Mercado fechará em 6 h 35 min
  • BOVESPA

    109.482,31
    +638,57 (+0,59%)
     
  • MERVAL

    38.390,84
    +233,89 (+0,61%)
     
  • MXX

    50.557,65
    -750,06 (-1,46%)
     
  • PETROLEO CRU

    70,63
    +0,34 (+0,48%)
     
  • OURO

    1.772,20
    +8,40 (+0,48%)
     
  • BTC-USD

    43.058,77
    -608,21 (-1,39%)
     
  • CMC Crypto 200

    1.078,76
    -55,62 (-4,90%)
     
  • S&P500

    4.357,73
    -75,26 (-1,70%)
     
  • DOW JONES

    33.970,47
    -614,41 (-1,78%)
     
  • FTSE

    6.979,28
    +75,37 (+1,09%)
     
  • HANG SENG

    24.221,54
    +122,40 (+0,51%)
     
  • NIKKEI

    29.839,71
    -660,34 (-2,17%)
     
  • NASDAQ

    15.069,25
    +59,75 (+0,40%)
     
  • BATS 1000 Index

    0,0000
    0,0000 (0,00%)
     
  • EURO/R$

    6,2406
    -0,0041 (-0,07%)
     

Voz da mãe pode amenizar a dor de bebês prematuros na UTI, sugere estudo

·3 minuto de leitura

O momento do nascimento pode ser um tanto quanto estranho para um bebê, pois ele sai do conforto da barriga de sua mãe para uma realidade completamente diferente. Quando o bebê nasce antes do prazo, então, a experiência pode ser ainda mais confusa, desconfortável, e até dolorida, principalmente por precisar de cuidado intensivo.

Felizmente, de acordo com um novo estudo, há uma forma de tornar a experiência menos traumatizante para bebês que nascem prematuros: a voz da mãe. A pesquisa descobriu que a voz da mãe é capaz de alterar tanto a dor quando os níveis de ocitocina do prematuro.

Com o avanço da medicina, os cuidados com um bebê prematuro são os mais diversos, como intubação, a inserção de tubos de alimentação com todos os nutrientes necessários, analgesia, monitoramento cardíaco, entre outras tecnologias. Mas além dos cuidados médicos, os especialistas já sabiam que a presença da mãe ou do pai pode ajudar no tratamento.

<em>Imagem: Reprodução/KamranAydinov/Freepik</em>
Imagem: Reprodução/KamranAydinov/Freepik

Então, cientistas da Suíça, sabendo dos benefícios da presença dos pais na recuperação de um recém-nascido prematuro, investigaram a influência da voz da mãe. Para chegar nas respostas, os pesquisadores fizeram o acompanhamento de 20 bebês prematuros do Hospital Parini, na Itália, e pediram que as mães estivessem presentes durante os exames de sangue diários. Em recém-nascidos, a coleta de sangue é feita com uma picada no calcanhar (teste do pezinho), diferente dos adultos.

Então, os cientistas acompanharam a resposta dos bebês em três situações diferentes: uma coleta feita com a mãe presente, uma com a mãe falando e outra com a mãe cantando. "Para o estudo, a mãe começou a falar ou cantar cinco minutos antes da agulhada e depois do procedimento. Também medimos a intensidade da voz para cobrir o ruído ao redor, já que as unidades de terapia intensivas costumam ser barulhentas devido às ventilações e outros dispositivos médicos", conta Didier Grandjean, professor e líder do estudo.

A análise foi feita com base em um perfil que avalia a dor dos bebês pelas expressões faciais e sinais fisiológicos, como oxigenação e batimentos cardíacos. Os pesquisadores descobriram que, sem a presença da mãe, os níveis de dor chegavam a 4,5, mas caíam para 3,8 quando elas cantavam, e para 3 quando elas conversavam com o bebê. Em relação à oxitocina, hormônio que conecta mãe e recém-nascido, houve um aumento de 0,8 picogramas por mililitro para 1,4 quando a voz da mãe era ouvida.

<em>Imagem: Reprodução/Aditya Romansa/Unsplash</em>
Imagem: Reprodução/Aditya Romansa/Unsplash

Manuela Filippa, uma das principais autoras do estudo, conta que o trabalho mostrou a importância da aproximação da mãe com o bebê durante a recuperação na terapia intensiva. "Os pais desempenham um papel protetor, podem agir e se sentirem envolvidos em ajudar o filho a se sentir o melhor possível, fortalecendo os laços essenciais de conexão que são desvalorizados no nascimento como um todo", completa.

Você pode conferir o estudo completo na revista científica Scientific Reports.

Fonte: Canaltech

Trending no Canaltech:

Nosso objetivo é criar um lugar seguro e atraente onde usuários possam se conectar uns com os outros baseados em interesses e paixões. Para melhorar a experiência de participantes da comunidade, estamos suspendendo temporariamente os comentários de artigos