Mercado fechado
  • BOVESPA

    100.591,41
    -172,20 (-0,17%)
     
  • MERVAL

    38.390,84
    +233,89 (+0,61%)
     
  • MXX

    48.435,45
    +140,62 (+0,29%)
     
  • PETROLEO CRU

    112,04
    +2,47 (+2,25%)
     
  • OURO

    1.821,80
    -3,00 (-0,16%)
     
  • BTC-USD

    20.276,64
    -637,69 (-3,05%)
     
  • CMC Crypto 200

    441,15
    -8,92 (-1,98%)
     
  • S&P500

    3.821,55
    -78,56 (-2,01%)
     
  • DOW JONES

    30.946,99
    -491,27 (-1,56%)
     
  • FTSE

    7.323,41
    +65,09 (+0,90%)
     
  • HANG SENG

    22.418,97
    +189,45 (+0,85%)
     
  • NIKKEI

    27.049,47
    +178,20 (+0,66%)
     
  • NASDAQ

    11.679,25
    -361,25 (-3,00%)
     
  • BATS 1000 Index

    0,0000
    0,0000 (0,00%)
     
  • EURO/R$

    5,5390
    -0,0051 (-0,09%)
     

Wall St fecha em alta após comunicado do Fed

Operador trabalha no salão da Bolsa de Valores de Nova York enquanto TVs mostram o chair do Federal Reserve, Jerome Powell, ao fundo

Por Chuck Mikolajczak

YORK (Reuters) - O índice de referência S&P 500 subiu nesta quarta-feira, interrompendo uma sequência de cinco sessões consecutivas de perdas, após um anúncio de política monetária do Federal Reserve, que elevou a taxa de juros para um valor em linha com as expectativas do mercado, conforme o banco central norte-americano tenta combater a inflação crescente sem desencadear uma recessão.

O índice S&P 500 fechou em alta de 1,46%, a 3.789,99 pontos. O Dow Jones subiu 1,00%, a 30.668,53 pontos. O índice de tecnologia Nasdaq Composite avançou 2,5%, a 11.099,16 pontos.

O Fed elevou sua meta de taxa de juros em 0,75 ponto percentual, a maior alta desde 1994, e projetou desaceleração da economia e aumento do desemprego nos próximos meses.

As ações ficaram voláteis após o comunicado, antes de subirem definitivamente depois que o chefe do banco central, Jerome Powell, disse em entrevista coletiva que o mais provável é que os juros sejam elevados em 0,50 ou 0,75 ponto percentual ​​na próxima reunião do Fed em julho, mas que ele não espera que altas de 0,75 ponto se tornem comuns.

"Quando o presidente do Fed disse que pode haver um aumento semelhante de 0,75 ponto percentual na próxima reunião foi quando o mercado subiu", disse Sam Stovall, estrategista-chefe de investimentos da CFRA Research em Nova York.

"É uma espécie de voto de confiança de que o Fed finalmente acordou para o problema da inflação e está disposto a adotar uma postura mais agressiva."

A sequência de cinco sessões consecutivas de perdas do S&P 500 foi a mais longa desde o início de janeiro.

Na segunda-feira, o índice marcou uma queda de mais de 20% em relação ao seu recorde de fechamento mais recente, uma confirmação de que um mercado em baixa começou em 3 de janeiro, de acordo com uma definição comumente usada.

Nosso objetivo é criar um lugar seguro e atraente onde usuários possam se conectar uns com os outros baseados em interesses e paixões. Para melhorar a experiência de participantes da comunidade, estamos suspendendo temporariamente os comentários de artigos