Mercado fechado

Vingadores: Ultimato vaza na China e já está viralizando na web

Felipe Ribeiro

Apenas algumas horas depois de Vingadores: Ultimato estrear na China, uma cópia gravada por uma câmera,dentro de uma sala de cinema, havia vazado. Dados revisados ​​pelo TorrentFreak revelam que o filme foi inicialmente compartilhado por usuários de torrent baseados exclusivamente na China, com conexões relativamente lentas. No entanto, essa situação limitada provavelmente não persistirá por muito tempo.

Curiosamente, a Disney escolheu lançar o filme na China primeiro, com a ideia de combater a pirataria e, a partir das 17h (horário local) de hoje, ele já havia arrecadado cerca de US$ 90 milhões (R$ 352 milhões) em vendas.

Como prevenção, as fontes do TorrentFreak colocaram sistemas em funcionamento para verificar se o filme estaria sendo compartilhado na plataforma BitTorrent. Entre 16h e 17h, no horário oficial da China, já era possível ver muitos downloads no software, com o arquivo do filme tendo duas variantes: uma com um pouco mais de 1 GB e outra de 2GB.

O arquivo já aparece no uTorrent (Via TorrentFreak)

Os dados obtidos indicam, também, que a maioria dos compartilhadores iniciais estava usando variantes do popular cliente torrent Thunder, que normalmente pode ser identificado através de seu código de cliente começando em 7.10.35.XXX. Um único usuário do uTorrent (Vietnã) foi uma das primeiras pessoas a compartilhar o arquivo.

Segundo as fontes do Torrent Freak, a qualidade de ambos os arquivos é péssima, com a imagem bem borrada, som fraco e com interferências dos presentes. Em respeito aos fãs, não mostraremos os prints. O Canaltech, aliás, é completamente contra a pirataria.

Nós já assistimos a Vingadores: Ultimato e a crítica (sem spoilers) pode ser conferida aqui.


Fonte: Canaltech

Trending no Canaltech: