Mercado abrirá em 2 h 7 min

Volks mira liderança global em carros elétricos até 2025

Christoph Rauwald
·2 minuto de leitura

(Bloomberg) — A Volkswagen planeja ampliar os esforços de redução de custos e padronizar tecnologias estratégicas enquanto busca competir com a Tesla em carros elétricos e manter a distância em relação a rivais tradicionais.

A Volks tem como meta vender 1 milhão de veículos elétricos este ano e pretende se tornar a líder global desse mercado até no máximo 2025, disse a empresa na terça-feira. Em 2030, a fatia de veículos totalmente elétricos na Europa deverá aumentar para até 60% das entregas da montadora.

“Achamos que podemos provar este ano que somos fortes em VE”, ou veículos elétricos, disse o CEO Herbert Diess em entrevista à Bloomberg Television.

A maior montadora da Europa reestrutura suas operações com o objetivo de liberar fundos para novas tecnologias, enquanto planeja fabricar a maior frota de veículos elétricos do setor. A empresa introduziu vários novos modelos movidos a bateria, anunciou o projeto mais ousado da Europa para a produção de baterias e fechou um acordo com sindicatos para cortar mais empregos na Alemanha.

A Volks disse que usará uma abordagem de “plataforma” para aumentar economias de escala e elevar a eficiência da implantação de tecnologias, incluindo software, baterias e infraestrutura de carregamento.

A empresa planeja expandir as operações de software para 10 mil funcionários enquanto desenvolve recursos de direção automatizada e sistemas operacionais para automóveis. As contratações tornariam a Volks uma das maiores empresas de software da Europa, atrás SAP, melhorando suas chances de alcançar a Tesla e enfrentar os riscos com as ambições da Apple e da Alphabet no setor automotivo.

As iniciativas para reestruturar os negócios Volks foram abaladas no ano passado pela crise de saúde, que fechou fábricas e showrooms. Enquanto muitos países europeus ainda enfrentam o aumento de casos de Covid e vacinação lenta, a indústria também é impactada pela escassez de semicondutores que afetou a produção.

For more articles like this, please visit us at bloomberg.com

Subscribe now to stay ahead with the most trusted business news source.

©2021 Bloomberg L.P.