Mercado abrirá em 4 h 24 min
  • BOVESPA

    108.402,27
    +1.930,27 (+1,81%)
     
  • MERVAL

    38.390,84
    +233,89 (+0,61%)
     
  • MXX

    47.354,86
    +631,46 (+1,35%)
     
  • PETROLEO CRU

    89,31
    -1,45 (-1,60%)
     
  • OURO

    1.808,80
    +3,60 (+0,20%)
     
  • BTC-USD

    23.840,22
    -133,83 (-0,56%)
     
  • CMC Crypto 200

    556,71
    +13,83 (+2,55%)
     
  • S&P500

    4.140,06
    -5,13 (-0,12%)
     
  • DOW JONES

    32.832,54
    +29,04 (+0,09%)
     
  • FTSE

    7.488,31
    +5,94 (+0,08%)
     
  • HANG SENG

    20.003,44
    -42,33 (-0,21%)
     
  • NIKKEI

    27.999,96
    -249,28 (-0,88%)
     
  • NASDAQ

    13.192,00
    +8,75 (+0,07%)
     
  • BATS 1000 Index

    0,0000
    0,0000 (0,00%)
     
  • EURO/R$

    5,2164
    +0,0070 (+0,13%)
     

Vinho, pescaria e leitura: o happy hour do CEO do Olist

Natural de Londrina, Tiago Dalvi divide a sua rotina entre Curitiba, onde fundou o Olist e vive atualmente, e viagens a São Paulo e a outros destinos onde a startup de soluções de e-commerce e logística opera, como o México. Nos momentos de folga, o CEO da Olist gosta de se refugiar com a família em sua casa de Florianópolis ou de viajar para praticar pesca esportiva. “É quase como a minha terapia. Poder me conectar com uma única coisa e nem olhar para o celular”, afirma o executivo.

Reunir os amigos em casa também é uma das coisas mais prazeirosas para Dalvi. E para acompanhar uma boa conversa, o paranaense aprecia vinho. Já o prato preferido do empresário é o churrasco, principalmente por envolver um ritual agregador.

CEO da Olist: “É quase como a minha terapia. Poder me conectar com uma única coisa e nem olhar para o celular”, afirma o executivo. Foto: Getty Images.
CEO da Olist: “É quase como a minha terapia. Poder me conectar com uma única coisa e nem olhar para o celular”, afirma o executivo. Foto: Getty Images.

Entre os hobbies de Dalvi, ler é uma atividade quase diária. Em entrevista ao Yahoo Finanças, o empresário recomenda três títulos relacionados ao mundo empresarial: “Principles, do Ray Dalio; “Working Backwards”, de Colin Bryar e Bill Carr; e “The Amazon Way”, de John Rossman. “Todos eles têm como tema os princípios, que é como você vai tocar o negócio para que ele seja menos dependente do empreendedor, do CEO ou de qualquer liderança”, afirma Dalvi.

De empreendedor para empreendedor

Empreendedor Endeavor, formado em administração pela Universidade Federal do Paraná e filho de empreendedores, Tiago Dalvi atua com empreendedorismo desde o início da sua carreira. A experiência no varejo fizeram o executivo conhecer as dores do mercado e os desafios da digitalização das vendas e, por consequência, se debruçar sobre soluções para viabilizar e facilitar a vida de quem quer vender produtos na internet.

Desde a fundação do Olist como uma loja de produtos artesanais em um shopping de Curitiba, Dalvi se adaptou às demandas do mercado e transformou o seu negócio em um ecossistema tecnológico que serve soluções de e-commerce e logística para mais de 100 mil Micro, Pequenas e Médias Empresas (MPMEs) e marcas digitais. Em 2021, o Olist virou um unicórnio entre as startups ao ser avaliada e mais de US$ 1,2 bilhão.

Nosso objetivo é criar um lugar seguro e atraente onde usuários possam se conectar uns com os outros baseados em interesses e paixões. Para melhorar a experiência de participantes da comunidade, estamos suspendendo temporariamente os comentários de artigos