Mercado fechado

Você nunca mais vai querer coçar os olhos após ver este vídeo

·3 min de leitura

Quem costuma coçar os olhos com frequência deve se preocupar com os possíveis riscos que esse ato, aparentemente simples e inofensivo, pode causar na saúde dos olhos. Para demonstrar o que acontece, um oftalmologista francês compartilhou, em vídeo, uma ressonância magnética (MRI) de um paciente saudável esfregando os olhos em tempo real.

Quando registrou as imagens em 2019, o oftalmologista e chefe do departamento de cirurgia refrativa da Fundação Rothschild, Daniel Gatinel, queria entender como o simples ato de coçar os olhos poderia causar determinados problemas oculares. De fato, o resultado é surpreendentemente estranho.

Pelas imagens da ressonância, é possível observar que, quando uma pessoa esfrega os olhos — uma conquista evolutiva bastante delicada e sensível —, ela está empurrando e comprimindo-os no crânio. Inclusive, ao empurrar os globos oculares, a ressonância mostra o deslocamento de outras estruturas, como o nervo óptico e tecidos adjacentes. O ato repetido inúmeras vezes traz sérias consequências para a saúde da visão, inclusive pode ser uma das causas do ceratocone.

Coçar os olhos e o ceratocone

Coçar excessivamente os olhos pode desencadear o ceratocone (Imagem: Reprodução/Wirestock/Freepik)
Coçar excessivamente os olhos pode desencadear o ceratocone (Imagem: Reprodução/Wirestock/Freepik)

“Pela primeira vez, a ressonância magnética dinâmica objetiva o efeito de esfregar os olhos na córnea e nas estruturas orbitais adjacentes”, detalhou o oftalmologista Gatinel na descrição original do vídeo. “Este material fornece outra evidência de que o ceratocone (e possivelmente outras doenças oculares) é causado pelo esfregar excessivo dos olhos”, complementa o médico.

Na mesma direção das descobertas de Gatinel, uma revisão sistemática também observou que esfregar os olhos está relacionado ao ceratocone. Publicada na revista International Journal of Ophthalmology, a revisão analisou 24 estudos científicos sobre o tema. Para os autores, o coçar pode desencadear “o afinamento do ceratócito”, o que pode levar à doença.

Afinal, o que é ceratocone?

De acordo com a Sociedade Brasileira de Oftalmologia Pediátrica (SBOP), "o ceratocone é uma degeneração do olho, na qual a córnea — normalmente, redonda e em forma de cúpula (superfície frontal transparente do olho) — se torna cada vez mais fina e protrusa. Isso faz com que uma protuberância em forma de cone se desenvolva na área onde a córnea é mais fina — geralmente, no centro ou porção inferior. Essa alteração, geralmente leva à visão turva e mudanças frequentes no grau dos óculos/lente de contato".

Coçar os olhos pode afetar a saúde da visão e trazer complicações (Imagem: Reprodução/Tirachardz/Freepik)
Coçar os olhos pode afetar a saúde da visão e trazer complicações (Imagem: Reprodução/Tirachardz/Freepik)

Entre as principais mudanças no grau, a SBOP destaca que o ceratocone age, mais comumente, "agravando a miopia (dificuldade em enxergar longe) e o astigmatismo irregular (perda da curvatura normal do olho)". Além disso, o paciente pode relatar fotofobia (sensibilidade à luz) e reclamar de “imagens fantasmas”, listras ou distorções ao redor das luzes.

Em casos graves, pode ser necessário o transplante da córnea. "Cerca de 10 a 25% dos pacientes podem apresentar diminuição da visão e cicatrizes graves o suficiente para justificar um procedimento de transplante de córnea", explica a SBOP.

Depois de todas essas possíveis complicações, vale pensar duas vezes antes de coçar os olhos novamente. Além do mais, a irritação no olho ou o ressacamento dos olhos podem ser sintomas de algum outro quadro. Em casos de dúvidas ou de orientações, a recomendação é sempre buscar por um oftalmologista. Este poderá receitar colírios adequados para a lubrificação, por exemplo.

Para acessar a revisão, publicada na revista International Journal of Ophthalmology, clique aqui. A seguir, confira a explicação completa do oftalmologista Daniel Gatinel sobre os riscos de coçar os olhos, em frânces:

Fonte: Canaltech

Trending no Canaltech:

Nosso objetivo é criar um lugar seguro e atraente onde usuários possam se conectar uns com os outros baseados em interesses e paixões. Para melhorar a experiência de participantes da comunidade, estamos suspendendo temporariamente os comentários de artigos