Mercado fechado

Votos antecipados nos EUA já superam metade do total de 2016

·1 minuto de leitura

Faltando menos de uma semana para a eleição presidencial nos Estados Unidos, 71 milhões de pessoas já foram às urnas de forma antecipada Faltando menos de uma semana para a eleição presidencial nos Estados Unidos, 71 milhões de pessoas já foram às urnas de forma antecipada, o equivalente a mais da metade do total de votos contabilizados há quatro anos. Os números foram levantados pelo U.S. Elections Project, conduzido pelo professor Michael McDonald, da Universidade da Flórida. Segundo ele, 47,7 milhões de votos foram enviados pelo correio, enquanto 23,3 milhões de americanos foram pessoalmente votar de forma antecipada. Em 2016, 138 milhões de eleitores participaram do pleito. Devido à pandemia de covid-19, um número recorde de votos antecipados já era esperado. Para se proteger da doença, muitos eleitores estão optando pelo voto postal ou por ir presencialmente a uma seção eleitoral antes da próxima terça-feira. A participação é especialmente elevada no Texas, onde 7,8 milhões de pessoas já votaram antecipadamente, o equivalente a 87% da participação registrada em 2016. Na Carolina do Norte, um dos Estados-chave para a disputa entre os dois candidatos, os 3,4 milhões de americanos que foram às urnas equivalem a 71,5% do total registrado há quatro anos. Segundo os dados do U.S. Elections Project, em Estados nos quais os eleitores informam se são filiados aos partidos, os democratas foram responsáveis por 48% dos votos antecipados, contra 29% dos republicanos.