL

    38.390,84
    +233,89 (+0,61%)
     
  • MXX

    51.810,29
    +291,99 (+0,57%)
     
  • PETROLEO CRU

    110,17
    -0,11 (-0,10%)
     
  • OURO

    1.849,80
    +7,70 (+0,42%)
     
  • BTC-USD

    30.243,84
    +337,39 (+1,13%)
     
  • CMC Crypto 200

    678,81
    +3,94 (+0,58%)
     
  • S&P500

    3.964,51
    +63,15 (+1,62%)
     
  • DOW JONES

    31.877,36
    +615,46 (+1,97%)
     
  • FTSE

    7.513,44
    +123,46 (+1,67%)
     
  • HANG SENG

    20.470,06
    -247,18 (-1,19%)
     
  • NIKKEI

    27.001,52
    +262,49 (+0,98%)
     
  • NASDAQ

    11.987,75
    +147,00 (+1,24%)
     
  • BATS 1000 Index

    0,0000
    0,0000 (0,00%)
     
  • EURO/R$

    5,1210
    -0,0318 (-0,62%)
     

Wall St oscila e S&P cai por medo de inflação prolongada

Operador trabalha no salão da Bolsa de Valores de Nova York

Por Stephen Culp

NOVA YORK (Reuters) - As ações dos EUA encerraram uma sessão de vaivém em leve baixa nesta quinta-feira, conforme investidores ponderavam sinais de que a inflação chegou a um pico com temores de que possa permanecer elevada por mais tempo do que o esperado, levando a um aperto monetário ainda mais agressivo por parte do banco central norte-americano.

Todos os três principais índices de ações dos EUA oscilaram e o S&P 500 chegou a uma curta distância de confirmar que entrou em um mercado em baixa depois de despencar em relação ao seu patamar recorde alcançado em 3 de janeiro. “Essas oscilações intensas de mais de 2% para cima ou para baixo são extremamente raras e mostram que há uma psique de investidor muito frágil para que essa quantidade de volatilidade aconteça em um período de tempo tão curto”, disse Ryan Detrick, estrategista-chefe de mercado da LPL Financial em Charlotte, Carolina do Norte.

"Temores constantes com a inflação, que parece ter atingido o pico, mas permanece teimosamente alta, continuam preocupando investidores, o que levou o S&P 500 à beira de um mercado em baixa". Nomes de mega capitalização líderes de mercado, que prosperaram no ambiente de juros baixos da era da pandemia, foram os que mais pesaram sobre os índices, com destaque para Apple Inc e Microsoft Corp.

O Dow Jones caiu 0,33%, para 31.730 pontos; o S&P 500 recuou 0,13%, para 3.930,08 pontos, e o Nasdaq Composite teve variação positiva de 0,06%, para 11.370,96 pontos.

Seis dos 11 principais setores do S&P 500 fecharam o dia em território positivo e o setor de saúde obteve o maior ganho percentual. Serviços públicos e ações de tecnologia sofreram as maiores perdas.

Nosso objetivo é criar um lugar seguro e atraente onde usuários possam se conectar uns com os outros baseados em interesses e paixões. Para melhorar a experiência de participantes da comunidade, estamos suspendendo temporariamente os comentários de artigos