Mercado fechado
  • BOVESPA

    111.716,00
    -2.354,48 (-2,06%)
     
  • MERVAL

    38.390,84
    +233,89 (+0,61%)
     
  • MXX

    45.395,94
    -928,98 (-2,01%)
     
  • PETROLEO CRU

    79,43
    -4,06 (-4,86%)
     
  • OURO

    1.651,70
    -29,40 (-1,75%)
     
  • BTC-USD

    18.941,19
    -274,75 (-1,43%)
     
  • CMC Crypto 200

    434,61
    -9,92 (-2,23%)
     
  • S&P500

    3.693,23
    -64,76 (-1,72%)
     
  • DOW JONES

    29.590,41
    -486,27 (-1,62%)
     
  • FTSE

    7.018,60
    -140,92 (-1,97%)
     
  • HANG SENG

    17.933,27
    -214,68 (-1,18%)
     
  • NIKKEI

    27.153,83
    -159,30 (-0,58%)
     
  • NASDAQ

    11.388,00
    -177,50 (-1,53%)
     
  • BATS 1000 Index

    0,0000
    0,0000 (0,00%)
     
  • EURO/R$

    5,0976
    +0,0649 (+1,29%)
     

Wall St tem 4º pregão seguido de alta antes de dados de inflação nos EUA

Operadores trabalham na Bolsa de Valores de Nova York

Por Stephen Culp

NOVA YORK (Reuters) - Wall Street ampliou sua série de vitórias nesta segunda-feira e fechou em alta acentuada, à medida que investidores aguardaram dados cruciais de inflação que podem fornecer pistas sobre a duração e o rigor do aperto monetário do Federal Reserve.

As ações de energia e tecnologia ajudaram os três principais índices de ações dos EUA a atingir máximas em duas semanas e a emendar a quarta sessão consecutiva de ganhos, com as ações de crescimento ligeiramente favorecidas em relação às de valor

O índice de preços ao consumidor (CPI, na sigla em inglês) do Departamento do Trabalho, a ser divulgado antes da abertura do mercado na terça-feira, é o principal evento desta semana e será examinado em busca de quaisquer sinais sobre o número e o tamanho dos futuros aumentos das taxas de juros do Fed.

"Espera-se que o CPI tenha uma pequena queda", disse Robert Pavlik, gestor sênior de portfólio da Dakota Wealth em Fairfield, Connecticut. "O mercado espera que as notícias se traduzam em aumentos menores das taxas após a reunião do Fomc de setembro."

"Por causa disso, você está vendo um tipo de mentalidade pró-risco hoje", acrescentou Pavlik.

Todos os 11 principais setores do S&P 500 fecharam no azul.

O índice S&P 500 fechou em alta de 1,06%, a 4.110,41 pontos. O Dow Jones subiu 0,71%, a 32.381,34 pontos. O índice de tecnologia Nasdaq Composite avançou 1,27%, a 12.266,41 pontos.