Mercado fechado
  • BOVESPA

    117.669,90
    -643,10 (-0,54%)
     
  • MERVAL

    38.390,84
    +233,89 (+0,61%)
     
  • MXX

    47.627,67
    -560,43 (-1,16%)
     
  • PETROLEO CRU

    59,34
    -0,26 (-0,44%)
     
  • OURO

    1.744,10
    -14,10 (-0,80%)
     
  • BTC-USD

    60.003,84
    -271,41 (-0,45%)
     
  • CMC Crypto 200

    1.235,89
    +8,35 (+0,68%)
     
  • S&P500

    4.128,80
    +31,63 (+0,77%)
     
  • DOW JONES

    33.800,60
    +297,00 (+0,89%)
     
  • FTSE

    6.915,75
    -26,47 (-0,38%)
     
  • HANG SENG

    28.698,80
    -309,30 (-1,07%)
     
  • NIKKEI

    29.768,06
    +59,06 (+0,20%)
     
  • NASDAQ

    13.811,00
    +63,25 (+0,46%)
     
  • BATS 1000 Index

    0,0000
    0,0000 (0,00%)
     
  • EURO/R$

    6,7625
    +0,1276 (+1,92%)
     

Wall St sobe após dados melhores de seguro-desemprego nos EUA

·1 minuto de leitura
Wall St abre em alta com mercados de títulos mais calmos

(Reuters) - O índice Dow Jones, composto por blue-chips, bateu uma pontuação máxima recorde pela quarta sessão consecutiva nesta quinta-feira, com menor receio sobre inflação, enquanto uma queda maior do que a esperada nos pedidos semanais de seguro-desemprego reforçou expectativas de uma recuperação do mercado de trabalho.

"A queda nos pedidos de seguro-desemprego é outra vitória da semana e um sinal sólido de que estamos fazendo alguns avanços em direção à vida pré-pandemia", disse Mike Loewengart, diretor-gerente de estratégia de investimento da E*TRADE Financial.

O índices S&P para os setores financeiro e industrial caíam nesta quinta-feira, após superarem outros importantes segmentos do S&P neste ano, visto que se beneficiam da reabertura da economia.

Os setores de tecnologia e consumo discricionário --que se beneficiam de medidas de isolamento social em casa e que sofreram recentemente-- subiam 1,2% e 1,4%, respectivamente.

Às 12:53 (horário de Brasília), o índice Dow Jones subia 0,89%, a 32.583 pontos, enquanto o S&P 500 ganhava 0,957215%, a 3.936 pontos. O índice de tecnologia Nasdaq avançava 2,05%, a 13.336 pontos.

(Por Medha Singh e Shashank Nayar)