Mercado abrirá em 6 h 22 min
  • BOVESPA

    109.951,49
    +2.121,77 (+1,97%)
     
  • MERVAL

    38.390,84
    +233,89 (+0,61%)
     
  • MXX

    53.125,01
    -210,50 (-0,39%)
     
  • PETROLEO CRU

    78,49
    +0,02 (+0,03%)
     
  • OURO

    1.878,50
    +1,10 (+0,06%)
     
  • BTC-USD

    22.576,08
    -649,67 (-2,80%)
     
  • CMC Crypto 200

    519,95
    -16,94 (-3,16%)
     
  • S&P500

    4.117,86
    -46,14 (-1,11%)
     
  • DOW JONES

    33.949,01
    -207,68 (-0,61%)
     
  • FTSE

    7.885,17
    +20,46 (+0,26%)
     
  • HANG SENG

    21.412,99
    +129,47 (+0,61%)
     
  • NIKKEI

    27.573,25
    -33,21 (-0,12%)
     
  • NASDAQ

    12.592,00
    +46,75 (+0,37%)
     
  • BATS 1000 Index

    0,0000
    0,0000 (0,00%)
     
  • EURO/R$

    5,5759
    +0,0085 (+0,15%)
     

Wall St recua com mercado de trabalho forte e falas de autoridades do Fed

Fachada da Bolsa de Valores de Nova York

Por Amruta Khandekar e Ankika Biswas

(Reuters) - Os principais índices de Wall Street caíam acentuadamente nesta quinta-feira, com novas evidências de um mercado de trabalho apertado e comentários agressivos de autoridades do Federal Reserve aprofundando os temores com juros elevados por mais tempo do que o esperado.

A maioria dos papéis de grandes empresas de tecnologia e outras ações de crescimento, como Alphabet Inc e Microsoft Corp, caía mais de 1%, com os rendimentos dos Treasuries saltando em meio a expectativas de aumento dos juros.

A Tesla Inc perdia mais de 5% depois que as vendas de dezembro de seus veículos elétricos fabricados na China caíram para uma mínima de cinco meses, enquanto a Amazon.com Inc, que anunciou planos ampliados de demissões, reverteu os ganhos registrados nas operações de pré abertura.

No índice de referência S&P 500, as ações imobiliárias sensíveis aos juros lideravam as perdas, com queda de 2,2%, enquanto os papéis financeiros cediam 1%.

O Relatório Nacional de Emprego da ADP mostrou um aumento muito maior do que o esperado no emprego privado em dezembro nos EUA, enquanto outro relatório mostrou que os pedidos semanais de auxílio-desemprego caíram na semana passada.

"O mercado quer ver mais desemprego para fazer o Fed parar de aumentar os juros e o relatório de hoje foi realmente bom do ponto de vista econômico, mas ruim no sentido de fazer o Fed parar", disse Thomas Hayes, presidente da Great Hill Capital LLC, em Nova York.

Às 13:25 (de Brasília), o índice S&P 500 perdia 1,08%, a 3.811,37 pontos, enquanto o Dow Jones caía 1,32%, a 32.829,05 pontos. O índice de tecnologia Nasdaq Composite recuava 1,15%, a 10.338,09 pontos.