Mercado abrirá em 1 h 43 min
  • BOVESPA

    110.249,73
    +1.405,98 (+1,29%)
     
  • MERVAL

    38.390,84
    +233,89 (+0,61%)
     
  • MXX

    50.828,13
    +270,48 (+0,53%)
     
  • PETROLEO CRU

    71,59
    +1,10 (+1,56%)
     
  • OURO

    1.775,30
    -2,90 (-0,16%)
     
  • BTC-USD

    42.135,02
    -1.209,96 (-2,79%)
     
  • CMC Crypto 200

    1.051,24
    -12,60 (-1,18%)
     
  • S&P500

    4.354,19
    -3,54 (-0,08%)
     
  • DOW JONES

    33.919,84
    -50,63 (-0,15%)
     
  • FTSE

    7.060,87
    +79,89 (+1,14%)
     
  • HANG SENG

    24.221,54
    +122,40 (+0,51%)
     
  • NIKKEI

    29.639,40
    -200,31 (-0,67%)
     
  • NASDAQ

    15.068,75
    +44,75 (+0,30%)
     
  • BATS 1000 Index

    0,0000
    0,0000 (0,00%)
     
  • EURO/R$

    6,1799
    +0,0008 (+0,01%)
     

Voltalia inicia no Brasil construção do maior projeto solar no mundo

·1 minuto de leitura
Paineis de energia fotovoltaica.

RIO DE JANEIRO (Reuters) - A elétrica francesa Voltalia iniciou neste mês a construção das usinas Solar Serra do Mel 1 (SSM 1) e Solar Serra do Mel 2 (SSM 2), que somam 320 megawatts, em Rio Grande do Norte, informou a companhia nesta quarta-feira em comunicado.

As usinas integram o Serra Branca, maior complexo eólico e solar no mundo, com capacidade total de 2,4 GW com parques eólicos em operação e centenas de megawatts em desenvolvimento.

A previsão é que o comissionamento ocorra no primeiro semestre de 2022. Os projetos SSM 1 e SSM 2 têm cinco contratos de venda de longo prazo, incluindo para Copel e Braskem.

Serra Branca é um cluster híbrido localizado entre os municípios de Areia Branca e Serra do Mel, região conhecida por concentrar ótimas condições eólicas e solares.

"As duas fontes de energia são complementares, uma vez que a produção eólica ocorre principalmente à noite. Com isso, pretendemos aproveitar a sinergia das fontes e compartilhamento da mesma estrutura de escoamento de energia para desenvolver projetos mais competitivos e rentáveis", disse em nota o presidente da Voltalia no Brasil, Robert Klein.

(Por Marta Nogueira; edição de Aluísio Alves)

Nosso objetivo é criar um lugar seguro e atraente onde usuários possam se conectar uns com os outros baseados em interesses e paixões. Para melhorar a experiência de participantes da comunidade, estamos suspendendo temporariamente os comentários de artigos