Mercado fechará em 1 h 58 min
  • BOVESPA

    108.103,99
    -298,28 (-0,28%)
     
  • MERVAL

    38.390,84
    +233,89 (+0,61%)
     
  • MXX

    47.231,03
    -123,83 (-0,26%)
     
  • PETROLEO CRU

    90,57
    -0,19 (-0,21%)
     
  • OURO

    1.810,40
    +5,20 (+0,29%)
     
  • BTC-USD

    23.071,40
    -896,79 (-3,74%)
     
  • CMC Crypto 200

    536,07
    -21,29 (-3,82%)
     
  • S&P500

    4.123,96
    -16,10 (-0,39%)
     
  • DOW JONES

    32.805,34
    -27,20 (-0,08%)
     
  • FTSE

    7.488,15
    +5,78 (+0,08%)
     
  • HANG SENG

    20.003,44
    -42,33 (-0,21%)
     
  • NIKKEI

    27.999,96
    -249,28 (-0,88%)
     
  • NASDAQ

    13.003,00
    -180,25 (-1,37%)
     
  • BATS 1000 Index

    0,0000
    0,0000 (0,00%)
     
  • EURO/R$

    5,2438
    +0,0344 (+0,66%)
     

Wall St encerra semana tumultuada com sólido rali por alívio em temor de alta do juro

  • Opa!
    Algo deu errado.
    Tente novamente mais tarde.
Operador trabalha no salão da Bolsa de Valores de Nova York
Neste artigo:
  • Opa!
    Algo deu errado.
    Tente novamente mais tarde.

Por Stephen Culp

NOVA YORK (Reuters) - As ações de Wall Street fecharam em alta acentuada nesta sexta-feira e encerraram vários dias de liquidação com uma retomada impulsionada por balanços corporativos otimistas, fortes dados econômicos e menos preocupações com um aumento da taxa de juros pelo banco central dos Estados Unidos acima do esperado.

O índice S&P 500 fechou em alta de 1,92%, a 3.863,16 pontos. O Dow Jones subiu 2,15%, a 31.288,26 pontos. O índice de tecnologia Nasdaq Composite avançou 1,79%, a 11.452,42 pontos.

Os três principais índices acionários dos EUA registraram ganhos sólidos, com o índice S&P para o setor financeiro na liderança depois que o balanço do Citigroup Inc superou previsões. Isso reverteu os efeitos da liquidação de quinta-feira, ditada pela orientação pessimista dada pelos bancos rivais JPMorgan Chase e Morgan Stanley.

O S&P 500 e o Dow Jones puserem fim a sequências de cinco dias de perdas e, junto com o Nasdaq, acumularam recuo semanal.

"Ainda estamos abaixo da linha de tendência de queda", disse Sam Stovall, estrategista-chefe de investimentos da CFRA Research em Nova York. "Uma nova tendência não se faz em um dia."

Temores de que o Federal Reserve suba os custos dos empréstimos agressivamente foram acalmados após comentários de autoridades do Fed na quinta e nesta sexta-feira. Formuladores de política monetária indicaram que um aumento de 0,75 ponto percentual na taxa de juros é mais provável que o incremento de 1 ponto percentual que muitos no mercado temiam. [nL1N2YW1RR]

Todos os 11 principais setores do S&P 500 terminaram o pregão desta sexta em território positivo, com as ações financeiras conquistando, com folga, o maior ganho percentual, de 3,5%.

Nosso objetivo é criar um lugar seguro e atraente onde usuários possam se conectar uns com os outros baseados em interesses e paixões. Para melhorar a experiência de participantes da comunidade, estamos suspendendo temporariamente os comentários de artigos