Mercado fechado

Vilarejo espanhol é colocado à venda por 260 mil euros

Vista aérea de Salto de Castro
A aldeia de Salto de Castro. na fronteira da Espanha com Portugal, está desabitada há mais de 30 anos

Para quem sonha em se mudar para o interior, que tal comprar uma vila inteira na Espanha?

O vilarejo Salto de Castro, no noroeste da Espanha, está à venda por 260 mil euros (cerca de R$ 1,4 milhão).

Localizado na Província de Zamora, na fronteira com Portugal, a vila fica a três horas de carro de Madri.

Salto de Castro tem muitos dos edifícios típicos de uma pequena cidade espanhola.

São 44 casas, um hotel, uma igreja, uma escola, uma piscina municipal e até um quartel que abrigava a guarda civil.

Mas o que o vilarejo não tem são moradores. Salto de Castro está abandonado há mais de três décadas.

O proprietário comprou o vilarejo no início dos anos 2000, com a intenção de transformá-lo em ponto turístico. No entanto, a crise econômica da zona do euro impediu que o plano prosperasse.

"O proprietário tinha o sonho de ter um hotel aqui, mas tudo foi adiado", disse Ronnie Rodríguez, corretor da Royal Invest, empresa que representa o dono da vila. "Ele ainda gostaria que o projeto se tornasse realidade."

Ronnie Rodríguez
O corretor Ronnie Rodríguez diz que o proprietário queria montar um hotel na vila

O proprietário, que está na casa dos 80 anos de idade, justificou a venda no site Idealista, onde o anúncio foi colocado: "Estou vendendo porque sou urbano e não posso bancar a manutenção da vila", disse.

O local atraiu grande interesse nos últimos dias, com mais de 50 mil visitas no site desde que foi colocado à venda há uma semana.

Rodríguez disse que 300 pessoas manifestaram interesse em comprar, com pedidos da Rússia, França, Bélgica e do Reino Unido. Um comprador em potencial já investiu dinheiro para fazer uma reserva, disse o corretor.

Salto de Castro foi construído na década de 1950 pela empresa de geração de energia elétrica Iberduero.

O objetivo era abrigar as famílias dos trabalhadores que construíram um reservatório na região.

Mas os moradores se mudaram após a conclusão da obra e a vila foi totalmente abandonada no final dos anos 1980.

A região faz parte do que ficou conhecido como "Espanha esvaziada" - áreas rurais escassamente povoadas que carecem de muitos dos serviços encontrados nas vilas e cidades.

Salto de Castro foi colocada à venda anteriormente por 6,5 milhões de euros. No entanto, sem compradores interessados e com muitos dos edifícios vandalizados, o preço da vila despencou.

O preço pedido de 260 mil euros é suficiente apenas para um apartamento de um quarto em áreas abastadas de Madri ou Barcelona.

Mas o eventual comprador de Salto de Castro pode precisar de muito mais dinheiro, pelo menos para atrair visitantes.

Segundo site de imóveis Idealista, "o investimento necessário para tornar a aldeia 100% viável e rentável não ultrapassaria os 2 milhões de euros".

- Este texto foi publicado em https://www.bbc.com/portuguese/internacional-63592818