Mercado fechado

Wall St fecha em queda com atraso de vacina e menor esperança de estímulo

Por Stephen Culp
·2 minutos de leitura

Por Stephen Culp

NOVA YORK (Reuters) - Wall Street perdeu terreno nesta terça-feira, com a interrupção dos testes de uma potencial vacina contra a Covid-19 e dificuldades para um acordo sobre mais estímulos nos Estados Unidos pesando sobre o sentimento, em meio ao início da temporada de balanços corporativos do terceiro trimestre.

Todos os três principais índices de ações fecharam no vermelho, mas os papéis de Microsoft Corp e Amazon.com ajudaram a mitigar as perdas do Nasdaq, índice com forte peso de ações de tecnologia.

A Johnson & Johnson anunciou nesta terça que estava interrompendo os testes clínicos de uma potencial vacina para a Covid-19 devido a uma doença inexplicada em um participante do estudo. O atraso pesou sobre as ações da empresa, que caíram 2,3% mesmo depois de um balanço trimestral positivo.

No final da sessão, a rival Eli Lilly & Co disse que também estava interrompendo seu teste de anticorpos contra o coronavírus por questões de segurança. As ações caíram 2,9%.

"Tivemos esse salto recente nos casos de coronavírus coincidindo com grandes empresas farmacêuticas que interromperam os testes de vacinas", disse Robert Pavlik, estrategista-chefe de investimentos da SlateStone Wealth LLC em Nova York. "Isso está deixando o mercado nervoso e, em resposta, você está vendo ações que se beneficiam de lockdowns subindo."

Esperanças quanto à aprovação de um novo pacote de auxílio para conter efeitos econômicos do coronavírus diminuíram depois de a presidente da Câmara dos Deputados dos EUA, Nancy Pelosi, rejeitar proposta de 1,8 trilhão de dólares da Casa Branca, dizendo que o valor "fica significativamente aquém do que esta pandemia e profunda recessão exigem".

Do lado dos balanços corporativos, o JPMorgan superou com folga as estimativas de lucro, beneficiando-se de um boom em sua área de negociação nos mercados financeiros. Mas o Citigroup, apesar de também com resultado acima do esperado, foi atingido por baixas taxas de juros e uma desaceleração na demanda por empréstimos. Os papéis de ambos os bancos caíram 1,6% e 4,8%, respectivamente.

O índice de bancos do S&P perdeu 2,7%.

A Apple Inc revelou a mais recente versão de seu smartphone, o iPhone 12 com conectividade 5G. Os papéis da companhia caíram 2,7%.

O Dow Jones recuou 0,55%, para 28.679,81 pontos, o S&P 500 perdeu 0,63%, para 3.511,93 pontos, e o Nasdaq cedeu 0,1%, para 11.863,90 pontos.